Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Polysom relança em vinil único álbum de Flaviola

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Lançado em 1974, trabalho conta com Henriqueta Lisboa e Robertinho de Recife


Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

27/01/2020 | 18:50


Título raro de se encontrar até então, Flaviola e o Bando do Sol, primeiro e único disco lançado pelo poeta, cantor e compositor recifense Flaviola, em 1974, o álbum ganha relançamento em vinil pela Polysom em versão de 180 gramas (R$ 110, em média).

Expoente da cena musical psicodélica pernambucana nos anos 1970, o artista apresenta 13 composições e divide a autoria de algumas delas. Em Palavras, por exemplo, conta com a poetisa Henriqueta Lisboa.

Faixa que abre o Lado B, Brilhante Estrela tem a participação do guitarrista Robertinho de Recife. As composições Como os Bois, Balalaika e Romance da Lua, Lua também ilustram a obra.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Polysom relança em vinil único álbum de Flaviola

Lançado em 1974, trabalho conta com Henriqueta Lisboa e Robertinho de Recife

Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

27/01/2020 | 18:50


Título raro de se encontrar até então, Flaviola e o Bando do Sol, primeiro e único disco lançado pelo poeta, cantor e compositor recifense Flaviola, em 1974, o álbum ganha relançamento em vinil pela Polysom em versão de 180 gramas (R$ 110, em média).

Expoente da cena musical psicodélica pernambucana nos anos 1970, o artista apresenta 13 composições e divide a autoria de algumas delas. Em Palavras, por exemplo, conta com a poetisa Henriqueta Lisboa.

Faixa que abre o Lado B, Brilhante Estrela tem a participação do guitarrista Robertinho de Recife. As composições Como os Bois, Balalaika e Romance da Lua, Lua também ilustram a obra.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;