Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Identidade e resistência no palco

Eduardo Anizelli/Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Começa hoje no Sesc Santo André ‘Teatro Político’, projeto com peças de grupos da região


Marcela Munhoz

14/03/2018 | 07:00


 A arte sempre dialogou com algo muito maior do que com a própria arte. É reflexo de sentimentos e contextualiza o momento pelo qual a sociedade passa. Não à toa que muitas peças de teatro levam ao público tramas que instigam a contestar, a refletir e até a mudar de atitudes. Também no aspecto político, por que não?

De hoje até dia 15 de abril – às quartas, sextas, aos sábados e domingos – o Sesc Santo André coloca em cartaz o projeto Teatro Político no ABC: Identidade e Resistência. “Não se trata de questão partidária, mas de diálogo. O teatro político acolhe as reflexões e as transforma em arte engajada. Entendemos que, sim, existe longa relação com a política”, explica Diego Valladares, animador cultural do local.

As montagens apresentadas, algumas inéditas, são assinadas por grupos da região, que foram escolhidos pela curadoria de forma colaborativa. “É uma galera dos anos 2000 que só por existir, ser ativo e produzir é de resistência”, analisa Valladares, se referindo ao sucateamento, à escassez de recursos e à falta de apoio das políticas públicas à Cultura de um modo geral.

Além dos espetáculos, bate-papo com a professora e doutora Katia Paranhos e com o ator Celso Frateschi dá início à programação do projeto hoje, a partir das 20h. A conversa convida o público a refletir, a partir de relatos acadêmicos e vivenciais, sobre a história do teatro no Grande ABC e a relação entre arte e política, apresentando as peças de aberturas de processo do projeto.

As primeiras apresentações são dos espetáculos Afinação 1 (sábado, às 20h, e domingo, às 19h), com Georgette Fadel, que discute sobre a relação entre opressão, sofrimento e o pensamento racional. No domingo, às 12h, sobe ao palco a Cia. Lona de Retalhos, trazendo Esperando Gordô. Na trama, pensada para o público infantil, duas palhaças encenam em um picadeiro abandonado.

Também fazem parte da agenda, entre outras, as peças Flores Vermelhas (Cia das Flores), Patética (Cia Estável de Teatro), Pão e Circo (Coletivo Menelão), Ponte Corrente (Pontos de Fiandeiras), Uma Dança Para Partir (Cia. Do Nó), Rinocerantas (Cia. Lona de Retalhos), O Crocodilo (Cia. Estrela D’Alva de Teatro), E Isto é Tudo ou Do Que Pudemos Lembrar (Cia. Grite) e Lenin (Núcleozonaautônoma).

Teatro Político no ABC: Identidade e Resistência – Peças. No Sesc Santo André – Rua Tamarutaca, 302. A partir de hoje, às 20h. Informações sobre preços e programação completa no www.sescsp.org.br.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;