Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Sem esforço, Tricolor passa pelo Goiás


Thiago Silva
Do Diário do Grande ABC

28/04/2011 | 00:06


Sem grandes problemas e pressionando bastante nos 45 minutos iniciais, o São Paulo venceu ontem à noite o Goiás por 1 a 0 no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil e garantiu classificação às quartas de final. Dagoberto marcou o gol da vitória. No primeiro duelo, no Serra Dourada, o Tricolor já havia vencido pelo mesmo placar. Agora, os paulistas encaram os catarinenses do Avaí, que eliminaram o Botafogo.

Ontem, o São Paulo entrou em campo com o objetivo de pressionar o adversário, que parecia com medo, principalmente depois que o goleiro Harlei - principal atleta do Esmeraldino - deixou o campo lesionado na coxa esquerda para a entrada de Pedro Henrique.

E o plano do time de Paulo César Carpegiani deu certo. Aos 19 minutos, após falha bisonha de Zé Antônio, que escorregou, a bola ficou com Carlinhos Paraíba, que serviu Dagoberto, sozinho dentro da área, para mandar rasteiro no canto direito do goleiro.

Mesmo com o gol, os donos da casa não diminuíram o ritmo e dominaram amplamente o duelo, mas cometeram alguns vacilos atrás. Aos 30 minutos, Marcelo Costa cobrou falta pela direita na área, Rogério Ceni furou e Ernando, com o gol vazio, não acertou a bola. Melhor para o Tricolor, que administrou até o fim do primeiro tempo.

Depois do intervalo, o Esmeraldino até demonstrou que poderia mudar a situação. Logo no primeiro minuto, Robert cruzou da direita e Oziel, sozinho, fez o quase impossível: isolou.

O São Paulo logo tentou esfriar a empolgação do adversário e respondeu em cabeceio de Miranda que Pedro Henrique defendeu.

Precisando marcar ao menos dois gols para garantir a vaga, o Goiás passou a marcar mais no campo de ataque, além de ter maior posse de bola. Mas a falta de técnica prejudicava na hora da criação.

Do outro lado, o São Paulo soube segurar o ímpeto dos visitantes e quase ampliou o jogo. Rivaldo, que entrou aos 34 minutos, deu dois passes para Jean, em lances diferentes. Na primeira, o lateral chutou para defesa de Pedro Henrique e a outra mandou para fora, nada que prejudicasse a vitória.

 

Chateado, Lucas diz que vai voltar mais forte

Afastado dos gramados pelas próximas duas semanas, o meia Lucas, do São Paulo, afirmou que vai retornar mais "poderoso". O jogador faz tratamento no departamento médico para se recuperar de estiramento na coxa direita.

"É experiência nova para mim e ao mesmo tempo péssima. Estou muito chateado, pois é ruim não poder fazer o que você mais ama. Mas acontece, o jogador está sujeito a isso. Vou tratar para voltar 100%", afirmou o meia. "Vou retornar mais poderoso. O que não mata, fortalece. Vou ficar ainda melhor, partindo para cima do adversário e ajudando o São Paulo a vencer seus jogos", completou.

Com a lesão, o atleta não estará em campo diante do Santos, no sábado, pela semifinal do Campeonato Paulista, além de ficar fora da primeira partida da decisão do Estadual, caso o Tricolor passe pelo Peixe. Sem poder atuar, ele demonstrou toda sua confiança no elenco.

"Acredito muito neste time. É um elenco fantástico. Vou torcer a cada segundo por eles. Meu coração estará dentro de campo. Tenho um carinho por todos aqui, somos uma família", destacou Lucas, que disputou 11 partidas em 2011 e anotou três gols.

 

Flamengo espanta zebra, goleia fora de casa e se garante

O Flamengo não deu chances ao azar. Depois de empatar melancolicamente por 1 a 1 o primeiro jogo no Rio de Janeiro e assustar seus torcedores, o Mengão foi ontem até o Ceará e goleou o Horizonte por 3 a 0. Galliardo no primeiro tempo, Deivid e Willians, no segundo, marcaram os gols do time.

Com o resultado, o Flamengo agora encara o Ceará. Ontem, jogando em Presidente Prudente, o Vozão repetiu o placar do primeiro jogo, fez 2 a 1 no Grêmio e avançou para as quartas de final.

Outro time carioca classificado é o Vasco. O time cruzmaltino havia feito 3 a 0 no Náutico no jogo de ida, no Recife. Ontem, em São Januário, a equipe não jogou bem, foi apática, mas segurou o tranquilo 0 a 0, aproveitando bem a vantagem e está classificado. Agora, o Vasco encara o Atlético-PR, que eliminou facilmente o Bahia na semana passada.

Hoje, às 19h30, sai o último classificado. O Caxias tenta milagre ao precisar vencer o Coritiba por cinco gols de diferença. Isso porque, no primeiro jogo, no Paraná, o time curitibano goleou por 4 a 0. Quem passar do duelo enfrenta o Palmeiras, que despachou o Santo André. Anderson Fattori



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sem esforço, Tricolor passa pelo Goiás

Thiago Silva
Do Diário do Grande ABC

28/04/2011 | 00:06


Sem grandes problemas e pressionando bastante nos 45 minutos iniciais, o São Paulo venceu ontem à noite o Goiás por 1 a 0 no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil e garantiu classificação às quartas de final. Dagoberto marcou o gol da vitória. No primeiro duelo, no Serra Dourada, o Tricolor já havia vencido pelo mesmo placar. Agora, os paulistas encaram os catarinenses do Avaí, que eliminaram o Botafogo.

Ontem, o São Paulo entrou em campo com o objetivo de pressionar o adversário, que parecia com medo, principalmente depois que o goleiro Harlei - principal atleta do Esmeraldino - deixou o campo lesionado na coxa esquerda para a entrada de Pedro Henrique.

E o plano do time de Paulo César Carpegiani deu certo. Aos 19 minutos, após falha bisonha de Zé Antônio, que escorregou, a bola ficou com Carlinhos Paraíba, que serviu Dagoberto, sozinho dentro da área, para mandar rasteiro no canto direito do goleiro.

Mesmo com o gol, os donos da casa não diminuíram o ritmo e dominaram amplamente o duelo, mas cometeram alguns vacilos atrás. Aos 30 minutos, Marcelo Costa cobrou falta pela direita na área, Rogério Ceni furou e Ernando, com o gol vazio, não acertou a bola. Melhor para o Tricolor, que administrou até o fim do primeiro tempo.

Depois do intervalo, o Esmeraldino até demonstrou que poderia mudar a situação. Logo no primeiro minuto, Robert cruzou da direita e Oziel, sozinho, fez o quase impossível: isolou.

O São Paulo logo tentou esfriar a empolgação do adversário e respondeu em cabeceio de Miranda que Pedro Henrique defendeu.

Precisando marcar ao menos dois gols para garantir a vaga, o Goiás passou a marcar mais no campo de ataque, além de ter maior posse de bola. Mas a falta de técnica prejudicava na hora da criação.

Do outro lado, o São Paulo soube segurar o ímpeto dos visitantes e quase ampliou o jogo. Rivaldo, que entrou aos 34 minutos, deu dois passes para Jean, em lances diferentes. Na primeira, o lateral chutou para defesa de Pedro Henrique e a outra mandou para fora, nada que prejudicasse a vitória.

 

Chateado, Lucas diz que vai voltar mais forte

Afastado dos gramados pelas próximas duas semanas, o meia Lucas, do São Paulo, afirmou que vai retornar mais "poderoso". O jogador faz tratamento no departamento médico para se recuperar de estiramento na coxa direita.

"É experiência nova para mim e ao mesmo tempo péssima. Estou muito chateado, pois é ruim não poder fazer o que você mais ama. Mas acontece, o jogador está sujeito a isso. Vou tratar para voltar 100%", afirmou o meia. "Vou retornar mais poderoso. O que não mata, fortalece. Vou ficar ainda melhor, partindo para cima do adversário e ajudando o São Paulo a vencer seus jogos", completou.

Com a lesão, o atleta não estará em campo diante do Santos, no sábado, pela semifinal do Campeonato Paulista, além de ficar fora da primeira partida da decisão do Estadual, caso o Tricolor passe pelo Peixe. Sem poder atuar, ele demonstrou toda sua confiança no elenco.

"Acredito muito neste time. É um elenco fantástico. Vou torcer a cada segundo por eles. Meu coração estará dentro de campo. Tenho um carinho por todos aqui, somos uma família", destacou Lucas, que disputou 11 partidas em 2011 e anotou três gols.

 

Flamengo espanta zebra, goleia fora de casa e se garante

O Flamengo não deu chances ao azar. Depois de empatar melancolicamente por 1 a 1 o primeiro jogo no Rio de Janeiro e assustar seus torcedores, o Mengão foi ontem até o Ceará e goleou o Horizonte por 3 a 0. Galliardo no primeiro tempo, Deivid e Willians, no segundo, marcaram os gols do time.

Com o resultado, o Flamengo agora encara o Ceará. Ontem, jogando em Presidente Prudente, o Vozão repetiu o placar do primeiro jogo, fez 2 a 1 no Grêmio e avançou para as quartas de final.

Outro time carioca classificado é o Vasco. O time cruzmaltino havia feito 3 a 0 no Náutico no jogo de ida, no Recife. Ontem, em São Januário, a equipe não jogou bem, foi apática, mas segurou o tranquilo 0 a 0, aproveitando bem a vantagem e está classificado. Agora, o Vasco encara o Atlético-PR, que eliminou facilmente o Bahia na semana passada.

Hoje, às 19h30, sai o último classificado. O Caxias tenta milagre ao precisar vencer o Coritiba por cinco gols de diferença. Isso porque, no primeiro jogo, no Paraná, o time curitibano goleou por 4 a 0. Quem passar do duelo enfrenta o Palmeiras, que despachou o Santo André. Anderson Fattori

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;