Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Djokovic ganha duas vezes, Sérvia supera Casaquistão e vai à semifinal da Davis



01/12/2021 | 20:18


Novak Djokovic salvou a Sérvia de uma eliminação vexatória diante do Casaquistão nas quartas de final da Copa Davis. O número 1 do mundo ganhou seus jogos no individual e nas duplas para garantir a virada por 2 a 1 na série em Madri, na Espanha. Por vaga na final, a Sérvia terá a Croácia pela frente, na sexta-feira.

A atual edição da Copa Davis devia ter sido disputada em 2020, mas a pandemia de covid-19 adiou a disputa para 2021, por isso os jogos de um dia só e com apenas três partidas. Antigamente eram três dias de disputas e cinco jogos.

A classificação dos sérvios veio apenas no terceiro set do jogo de duplas. Ao lado de Nikola Cacic, Djokovic começou com tudo a decisão diante de Andrey Golubev e Aleksandr Nedovyesov, fechando o primeiro set em 6/2. Os tenistas casaques reagiram e devolveram o placar na segunda parcial.

A definição, então, foi para o tie-break. Os sérvios conseguiram a quebra na quinta parcial e levaram a vantagem até 5 a 3. Pressionando o serviço rival, desperdiçaram dois match points. Fecharam na terceira chance, com 6/2, 2/6 e 6/3 e 2 a 1 na melhor de três.

Djokovic jogou sob pressão o tempo todo. No primeiro jogo do dia, uma batalha de 3h18 na qual Miomir Kecmanovic desperdiçou grandes chances de ganhar e acabou pressionando seu país. O sérvio 69° do mundo chegou a abrir 5 a 2 no terceiro set sobre Mikhail Kukushkin, com o saque, e não fechou. Ele teve quatro match points e desperdiçou. Acabou caindo por 13 a 11 no tie-break do terceiro set.

Kukushkin deixou o Casaquistão animado com o triunfo por 7/6 (7/5), 4/6 e 7/6 (13/11). Mas sabia que o país não teria muita chance no segundo jogo, com Alexander Bublic diante de Djokovic. E realmente não teve, com o líder do ranking fechando sem sustos por 6/3 e 6/4.

O número 1 do mundo ganhou na partida de simples sem sustos e batalhou muito nas duplas para deixar o país vivo na busca pela terceira conquista da Copa Davis. A Sérvia terá pela frente os algozes da Itália, e tentará voltar à final pela segunda vez em três edições - foi a vencedora de 2018. A última campeã foi a Espanha, em 2019, sobre o Canadá.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;