Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Tião Viana diz que cassação de Renan pode ser analisada dia 22



13/11/2007 | 09:38


Ontem, o presidente interino do Senado, Tião Viana (PT-AC), afirmou que se confirmada a votação dos processos contra Renan no Conselho de Ética essa semana “não fará objeção” para que eles sejam apreciados no Plenário no dia 22.

Os processos só vão a plenário se pedirem a cassação de Renan. Antes disso precisam ser aprovados no conselho. Nos bastidores, é dado como certo que apenas Jef-ferson Peres vai pedir a cassação do alagoano.

O próprio relator, no entanto, não quer antecipar seu voto. Mas já deu sinais de que considera que Renan faltou com o decoro parlamentar.

Hoje, Peres ouve as três últimas testemunhas para concluir seu relatório. A partir das 10h, o senador vai colher os depoimentos de Sérgio Luiz Ferreira, ex-diretor de O Jornal – veículo supostamente comprado por Renan em sociedade com o usineiro João Lyra –, Nazário Pimentel, ex-dono de O Jornal, e do governador de Alagoas, Teotônio Vilela (PSDB). O tucano foi arrolado como testemunha de Renan.

ESPIONAGEM - Além dos dois processos e da representação relatada por Almeida Lima, um quarto processo está à espera de relator no conselho contra o peemedebista. Ele trata da suposta espionagem ordenada por Renan contra senadores de Goiás.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;