Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Cássio falha e Timão perde série invicta pós-Copa América

MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Frango do goleiro define vitória do Fluminense por 1 a 0 e tira Corinthians do G-4 do Brasileiro


Raphael Rocha
do Diário do Grande ABC

16/09/2019 | 07:00


Falha do goleiro Cássio colocou fim à série invicta do Corinthians depois da Copa América. O Timão perdeu o jogo para o Fluminense por 1 a 0, em Brasília, e uma invencibilidade de 14 jogos – incluindo duelos pelo Campeonato Brasileiro e pela Copa Sul-Americana.

O único gol foi marcado pelo meia Paulo Henrique Ganso. O camisa 10 do Flu arriscou chute de fora da área e contou com imensa colaboração de Cássio. A bola veio no meio do gol, defensável, mas o goleiro se atrapalhou e empurrou para as próprias redes.

O Corinthians, com o resultado, deixou o G-4, zona de classificação direta para a Copa Libertadores do ano que vem, estacionando nos 32 pontos. Terminou a rodada na quinta posição, ultrapassado pelo Internacional.

A última derrota corintiana em partidas oficiais foi contra o Santos, no dia 12 de junho. O período de invencibilidade impulsionou os comandados do técnico Fábio Carille para as primeiras colocações.

Carille, aliás, apostou em mudanças no time contra o Fluminense. Deu oportunidade ao jovem Janderson (estreia como titular) e ao centroavante Gustavo. O Timão até dominou as ações, mas não teve forças para virar a partida após o frango de Cássio. O treinador lançou a equipe à frente, mas as alterações não surtiram efeito desejado. O Fluminense, por sua vez, saiu da zona de rebaixamento. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cássio falha e Timão perde série invicta pós-Copa América

Frango do goleiro define vitória do Fluminense por 1 a 0 e tira Corinthians do G-4 do Brasileiro

Raphael Rocha
do Diário do Grande ABC

16/09/2019 | 07:00


Falha do goleiro Cássio colocou fim à série invicta do Corinthians depois da Copa América. O Timão perdeu o jogo para o Fluminense por 1 a 0, em Brasília, e uma invencibilidade de 14 jogos – incluindo duelos pelo Campeonato Brasileiro e pela Copa Sul-Americana.

O único gol foi marcado pelo meia Paulo Henrique Ganso. O camisa 10 do Flu arriscou chute de fora da área e contou com imensa colaboração de Cássio. A bola veio no meio do gol, defensável, mas o goleiro se atrapalhou e empurrou para as próprias redes.

O Corinthians, com o resultado, deixou o G-4, zona de classificação direta para a Copa Libertadores do ano que vem, estacionando nos 32 pontos. Terminou a rodada na quinta posição, ultrapassado pelo Internacional.

A última derrota corintiana em partidas oficiais foi contra o Santos, no dia 12 de junho. O período de invencibilidade impulsionou os comandados do técnico Fábio Carille para as primeiras colocações.

Carille, aliás, apostou em mudanças no time contra o Fluminense. Deu oportunidade ao jovem Janderson (estreia como titular) e ao centroavante Gustavo. O Timão até dominou as ações, mas não teve forças para virar a partida após o frango de Cássio. O treinador lançou a equipe à frente, mas as alterações não surtiram efeito desejado. O Fluminense, por sua vez, saiu da zona de rebaixamento. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;