Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Caetano defende liderança no Interior contra o Rio Claro

Desfalcado, time de Antonio Carlos tenta manter
a ponta no Campeonato Paulista diante do lanterna


Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

27/01/2010 | 07:00


Há tempos o São Caetano não sabe o que é viver um bom momento e quer aproveitar ao máximo o gostinho de ser líder do Paulistão. A equipe enfrenta o lanterna Rio Claro hoje, às 16h, na cidade interiorana, em busca de mais três pontos para evitar que concorrentes imediatos, como Portuguesa e Corinthians - que também jogam nesta noite e somam os mesmos sete pontos - tomem a dianteira.

Desde a arrancada na Série B do Brasileiro, em julho de 2009, quando encaixou sete vitórias seguidas e depois alternou altos e baixos até deixar escapar a chance do acesso, o Azulão não respira ares mais leves. Agora, tenta pegar novo embalo.

Em razão do equilíbrio entre as equipes, o técnico Antonio Carlos se diz surpreso com a liderança da competição, mas adianta que já "sonhava" com esse momento.

"Traçamos um objetivo, que é ficar entre os quatro e brigar pelo título. Para isso, temos de manter a regularidade. Mas é claro que a gente sonha um dia liderar uma competição, independentemente de se estar dirigindo uma equipe grande ou pequena", comentou.

Apesar do bom astral por conta do saldo positivo - o time tem o segundo melhor ataque e ainda não perdeu -, Antonio Carlos não vê o São Caetano favorito. O Rio Claro não sabe o que é vitória. Perdeu as três primeiras partidas para Botafogo, Paulista e São Paulo, respectivamente.

"Estão em último lugar, mas há muito equilíbrio entre os times. Eles precisam da vitória e vão dificultar ao máximo", disse o técnico.

O volante Adriano (contratura muscular na coxa direita) e o atacante Fábio (ruptura no músculo adutor da coxa direita) não jogam.

Adriano deve voltar na próxima rodada, diante do Monte Azul. O tratamento de Fábio dura cerca de um mês.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Caetano defende liderança no Interior contra o Rio Claro

Desfalcado, time de Antonio Carlos tenta manter
a ponta no Campeonato Paulista diante do lanterna

Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

27/01/2010 | 07:00


Há tempos o São Caetano não sabe o que é viver um bom momento e quer aproveitar ao máximo o gostinho de ser líder do Paulistão. A equipe enfrenta o lanterna Rio Claro hoje, às 16h, na cidade interiorana, em busca de mais três pontos para evitar que concorrentes imediatos, como Portuguesa e Corinthians - que também jogam nesta noite e somam os mesmos sete pontos - tomem a dianteira.

Desde a arrancada na Série B do Brasileiro, em julho de 2009, quando encaixou sete vitórias seguidas e depois alternou altos e baixos até deixar escapar a chance do acesso, o Azulão não respira ares mais leves. Agora, tenta pegar novo embalo.

Em razão do equilíbrio entre as equipes, o técnico Antonio Carlos se diz surpreso com a liderança da competição, mas adianta que já "sonhava" com esse momento.

"Traçamos um objetivo, que é ficar entre os quatro e brigar pelo título. Para isso, temos de manter a regularidade. Mas é claro que a gente sonha um dia liderar uma competição, independentemente de se estar dirigindo uma equipe grande ou pequena", comentou.

Apesar do bom astral por conta do saldo positivo - o time tem o segundo melhor ataque e ainda não perdeu -, Antonio Carlos não vê o São Caetano favorito. O Rio Claro não sabe o que é vitória. Perdeu as três primeiras partidas para Botafogo, Paulista e São Paulo, respectivamente.

"Estão em último lugar, mas há muito equilíbrio entre os times. Eles precisam da vitória e vão dificultar ao máximo", disse o técnico.

O volante Adriano (contratura muscular na coxa direita) e o atacante Fábio (ruptura no músculo adutor da coxa direita) não jogam.

Adriano deve voltar na próxima rodada, diante do Monte Azul. O tratamento de Fábio dura cerca de um mês.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;