Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

José Carlos Peres é afastado da presidência do Santos; Rollo assume



28/09/2020 | 22:53


José Carlos Peres foi afastado da presidência do Santos na noite desta segunda-feira. Em reunião virtual do Conselho Deliberativo do clube, houve 161 votos a favor do afastamento, seis contra e nove abstenções - era preciso de dois terços dos votos para aprovação. O vice Orlando Rollo, rachado com Peres desde 2018, assume o comando do Santos.

A votação do Conselho Deliberativo aprovou o parecer da Comissão de Inquérito e Sindicância (CIS), que considerava informações do Conselho Fiscal. O relatório apontava irregularidades nas contas do clube em 2019. Como Rollo não teve participação da gestão em 2019, ele não foi considerado "culpado".

O Conselho Deliberativo agora tem 60 dias para marcar uma assembleia entre os sócios para que seja votado o pedido de impeachment de Peres, que tem mandato até o fim desde ano. Ele foi eleito presidente no fim de 2017 e já enfrentou outros dois processos de impeachment, ambos em 2018 e recusados pelos sócios.

As irregularidades apontadas pelo Conselho Fiscal nas contas de 2019 são em relação a pagamento de comissões na transferência do atacante Bruno Henrique para o Flamengo, pagamentos de despesas pessoais de Peres com o cartão corporativo, entre outras. O Santos fechou 2019 com superávit de R$ 23,5 milhões, em razão da transferência da venda de Rodrygo para o Real Madrid.

Antes da reunião virtual do Conselho Deliberativo nesta segunda, Peres já havia se defendido na Comissão de Inquérito e Sindicância. Ele alega ter cancelado o cartão corporativo e devolvido a quantia gasta e nega o pagamento de comissão na venda de Bruno Henrique.

Peres vinha sendo alvo de protestos de torcedores do Santos e, na noite desta segunda-feira, não foi diferente. Dezenas de torcedores se reuniram em frente à Vila Belmiro para pedir a saída de Peres da presidência do clube.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

José Carlos Peres é afastado da presidência do Santos; Rollo assume


28/09/2020 | 22:53


José Carlos Peres foi afastado da presidência do Santos na noite desta segunda-feira. Em reunião virtual do Conselho Deliberativo do clube, houve 161 votos a favor do afastamento, seis contra e nove abstenções - era preciso de dois terços dos votos para aprovação. O vice Orlando Rollo, rachado com Peres desde 2018, assume o comando do Santos.

A votação do Conselho Deliberativo aprovou o parecer da Comissão de Inquérito e Sindicância (CIS), que considerava informações do Conselho Fiscal. O relatório apontava irregularidades nas contas do clube em 2019. Como Rollo não teve participação da gestão em 2019, ele não foi considerado "culpado".

O Conselho Deliberativo agora tem 60 dias para marcar uma assembleia entre os sócios para que seja votado o pedido de impeachment de Peres, que tem mandato até o fim desde ano. Ele foi eleito presidente no fim de 2017 e já enfrentou outros dois processos de impeachment, ambos em 2018 e recusados pelos sócios.

As irregularidades apontadas pelo Conselho Fiscal nas contas de 2019 são em relação a pagamento de comissões na transferência do atacante Bruno Henrique para o Flamengo, pagamentos de despesas pessoais de Peres com o cartão corporativo, entre outras. O Santos fechou 2019 com superávit de R$ 23,5 milhões, em razão da transferência da venda de Rodrygo para o Real Madrid.

Antes da reunião virtual do Conselho Deliberativo nesta segunda, Peres já havia se defendido na Comissão de Inquérito e Sindicância. Ele alega ter cancelado o cartão corporativo e devolvido a quantia gasta e nega o pagamento de comissão na venda de Bruno Henrique.

Peres vinha sendo alvo de protestos de torcedores do Santos e, na noite desta segunda-feira, não foi diferente. Dezenas de torcedores se reuniram em frente à Vila Belmiro para pedir a saída de Peres da presidência do clube.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;