Fechar
Publicidade

Sábado, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Filme cearense é premiado com troféu de ouro na Indonésia

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

‘A Lenda Do Gato Preto’ faturou no Mundial dos Direitos Humanos


Vanessa Soares

06/01/2016 | 07:00


Reza a lenda que na década de 1970, no sertão do Ceará, uma menina amaldiçoada por uma cigana é tomada por um desejo súbito de escalar a parte mais íngreme da Pedra do Cruzeiro atraída por um gato. O conto inspirou a história do longa A Lenda do Gato Preto e rendeu ao filme o troféu de ouro no Festival Mundial Dos Direitos Humanos, um dos mais importantes do mundo. A premiação acontece em Jakarta, na Indonésia, no dia 18.

Com direção de Clébio Viriato Ribeiro, o filme foi rodado no Ceará – tendo como cenários as paisagens de Quixadá e os casarões e sobrados de Maranguape – e exalta a força da cultura cigana.

Na trama, um grupo de ciganos é expulso da cidade após se envolver em grande confusão quando importante comerciante local atropela o gato preto de um deles. Após 18 anos, a dona do bicho morto, agora proprietária do Circo Estrela do Oriente, retorna ao local. O que ela não esperava é que seu filho, o trapezista Simão, se apaixonasse por Mariana, herdeira mais nova da família Amorim, a outra parte envolvida no acidente com o animal de estimação anos atrás. No dia de seu aniversário, a garota é tomada pelo desejo incontrolável de subir os 90 metros da Pedra do Cruzeiro sem o auxílio de equipamentos. O romance proibido muda o rumo da história.

No elenco estão grandes nomes da dramaturgia brasileira, entre eles Emiliano Queiroz e Elke Maravilha. A atriz Cássia Roberta estreia como a protagonista da trama e forma par romântico com o ator Alexandre Mandarino.   



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;