Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

AIE eleva projeção para demanda por petróleo pelo Brasil em 2021



13/08/2020 | 08:17


Um mês depois de promover revisões para baixo nas expectativas de demanda e oferta de petróleo pelo Brasil deste e do próximo ano, a Agência Internacional de Energia (AIE) apresentou nesta quinta-feira, 13, uma mudança de tendência para o setor no País. Segundo a instituição que tem sede em Paris, a produção doméstica será maior nos dois anos, assim como o consumo em 2021.

Apenas a projeção para o uso da commodity em 2020 ficou estável em relação ao relatório mensal de julho, em 2,82 milhões de barris por dia (bpd).

A marca, se for confirmada, representará uma queda acentuada em relação ao consumo de 2019, que foi de 3,04 milhões de bpd. Para 2021, a entidade conta com uma pequena aceleração da demanda, para 2,90 milhões de bpd.

No caso da produção doméstica, a AIE elevou suas previsões para este ano de 3,00 milhões de bpd para 3,05 milhões de bpd e a de 2021 de 3,23 milhões de bpd para 3,29 milhões de bpd. No ano passado, o suprimento nacional foi de 2,90 milhões de bpd.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

AIE eleva projeção para demanda por petróleo pelo Brasil em 2021


13/08/2020 | 08:17


Um mês depois de promover revisões para baixo nas expectativas de demanda e oferta de petróleo pelo Brasil deste e do próximo ano, a Agência Internacional de Energia (AIE) apresentou nesta quinta-feira, 13, uma mudança de tendência para o setor no País. Segundo a instituição que tem sede em Paris, a produção doméstica será maior nos dois anos, assim como o consumo em 2021.

Apenas a projeção para o uso da commodity em 2020 ficou estável em relação ao relatório mensal de julho, em 2,82 milhões de barris por dia (bpd).

A marca, se for confirmada, representará uma queda acentuada em relação ao consumo de 2019, que foi de 3,04 milhões de bpd. Para 2021, a entidade conta com uma pequena aceleração da demanda, para 2,90 milhões de bpd.

No caso da produção doméstica, a AIE elevou suas previsões para este ano de 3,00 milhões de bpd para 3,05 milhões de bpd e a de 2021 de 3,23 milhões de bpd para 3,29 milhões de bpd. No ano passado, o suprimento nacional foi de 2,90 milhões de bpd.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;