Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 22 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Câmara de Sto.André instaura CPI da Enel

André Henriques / DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Proposta da base visa apurar irregularidades na prestação dos serviços; oposição critica postura


Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

04/08/2021 | 00:51


A Câmara de Santo André encaminhou na sessão de ontem a instauração de CPI da Enel, logo na primeira plenária pós-recesso parlamentar. A proposta, de autoria do vereador Renatinho do Conselho (Avante), integrante da base, visa apurar eventuais irregularidades na execução dos serviços de fornecimento de energia elétrica por parte da empresa na cidade, bem como falta de manutenção na rede e prejuízos aos moradores. A bancada de oposição, por outro lado, criticou a postura da abertura do bloco neste momento, considerando que a medida possui cunho governista.

A CPI foi formalizada pela mesa diretora da casa a partir do protocolo do requerimento com o número mínimo de assinaturas necessárias, sem passar por votação. Renatinho alegou que “é inadmissível aceitar” serviço de má qualidade da Enel no município e, ao mesmo tempo, cobrança de valores abusivos. “Existem reclamarações de várias famílias. Vamos questionar a empresa. Embora seja privada, é nosso papel debater a situação. Não é politicagem. São muitos casos. Queremos saber critérios de leituras para chegar a valores abusivos. Iremos chamar os responsáveis.”

Oposição, o parlamentar Ricardo Alvarez (Psol) colocou em xeque o teor da proposta. Para ele, o requerimento não deixou transparente o objeto da CPI. “Acho muito frágil. Teria que haver objeto mais específico e claro. Não há clareza sequer do elemento concreto do aumento da tarifa (no documento). O que está parecendo é que existe briga do governo e está jogando aqui para a Câmara comprar. Vejo como furo n’água. Vou apresentar requerimento de CPI na quinta-feira (amanhã) para cobrar da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) a elevação de 23% nos valores da tarifa de água. É muito maior que o aumento da luz. Espero contar com o mesmo ânimo (para abertura)”, discorreu.

“A casa deveria ir em cima da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), órgão regulador. Não precisaria ser CPI, deveria ser requerimento sugerindo que dessem retorno em relação aos serviços, valores cobrados, problemas. Não adianta trazer para cá. CPI isolada, tema fica frágil mesmo”, pontuou o vereador Pedro Awada (Patriota), nomeado para compor a CPI. Além de Awada, a comissão, escolhida por sorteio, será formada pelo próprio Renatinho, Ana Veterinária (DEM), Marcos Pinchiari (PSDB) e Bahia Santana (PSDB).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;