Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 4 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

diarinho@dgabc.com.br | 4435-8396

Para rir e arrepiar

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Comédias com jeitinho de terror vão agitar a telona, entre
elas está a ParaNorman, que acaba de chegar ao cinema


Juliana Ravelli
Do Diário do Grande ABC

09/09/2012 | 07:00


Foi o tempo em que os protagonistas de animações eram apenas bonitos ou fofinhos. Monstrengos e personagens esquisitões abandonaram o papel de vilões e assumem cada vez mais o posto de estrelas das produções. A prova? Eles vão dominar as próximas estreias na telona.

O primeiro filme da lista é ParaNorman, que acaba de chegar aos cinemas (conheça os outros abaixo) Alguns detalhes do desenho em 3D - como sua abertura - lembram antigos longas de terror. E realmente há cenas assustadoras, que podem impressionar quem é mais sensível. Mas a turma que curte coisas sinistras e não se importa em levar sustos vai se divertir com a animação.

Norman é um garoto quieto, tímido e sem amigos. Superfã de zumbis, possui dom bastante incomum: consegue ver e conversar com pessoas que já morreram, como a avó, sua grande companheira. No entanto, ninguém acredita na tal habilidade nem mesmo a família. A exceção é Neil, o ruivinho que, assim como ele, também aguenta zoeiras na escola.

A vida na pequena cidade dos meninos parecia tranquila até Norman descobrir que uma bruxa temperamental de 300 anos está prestes a despertar. E ele é o único que pode impedir que uma terrível maldição destrua tudo.

Depois que a primeira tentativa de resolver o problema falha, sete zumbis despertam e saem das tumbas. Ao vivo, os mortos-vivos que Norman tanto gosta não parecem tão legais.

Para acabar com a confusão, o garoto une-se a Neil, à irmã adolescente e escandalosa Courtney, ao forte e atrapalhado Mitch, além do metido a valentão do colégio Alvin. Será que vai dar certo?

Difícil saber se você vai rir ou se amedrontar mais ao assistir a ParaNorman. Entretanto, com certeza vai lembrar do antigo ditado: "as aparências enganam!"

 

Fã dos monstrengos

Vitor Novelini, 8 anos, é fã de animações com jeitinho de terror, como A Casa Monstro e  O Estranho Mundo de Jack. Também curte o telefilme Minha Babá é uma Vampira. Agora, ele está ansioso para conferir as novas produções no cinema. "São assustadoras e ao mesmo tempo engraçadas. É legal tomar sustos", afirma. Segundo o menino, a maioria dos colegas tem receio em ver desenhos do tipo. "Sei que é de mentira, por isso mesmo não tenho medo."

 

Novidades!

Já imaginou uma animação em preto e branco e 3D? Assim é Frankenweenie, que chegará aos cinemas em 2 de novembro. Na trama, o menino Victor usa a Ciência para ressuscitar o cachorro Sparky. O bicho volta à vida parecido com o monstrengo Frankenstein. Mas depois que a cidade descobre o segredo, tudo sai do controle. Apenas Victor poderá consertar a confusão.

 

 

 

 

 

No Hotel Transilvânia, monstros - como Frankenstein, Múmia e Pé Grande - podem relaxar sem se preocupar com a presença dos humanos. Drácula é o proprietário do lugar, que também serve para proteger Mavis, a filha adolescente do vampirão. Mas a segurança de todos é ameaçada quando um rapaz comum chega ao hotel. A animação em 3D deve estrear na telona em 5 de outubro.

 

 

 

 

 

Universidade Monstros mostra que o verdinho Mike e o grandalhão Sullivan não eram grandes amigos no passado. Na realidade, não se suportavam. A animação em 3D se passa na época em que estudavam para aprender a assustar crianças de todo o mundo. O filme traz o segredo que fez a dupla superar as diferenças e se unir. A estreia está prevista para 12 de julho de 2013.

 

 

 

 

 

 

Consultoria de Cesar Cabral, diretor de animação da Coala Filmes, e Eliseu Lopes Filho, vice-coordenador do curso de Cinema da Faap e especialista em animação.

 

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;