Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Cia de Danças de Diadema fatura Prêmio APCA 2017

Grupo venceu na categoria coreografia/criação com o espetáculo ‘Eu Por Detrás de Mim’


Vinícius Castelli

21/12/2017 | 07:00


A Companhia de Danças de Diadema, capitaneada pela bailarina e coreógrafa Ana Bottosso, tem motivo para comemorar. O grupo, criado em 1995, faturou premiação APCA 2017, da Associação Paulista de Críticos de Artes. A Cia venceu a disputa na categoria coreografia/criação com o espetáculo Eu Por Detrás de Mim, cuja estreia foi em janeiro e tem coreografia e direção assinadas por Ana, que contou para a construção das pesquisas cênicas, com o elenco da companhia.

A dança é inspirada em obras do artista visual dinamarquês Olafur Eliasson, cujo primeiro contato com Ana foi em 2012, em São Paulo, e no conto O Espelho, de Guimarães Rosa. Eu Por detrás de Mim teve como ponto de partida para sua criação, iniciada em 2014, um universo existente por trás dos espelhos, mundo além deste que conhecemos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cia de Danças de Diadema fatura Prêmio APCA 2017

Grupo venceu na categoria coreografia/criação com o espetáculo ‘Eu Por Detrás de Mim’

Vinícius Castelli

21/12/2017 | 07:00


A Companhia de Danças de Diadema, capitaneada pela bailarina e coreógrafa Ana Bottosso, tem motivo para comemorar. O grupo, criado em 1995, faturou premiação APCA 2017, da Associação Paulista de Críticos de Artes. A Cia venceu a disputa na categoria coreografia/criação com o espetáculo Eu Por Detrás de Mim, cuja estreia foi em janeiro e tem coreografia e direção assinadas por Ana, que contou para a construção das pesquisas cênicas, com o elenco da companhia.

A dança é inspirada em obras do artista visual dinamarquês Olafur Eliasson, cujo primeiro contato com Ana foi em 2012, em São Paulo, e no conto O Espelho, de Guimarães Rosa. Eu Por detrás de Mim teve como ponto de partida para sua criação, iniciada em 2014, um universo existente por trás dos espelhos, mundo além deste que conhecemos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;