Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 30 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Em meio à crise, fábrica de móveis da região cresce

Marina Brandão/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Indústria Ilan, de São Bernardo, ajusta logística de
entrega e projeta crescimentos de vendas neste ano


Leone Farias
Do Diário do Grande ABC

30/11/2015 | 07:03


A agilidade na entrega pode fazer a diferença em um segmento como a indústria de móveis, em que o consumidor, muitas vezes, tem de ter paciência para receber o que comprou. Com essa perspectiva, uma fabricante de mobiliário de São Bernardo, a Móveis Ilan, investiu em software de gestão que possibilitou encurtar os prazos aos clientes. Os resultados têm aparecido: mesmo em meio à crise econômica do País, a empresa projeta crescimento de até 5% em faturamento neste ano em relação a 2014. Deve fechar 2015 com vendas da ordem de R$ 2,4 milhões.

Parece pouco, mas, em um cenário de crise, em que as indústrias de móveis da região devem ter, em média, queda nas vendas de 22% neste ano (segundo estimativa do Sindicato da Indústria de Móveis de São Bernardo e Região) em relação a 2014, pode ser considerado um feito e tanto.

Fundada em 1998, a companhia familiar começou sua trajetória fazendo móveis pré-montados e, ao longo dos anos, foi ampliando a gama de produtos fabricados. Hoje faz mais de 40 itens, entre montados e desmontados, de linhas de dormitório e cozinha. Também conquistou, nesse período, carteira de cerca de 350 lojas e revendas atendidas, entre elas redes conhecidas como os supermercados Coop, que revendem os produtos da marca da região em algumas de suas unidades.

O diretor comercial da Ilan, Gilson Júnior, cita o caso dessa empresa supermercadista: “No começo, tínhamos o prazo estabelecido de 30 dias corridos para todas as entregas. As vendas (os contratos) realizadas nas lojas da Coop eram remetidas para a sede administrativa da rede e levava até 10 dias para chegar nas minhas mãos. Mesmo assim, com o passar do tempo, o prazo de 30 dias se tornou alto e procuramos maneiras de encurtar esse tempo. Aí veio a ideia da ferramenta”, afirma.

Adquirido há um ano, o programa, da desenvolvedora Dyzon, possibilita um controle integrado das atividades financeiras, fiscais e comerciais da fábrica e, mais do que isso, permite que as lojas revendedoras tenham acesso ao estoque disponível dos móveis da Ilan.

“Colocamos qual será o lote de produção da semana no mural (no sistema) e já podemos despachar em cinco dias”, destacou. Em alguns casos, é possível até atender pedidos para o dia seguinte, dependendo da disponibilidade. “O lojista agora consulta nosso estoque (por meio de dispositivos móveis, como celulares e tablets) como se fosse dele, o que é bastante positivo”, diz Júnior. O programa traz ainda outras vantagens, como a contabilização exata em tempo real do faturamento, o que também gera ganhos de produtividade para a empresa.

Atualmente, a pequena fabricante de móveis de São Bernardo, que conta com 20 funcionários diretos e nove indiretos (representantes que atuam no Estado de São paulo), produz mensalmente 2.000 unidades de peças, entre armários de cozinha, balcões, guarda-roupas e outros itens.

PLANOS - Júnior revela ainda que, após o software, a empresa tem planos de expansão, o que deve demandar adequação de seu processo de logística. “Estamos avaliando vender para outros Estados”, diz. Outra meta traçada é iniciar, em breve, operações no comércio eletrônico, ou seja, de vendas pelo site da fabricante.  



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;