Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Orquestra atípica é opção na região

Orquestra de Música Normal toca em Santo André no domingo


Vinícius Castelli

14/06/2018 | 07:00


Projeto que nasceu a partir da necessidade da prática de vertentes da improvisação musical, a Orquestra de Música Normal apresenta o resultado de seu trabalho em Santo André no domingo.

O conjunto, idealizado pelo músico andreense Luiz Eduardo Galvão, toma conta do palco do Gambalaia Espaço de Artes e Convivência (Rua das Monções, 1.018), a partir das 19h. A entrada é colaborativa e o valor sugerido do ingresso é de R$ 10.

No total se apresentam 16 músicos, que apostam na narrativa do boi de piranha, prática comum no Brasil quando há necessidade de boiada atravessar um rio com piranhas e é sacrificado um boi velho ou doente para que os outros passem. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Orquestra atípica é opção na região

Orquestra de Música Normal toca em Santo André no domingo

Vinícius Castelli

14/06/2018 | 07:00


Projeto que nasceu a partir da necessidade da prática de vertentes da improvisação musical, a Orquestra de Música Normal apresenta o resultado de seu trabalho em Santo André no domingo.

O conjunto, idealizado pelo músico andreense Luiz Eduardo Galvão, toma conta do palco do Gambalaia Espaço de Artes e Convivência (Rua das Monções, 1.018), a partir das 19h. A entrada é colaborativa e o valor sugerido do ingresso é de R$ 10.

No total se apresentam 16 músicos, que apostam na narrativa do boi de piranha, prática comum no Brasil quando há necessidade de boiada atravessar um rio com piranhas e é sacrificado um boi velho ou doente para que os outros passem. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;