Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 20 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Simpósio discute pesquisa com sete universidades

Encontro ocorre hoje, das 8h às 18h, em São Caetano


Elaine Granconato

10/11/2011 | 07:00


Pesquisa científica, definitivamente, não é para ficar guardada nem empoeirada nas prateleiras. A partir dessa iniciativa prática é que sete renomadas instituições acadêmicas da região resolveram se unir na realização do 1º Simpósio de Pesquisa do Grande ABC. O encontro ocorre hoje, das 8h às 18h, no Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação Dra. Zilda Arns, inaugurado segunda-feira pela Prefeitura de São Caetano.

As instituições participantes possuem programas de pós-graduação de mestrado ou doutorado, além de desenvolver pesquisas importantes nas áreas de atuação. São elas: Universidade Federal do ABC. Universidade Metodista de São Paulo, Universidade Municipal de São Caetano do Sul, Centro Universitário do Instituto Mauá de Tecnologia. Faculdade de Medicina do ABC. Centro Universitário Fundação Santo André e Centro Universitário da FEI.

E é exatamente nessa área em que não há concorrência entre as universidades. "A proposta é de união para avançar no patamar das pesquisas no Grande ABC. Toda troca de experiência traz conhecimento", explica a professora Maria do Carmo Romeiro, diretora da área de Pesquisas das USCS e uma das integrantes do grupo de organização.

A ideia não é competir com números de trabalhos apresentados por instituição. O menos importante, nesse caso, não fica pela quantificação, mas sim pela qualidade. O simpósio será dividido em quatro eixos temáticos: Ciências Humanas e Sociais Aplicadas; Ensino por meio de pesquisa; Saúde e Biológicas e Exatas e Engenharia.
Pelo espaço público municipal, 400 trabalhos científicos estarão distribuídos por meio de bunners. Ao lado, o pesquisador para passar todas as informações necessárias ao interessado - seja professor ou aluno, inclusive de iniciação científica. Detalhe: tudo misturado por áreas e instituições.

Afinal o que vale é a integração. Em quatro salas, cada universidade apresentará as suas linhas de pesquisas - com média de 30 minutos.

Do outro lado, o simpósio receberá o setor produtivo da região, entre público e privado. O Cecape está localizado na Rua Tapajós, 300, esquina com a Rua Conselheiro Lafayete, no bairro Barcelona.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Simpósio discute pesquisa com sete universidades

Encontro ocorre hoje, das 8h às 18h, em São Caetano

Elaine Granconato

10/11/2011 | 07:00


Pesquisa científica, definitivamente, não é para ficar guardada nem empoeirada nas prateleiras. A partir dessa iniciativa prática é que sete renomadas instituições acadêmicas da região resolveram se unir na realização do 1º Simpósio de Pesquisa do Grande ABC. O encontro ocorre hoje, das 8h às 18h, no Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação Dra. Zilda Arns, inaugurado segunda-feira pela Prefeitura de São Caetano.

As instituições participantes possuem programas de pós-graduação de mestrado ou doutorado, além de desenvolver pesquisas importantes nas áreas de atuação. São elas: Universidade Federal do ABC. Universidade Metodista de São Paulo, Universidade Municipal de São Caetano do Sul, Centro Universitário do Instituto Mauá de Tecnologia. Faculdade de Medicina do ABC. Centro Universitário Fundação Santo André e Centro Universitário da FEI.

E é exatamente nessa área em que não há concorrência entre as universidades. "A proposta é de união para avançar no patamar das pesquisas no Grande ABC. Toda troca de experiência traz conhecimento", explica a professora Maria do Carmo Romeiro, diretora da área de Pesquisas das USCS e uma das integrantes do grupo de organização.

A ideia não é competir com números de trabalhos apresentados por instituição. O menos importante, nesse caso, não fica pela quantificação, mas sim pela qualidade. O simpósio será dividido em quatro eixos temáticos: Ciências Humanas e Sociais Aplicadas; Ensino por meio de pesquisa; Saúde e Biológicas e Exatas e Engenharia.
Pelo espaço público municipal, 400 trabalhos científicos estarão distribuídos por meio de bunners. Ao lado, o pesquisador para passar todas as informações necessárias ao interessado - seja professor ou aluno, inclusive de iniciação científica. Detalhe: tudo misturado por áreas e instituições.

Afinal o que vale é a integração. Em quatro salas, cada universidade apresentará as suas linhas de pesquisas - com média de 30 minutos.

Do outro lado, o simpósio receberá o setor produtivo da região, entre público e privado. O Cecape está localizado na Rua Tapajós, 300, esquina com a Rua Conselheiro Lafayete, no bairro Barcelona.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;