Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

'Gostaria que as palavras de Messi fossem honestas e não em vão', diz Lewandowski



07/12/2021 | 10:30


O centroavante polonês Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, falou pela primeira vez nesta terça-feira da premiação da Bola de Ouro ao argentino Lionel Messi, sendo que ele que era apontado como um dos grandes favoritos a esse prêmio, dado na semana passada pela revista francesa France Football aos melhores da temporada.

Em entrevista ao canal de TV Sportowym, da Polônia, revelou que ficou triste com a situação e comentou as palavras do craque do Paris Saint-Germain, premiado pela sétima vez na carreira, que pediu que a France Football atribuísse a honraria a Lewandowski.

"Fiquei triste, não escondo. Não posso dizer que fiquei satisfeito, muito pelo contrário. Estar tão perto, competir com o Messi... claro que respeito a forma como ele joga e o que conquistou. O próprio fato de poder competir com ele diz muito do nível que consegui atingir. Mas a verdade é que fiquei triste e ainda bem que não tivemos jogo (pelo Bayern de Munique) no meio da semana, disse.

O polonês somou 580 pontos na votação de um júri composto por 180 jornalistas, ficando bem próximo de Messi, que alcançou 613 - impulsionado pela conquista de um título inédito com a seleção da Argentina, a Copa América, apesar da temporada ruim do Barcelona. Lewandowski era visto como um dos fortes candidatos, já que voltou a fazer mais de 40 gols na última temporada, quando o Bayern de Munique levou o título do Campeonato Alemão novamente.

Eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa na temporada passada, Lewandowski viu a edição 2020 do prêmio da France Football - na qual seria o grande favorito - ser cancelada por conta da pandemia da covid-19. Por isso, Messi, ao vencer o polonês neste ano, citou o astro do Bayern de Munique em seu discurso, pedindo que a revista ofereça um troféu a Lewandowski por conta do ano passado.

"Gostaria que as palavras de Messi fossem honestas e não em vão. E não fico entusiasmado com essa possibilidade (de receber a Bola de Ouro de 2020", prosseguiu. "Claro, não quero ficar orgulhoso ou entusiasmado, mas, como disse, há toda uma eleição baseada em tudo o que está sendo feito. Já estou focado em outra coisa, mas estar tão perto e ao mesmo tempo tão longe deixa esse sentimento tão amargo. Tudo o que eu carrego pode demorar um pouco para passar", completou.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;