Fechar
Publicidade

Domingo, 7 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Edgard Grecco em Mauá. Adaquir Prisco em Ribeirão Pires

Nas eleições do domingo, 7 de outubro de 1962, toda a região foi às urnas, mas apenas duas cidades elegeram prefeitos, vice-prefeitos e vereadores


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

17/01/2021 | 00:01


ELEIÇÕES 26

Além de Mauá e Ribeirão Pires, que escolheram seus terceiros governantes, mais 65 municípios realizaram eleições municipais, entre eles o vizinho Ferraz de Vasconcelos.

Onze estâncias climáticas e hidrominerais do Estado de São Paulo elegeram prefeitos e vice-prefeitos, pois já tinham eleito seus vereadores.

Vitoriosa a campanha do News Seller. Adhemar e Natel, governador e vice. Os dois Silveira Sampaio.

361 – Em 7 de outubro de 1962 houve eleições em todo o País para a renovação da Câmara Federal, dois terços do Senado, Assembleias Legislativas e os governos de dez Estados da Federação, entre os quais São Paulo.

No Estado de São Paulo, 747 pessoas se candidataram a deputado federal e 2.962, a estadual.

A região, que não tinha deputados, elegeu um federal – Millo Camarosano – e cinco estaduais: Lauro Gomes, Oswaldo Massei, Oswaldo Gimenez, Silveira Sampaio e Elio Bernardi, o primeiro deputado estadual de Mauá. Em manchete, estampou o News Seller: ‘Maciçamente votados os candidatos do ABC; encontrou grande receptividade a campanha deste jornal’ (cf. edição de 14 de outubro de 1962).

362 – Em Mauá concorreram a prefeito quatro candidatos: Ennio Brancalion (PDC, ele que fora o primeiro prefeito da cidade), Edgard Grecco (PSP-PTB), Guilherme Primo Vidotto (PR) e Ariocy Rodrigues Costa (UDN). Edgard Grecco foi eleito com 2.798 votos, de um total de 9.942 eleitores.

363 – A vice-prefeito de Mauá também foram quatro os candidatos: José Mauro Lacava, o eleito com 2.681 votos (PTN), Anselmo Walendy (PTB), Alcides Teodoro Bozelli (PRT) e Alberto Ratti (UDN). À Câmara Municipal concorreram 120 candidatos em disputa de 13 cadeiras. Renovação completa. Apenas três vereadores foram reeleitos: Antonio Polisel, Arsidio Fernandes e Inocêncio Pedro. 

364 – Em Ribeirão Pires, quatro candidatos a prefeito: Adaquir Prisco (PSP), Geraldo Antão Piedade (PSD), Raimundo Batista Viana (PRP) e o ex-prefeito Arthur Gonçalves de Souza Junior (PDC). Adaquir Prisco foi eleito com 2.615 votos, de um colégio eleitoral com 7.631 eleitores.

365 – Os candidatos a vice-prefeito de Ribeirão Pires, num total de cinco: Roberto Bottacin Moreira (UDN), Fausto Décimo (PTN), João de Toledo (PSP), Santinho Carnavalle, o eleito, com 1.506 votos (PRP) e Francisco Tometich (PDC).

Noventa candidatos disputaram as 13 cadeiras à Câmara Municipal de Ribeirão Pires. Entre os eleitos, o futuro vice-prefeito e prefeito Antonio Simões.

366 – Em Mauá, Edgard Grecco não completaria o mandato. Empossado em 1963, foi cassado em 1965. As acusações contra ele foram tão frágeis que a Justiça o inocentou, em 1989, como reconheceu o juiz de direito Renato Marques. O vice-prefeito José Mauro Lacava completou o mandato.

367 – Em Ribeirão Pires, Adaquir Prisco, irmão do futuro prefeito Valdírio Prisco, concluiu o mandato normalmente. Hoje é o mais antigo ex-prefeito vivo do Grande ABC. Reside no Centro de Ribeirão Pires. Em seu mandato de prefeito deu-se a instalação da comarca de Ribeirão Pires, em 1966.

368 – Nas eleições gerais de 1962 usou-se a cédula única, método adotado no antigo Estado da Guanabara em 1960.

“Desmentindo em cheio aqueles que, imaginando dúvidas ou inventando dificuldades, davam combate à cédula única, mostrou o pleito que o novo sistema não implicou apenas na adoção de uma técnica mais apurada, mas alterou de modo profundo o processo de captação da vontade popular. A cédula única representa um avanço, equiparável ao voto secreto” (cf. editorial d’O Estado de S. Paulo, 9 de outubro de 1962).

369 – Adhemar de Barros foi eleito governador de São Paulo em 1962 e Laudo Natel, vice-governador. Lino de Matos e Auro Moura Andrade foram eleitos senadores, completando a bancada paulista ao lado do padre Calazans.

370 – No dia das eleições, advertia O Estadão: “O conhecido ator e médico Silveira Sampaio, apresentador de programas de televisão, não é candidato a deputado, em São Paulo. Quem tem o mesmo sobrenome e concorre ao pleito de hoje é o prefeito de Santo André”.

Nota – Octavio David Filho e Pedro Manoel Cordeiro, da Associação Pró-Memória de Ribeirão Pires, colaboraram com o levantamento das informações referentes à sua cidade.

Diário há meio século

Domingo, 17 de janeiro de 1971 – ano 13, edição 1437

Manchete – Bucher está livre. Libertado o embaixador da Suíça, sequestrado no Estado da Guanabara em dezembro de 1970 e trocado por 70 presos políticos.

Comércio – Sears anuncia venda da barraca: “Um festival de qualidade, quantidade e preços baixos”. Loja de Santo André, à Rua Campos Sales, 217.

Arte Hoje – Enock Sacramento informa que o Teatro Municipal de Santo André deverá ser inaugurado em abril (de 1971).

José Armando Pereira da Silva noticia a volta do dramaturgo Plínio Marcos, no Teatro São Pedro, com a peça Balbina de Iansã. No elenco: Wanda Cosmos, Walderez de Barros, Marina Luiza, Herlana Velasco, Edujardo Abas e Roberto Rocco.

Em 17 de janeiro de...

1916– Do jornalista Nicolau Arnoni, no Estadão: “Foi hoje alvo de grande manifestação popular de apreço, por ter sido reeleito prefeito deste município de São Bernardo, o coronel Saladino Cardoso Franco”.

1921 – Apea (Associação Paulista de Esportes Atléticos) ganha sede nova, no Largo São Francisco: ‘Entidade máxima dos esportes paulistas’.

Lisboa, 14. Foi preso e posto incomunicável o jornalista Felix Corrêa, por artigo publicado na revista Época.

1931 – Companhia Telefônica Brasileira inaugura as redes telefônicas de Santo André e São Caetano.

1956 – Na quadra do Clube Atlético Rhodia, em Santo André, a primeira partida da série melhor de três, em disputa do título do Campeonato Estadual de Voleibol: o Casa Branca local, campeão do Interior, recebe o Adamus, campeão da Capital. Vitória dos visitantes por 3 a 2.

Do elenco do Casa Branca: Zedemar, Bandeira, Lázaro, Gilson, Antoninho, Américo, Ferreira e Pinheiro.

1991 – Iniciada a Guerra do Golfo.

Hoje

Dia dos Tribunais de Contas do Brasil. Instalado em 1893.

Santos do Dia

Sulpício, bispo francês falecido em 644

Leonila

ANTONIO DO DESERTO.

Ou Antão do Egito (251-356). Viveu até os 105 anos. A fama de sua extraordinária experiência de vida santa no deserto correu o mundo. Passou a ser o modelo do monge recluso e chamado, até hoje, de ‘pai dos monges cristãos’



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Edgard Grecco em Mauá. Adaquir Prisco em Ribeirão Pires

Nas eleições do domingo, 7 de outubro de 1962, toda a região foi às urnas, mas apenas duas cidades elegeram prefeitos, vice-prefeitos e vereadores

Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

17/01/2021 | 00:01


ELEIÇÕES 26

Além de Mauá e Ribeirão Pires, que escolheram seus terceiros governantes, mais 65 municípios realizaram eleições municipais, entre eles o vizinho Ferraz de Vasconcelos.

Onze estâncias climáticas e hidrominerais do Estado de São Paulo elegeram prefeitos e vice-prefeitos, pois já tinham eleito seus vereadores.

Vitoriosa a campanha do News Seller. Adhemar e Natel, governador e vice. Os dois Silveira Sampaio.

361 – Em 7 de outubro de 1962 houve eleições em todo o País para a renovação da Câmara Federal, dois terços do Senado, Assembleias Legislativas e os governos de dez Estados da Federação, entre os quais São Paulo.

No Estado de São Paulo, 747 pessoas se candidataram a deputado federal e 2.962, a estadual.

A região, que não tinha deputados, elegeu um federal – Millo Camarosano – e cinco estaduais: Lauro Gomes, Oswaldo Massei, Oswaldo Gimenez, Silveira Sampaio e Elio Bernardi, o primeiro deputado estadual de Mauá. Em manchete, estampou o News Seller: ‘Maciçamente votados os candidatos do ABC; encontrou grande receptividade a campanha deste jornal’ (cf. edição de 14 de outubro de 1962).

362 – Em Mauá concorreram a prefeito quatro candidatos: Ennio Brancalion (PDC, ele que fora o primeiro prefeito da cidade), Edgard Grecco (PSP-PTB), Guilherme Primo Vidotto (PR) e Ariocy Rodrigues Costa (UDN). Edgard Grecco foi eleito com 2.798 votos, de um total de 9.942 eleitores.

363 – A vice-prefeito de Mauá também foram quatro os candidatos: José Mauro Lacava, o eleito com 2.681 votos (PTN), Anselmo Walendy (PTB), Alcides Teodoro Bozelli (PRT) e Alberto Ratti (UDN). À Câmara Municipal concorreram 120 candidatos em disputa de 13 cadeiras. Renovação completa. Apenas três vereadores foram reeleitos: Antonio Polisel, Arsidio Fernandes e Inocêncio Pedro. 

364 – Em Ribeirão Pires, quatro candidatos a prefeito: Adaquir Prisco (PSP), Geraldo Antão Piedade (PSD), Raimundo Batista Viana (PRP) e o ex-prefeito Arthur Gonçalves de Souza Junior (PDC). Adaquir Prisco foi eleito com 2.615 votos, de um colégio eleitoral com 7.631 eleitores.

365 – Os candidatos a vice-prefeito de Ribeirão Pires, num total de cinco: Roberto Bottacin Moreira (UDN), Fausto Décimo (PTN), João de Toledo (PSP), Santinho Carnavalle, o eleito, com 1.506 votos (PRP) e Francisco Tometich (PDC).

Noventa candidatos disputaram as 13 cadeiras à Câmara Municipal de Ribeirão Pires. Entre os eleitos, o futuro vice-prefeito e prefeito Antonio Simões.

366 – Em Mauá, Edgard Grecco não completaria o mandato. Empossado em 1963, foi cassado em 1965. As acusações contra ele foram tão frágeis que a Justiça o inocentou, em 1989, como reconheceu o juiz de direito Renato Marques. O vice-prefeito José Mauro Lacava completou o mandato.

367 – Em Ribeirão Pires, Adaquir Prisco, irmão do futuro prefeito Valdírio Prisco, concluiu o mandato normalmente. Hoje é o mais antigo ex-prefeito vivo do Grande ABC. Reside no Centro de Ribeirão Pires. Em seu mandato de prefeito deu-se a instalação da comarca de Ribeirão Pires, em 1966.

368 – Nas eleições gerais de 1962 usou-se a cédula única, método adotado no antigo Estado da Guanabara em 1960.

“Desmentindo em cheio aqueles que, imaginando dúvidas ou inventando dificuldades, davam combate à cédula única, mostrou o pleito que o novo sistema não implicou apenas na adoção de uma técnica mais apurada, mas alterou de modo profundo o processo de captação da vontade popular. A cédula única representa um avanço, equiparável ao voto secreto” (cf. editorial d’O Estado de S. Paulo, 9 de outubro de 1962).

369 – Adhemar de Barros foi eleito governador de São Paulo em 1962 e Laudo Natel, vice-governador. Lino de Matos e Auro Moura Andrade foram eleitos senadores, completando a bancada paulista ao lado do padre Calazans.

370 – No dia das eleições, advertia O Estadão: “O conhecido ator e médico Silveira Sampaio, apresentador de programas de televisão, não é candidato a deputado, em São Paulo. Quem tem o mesmo sobrenome e concorre ao pleito de hoje é o prefeito de Santo André”.

Nota – Octavio David Filho e Pedro Manoel Cordeiro, da Associação Pró-Memória de Ribeirão Pires, colaboraram com o levantamento das informações referentes à sua cidade.

Diário há meio século

Domingo, 17 de janeiro de 1971 – ano 13, edição 1437

Manchete – Bucher está livre. Libertado o embaixador da Suíça, sequestrado no Estado da Guanabara em dezembro de 1970 e trocado por 70 presos políticos.

Comércio – Sears anuncia venda da barraca: “Um festival de qualidade, quantidade e preços baixos”. Loja de Santo André, à Rua Campos Sales, 217.

Arte Hoje – Enock Sacramento informa que o Teatro Municipal de Santo André deverá ser inaugurado em abril (de 1971).

José Armando Pereira da Silva noticia a volta do dramaturgo Plínio Marcos, no Teatro São Pedro, com a peça Balbina de Iansã. No elenco: Wanda Cosmos, Walderez de Barros, Marina Luiza, Herlana Velasco, Edujardo Abas e Roberto Rocco.

Em 17 de janeiro de...

1916– Do jornalista Nicolau Arnoni, no Estadão: “Foi hoje alvo de grande manifestação popular de apreço, por ter sido reeleito prefeito deste município de São Bernardo, o coronel Saladino Cardoso Franco”.

1921 – Apea (Associação Paulista de Esportes Atléticos) ganha sede nova, no Largo São Francisco: ‘Entidade máxima dos esportes paulistas’.

Lisboa, 14. Foi preso e posto incomunicável o jornalista Felix Corrêa, por artigo publicado na revista Época.

1931 – Companhia Telefônica Brasileira inaugura as redes telefônicas de Santo André e São Caetano.

1956 – Na quadra do Clube Atlético Rhodia, em Santo André, a primeira partida da série melhor de três, em disputa do título do Campeonato Estadual de Voleibol: o Casa Branca local, campeão do Interior, recebe o Adamus, campeão da Capital. Vitória dos visitantes por 3 a 2.

Do elenco do Casa Branca: Zedemar, Bandeira, Lázaro, Gilson, Antoninho, Américo, Ferreira e Pinheiro.

1991 – Iniciada a Guerra do Golfo.

Hoje

Dia dos Tribunais de Contas do Brasil. Instalado em 1893.

Santos do Dia

Sulpício, bispo francês falecido em 644

Leonila

ANTONIO DO DESERTO.

Ou Antão do Egito (251-356). Viveu até os 105 anos. A fama de sua extraordinária experiência de vida santa no deserto correu o mundo. Passou a ser o modelo do monge recluso e chamado, até hoje, de ‘pai dos monges cristãos’

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;