Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Corinthians é a equipe mais ‘curtida’ no Grande ABC

Daniel Augusto Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Levantamento do Facebook põe time com 42,2% dos torcedores na rede social pelas sete cidades


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

26/09/2015 | 07:00


Levantamento inédito no futebol brasileiro foi divulgado ontem e apontou (ou confirmou) que o Flamengo é o clube preferido no País. Ao menos em número de curtidas. Dados coletados pelo Facebook em maio e divulgados ontem pelo globoesporte.com, reuniram 54 milhões de likes das páginas oficiais de 43 clubes brasileiros – nenhum deles do Grande ABC –, utilizando a identificação de “cidade atual” dos usuários da rede social. E o Rubro-Negro carioca é o primeiro colocado em 2.639 entre as 5.570 cidades pelo Brasil, seguido pelo Corinthians, sendo o preferido em 1.489 municípios – e em apenas quatro não aparece.

O Timão, aliás, tem a preferência de 42,2% no Grande ABC, com quase o dobro de fãs com relação aos rivais São Paulo (24,3%), Palmeiras (15%) e Santos (7,5%). O Alvinegro lidera nas sete cidades, tendo maior porcentagem em Rio Grande da Serra: 44,9% dos munícipes são corintianos.

O estudo levou em conta as curtidas dos torcedores nas páginas oficiais dos clubes – apenas aquelas com um selo (azul) de autenticidade, que comprova que a página é administrada de fato pelo titular de direito, ou então por meio daquelas divulgadas nos sites das agremiações.

Mesmo sendo possível que um usuário dê like em mais de uma equipe, os cientistas de dados do Facebook expõem que o número é pequeno. E apesar da coincidência com pesquisas oficiais de institutos como Ibope e Datafolha, que apontam justamente Flamengo e Corinthians como maiores torcidas do País, não há metodologia e, portanto, não se caracteriza uma pesquisa. Mesmo assim, dá um parâmetro das forças dos dois clubes em território nacional.

Na região, o cenário é igual em Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra: seja no mais populoso ou não, o Timão lidera com folga para – nessa ordem – São Paulo, Palmeiras, Santos e Flamengo, este último o quinto em preferência do Grande ABC, com 2,9% de curtidas. Com os times regionais fora do levantamento, o Diário pegou as páginas dos clubes e realizou uma análise paralela.

No último levantamento (junho), o Facebook reunia 96 milhões de brasileiros.

São Bernardo é o preferido entre agremiações da região

Como o levantamento do Facebook não incluiu os oito clubes profissionais do Grande ABC, o Diário fez análise paralela com as páginas dos times que apontou: o São Bernardo é – disparadamente – o mais curtido da região. Reflexo ou não do que o Tigre desempenha nas arquibancadas e dentro de campo, fato é que 79.724 pessoas de todo o mundo clicaram no botão like e demonstraram simpatizar com a equipe aurinegra, que até este ano era a única representante regional na Série A-1 do Paulista.

Na sequência do ranking de preferência aparece o São Caetano, com 10.233 curtidas, seguido por Água Santa (5.072), Santo André (4.689), Grêmio Mauaense (4.403), Palestra (1.387), EC São Bernardo (431) e CA Diadema (duas – a página foi criada anteontem).

Segundo o presidente do São Bernardo, Luiz Fernando Teixeira, os dados têm explicação, afinal o clube faz diversas ações e busca diferenciais para fidelizar. “Desde que assumi, disse que um dos desafios do São Bernardo era cativar o público. Futebol sem público não tem sentido. A culpa (dos clubes) é não ter um foco para trabalhar a questão público, entender a importância dele. Hoje temos geração que torce para o São Bernardo, não é santista ou são-paulino que gosta do Tigre, não. É o primeiro time. Então a gente vem formando isso”, destacou o dirigente, que exaltou a torcida como sinônimo de valorização da marca. “É nossa terceira fonte de renda, atrás de televisão e placa de publicidade. A gente consegue de R$ 800 mil a R$ 1 milhão de renda por jogo. Isso para um clube pequeno como o São Bernardo é importante”, disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;