Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Mário Fernandes anuncia pausa na carreira para ficar com a família

CSKA/Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Filho do lateral-direito são-caetanense naturalizado russo nascerá no segundo semestre deste ano


Dérek Bittencourt

18/05/2022 | 16:27


O lateral-direito Mário Fernandes, 31 anos, revelado no São Caetano, com passagem pelo Grêmio e há dez temporadas no CSKA-RUS, anunciou ontem que realizará uma pausa na carreira. Naturalizado russo e tendo disputado a Copa do Mundo de 2018 pela Rússia - justamente país-sede naquela edição - o jogador são-caetanense surpreendeu ao revelar que suspenderá seu contrato para descansar e se dedicar à família.

Mário Fernandes voltará a São Caetano no domingo, um dia após sua última partida pelo CSKA, contra o Rostov. "Ultimamente tenho sentido um colossal cansaço acumulado e grande exaustão, e não posso mais dar tudo o que sempre dei em benefício do CSKA nos últimos anos. Jogo futebol profissionalmente há 13 anos, dos quais passei dez anos no CSKA. É hora de estar com a família", começou o jogador em comunicado.

"Meu filho vai nascer no Brasil entre setembro e outubro e gostaria de acompanhar o nascimento dele. Encontrei-me com o presidente do clube Evgeny Lennorovich Giner e o diretor geral Roman Yuryevich Babaev, expliquei a eles tudo. Pedi que me permitissem passar algum tempo com minha família no Brasil. Quero agradecer a eles por terem tratado meu pedido com compreensão e concordarem em me deixar ir, comunicando-se comigo como se fosse um filho", continuou Mário Fernandes, que coleciona 328 jogos, dez gols, três títulos da Liga Russa, três títulos da Supercopa da Rússia e um título da Copa da Rússia pelo CSKA.

O atleta ainda negou que sua ação tenha alguma relação com a guerra entre Rússia x Ucrânia - inclusive o CSKA é o time de coração do presidente Vladimir Putin. "Que fique claro que não estou saindo por motivo político na Rússia ou por dinheiro, mas para passar tempo com minha família e descansar. O CSKA sempre estará no meu coração e será o primeiro", encerrou. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;