Fechar
Publicidade

Domingo, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Presidentes de times da região divergem sobre nova Série A-2

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

S.Caetano preferia pontos corridos; Água Santa
aprova mata-mata; torneio inicia em 29 de janeiro


Dérek Bittencourt

01/11/2016 | 07:00


Presidentes e representantes dos 20 clubes que participarão do Campeonato Paulista da Série A-2 de 2017 se reuniram nesta segunda-feira, na sede da Federação Paulista de Futebol, para definir regras e fórmula de disputa. E haverá pequenas mudanças no regulamento que não foram aprovadas por unanimidade e causaram divergências entre os dirigentes, incluindo dos dois representantes do Grande ABC, São Caetano e Água Santa.

Por aquilo que a maioria votou, o torneio será disputado em três fases – 22 datas entre 29 de janeiro e 7 de maio. Na primeira, jogam todos contra todos e os quatro primeiros se enfrentam nas semifinais, em confrontos de ida e volta, com final em partida única.

Este formato não agradou ao presidente do Azulão, Nairo Ferreira de Souza. “A Federação apresentou cinco tipos de competição. São Caetano, Guarani, Bragantino e Oeste votaram em outra proposta. Para mim, o mais correto seria pontos corridos e sobem o primeiro e segundo. Premia quem faz uma campanha como fizemos neste ano”, declarou o mandatário, relembrando que os são-caetanenses terminaram a primeira fase como líderes na Série A-2, mas foram eliminados pelo arquirrival Santo André (que foi oitavo colocado) nas quartas de final.

Entretanto, para o presidente do Netuno, Paulo Sirqueira, a regra determinada foi a “mais justa”. “Entre as propostas apresentadas era a que mais agradava de modo geral”, comentou o presidente, que previu um torneio um tanto quanto complicado aos participantes. “Acredito que dos últimos 20 anos vai ser a Série A-2 mais disputada por conta dos clubes que lá estão: São Caetano, Guarani, Bragantino, XV de Piracicaba, Oeste, todos times tradicionais da Série A-1. Então vai ser disputado, dificuldade por subirem só dois, mas é assim que tem de ser e vamos à luta”, destacou.

Além dos clubes citados, estarão na disputa Barretos, Batatais, Capivariano, Juventus, Penapolense, Portuguesa, Rio Claro, Rio Preto, Sertãozinho, Taubaté, União Barbarense, Velo Clube e Votuporanguense.

Netuno não renova com Fahel e busca técnico para voltar à elite

Após a reunião na sede da Federação Paulista de Futebol, o presidente do Água Santa, Paulo Sirqueira, confirmou que Fahel Júnior não renovou com o clube para a disputa da Série A-2. E a diretoria do Netuno se mexe para encontrar o quanto antes um profissional para realizar o planejamento de retorno à elite estadual.

“O Fahel acabou não ficando. Veio para cumprir a segunda fase. Pegou time de garotos montado pelo Edinho”, afirmou o mandatário da equipe diademense. “Estamos reformulando. Procuramos um técnico, temos alguns nomes que estão sendo discutidos para montar um elenco forte”, emendou.

A ideia, segundo Sirqueira, é que o Netuno não só efetue contratações para a competição de acesso como aproveite as pratas da casa. “Queremos utilizar pelo menos quatro garotos da base. Essa é a ideia”, explicou o presidente, que revelou o perfil dos jogadores que estão sendo procurados pela diretoria. “Por se tratar de um campeonato muito disputado, queremos trazer atletas acostumados à divisão.” 

O Netuno iniciará as atividades para a A-2 no fim de novembro ou começo de dezembro. DB


Com base já formada, time são-caetanense contratará pouco

A grande aposta do São Caetano para, enfim, voltar à Série A-1 do Campeonato Paulista no ano que vem é uma receita que o clube já utiliza há algum tempo: manter a base do time. A maior parte do elenco que está disputando a Copa Paulista – a equipe está na semifinal – permanecerá sob o comando do técnico Luís Carlos Martins, outro que segue no cargo, para a próxima temporada.

De acordo com o presidente Nairo Ferreira de Souza, haverá apenas algumas contratações pontuais para fechar o grupo. “Estamos utilizando a Copa Paulista como preparação e vamos contratar uns dois, três ou quatro jogadores”, apontou o mandatário azulino. DB

Definidas datas e horários das semifinais da Copa Paulista

O dia foi agitado na sede da Federação Paulista. Isso porque, além das diretrizes da Série A-2, a entidade definiu datas e horários das semifinais da Copa Paulista. Único representante da região vivo no torneio, o São Caetano terá pela frente a Ferroviária. O primeiro confronto será sábado, às 16h, no Anacleto Campanella, e o duelo de volta está programado para o dia 12, às 18h, na Fonte Luminosa, em Araraquara.

De acordo com o presidente Nairo Ferreira de Souza, a entidade inicialmente queria que o primeiro jogo, no Grande ABC, fosse no domingo, mas o Azulão solicitou mudança na data. “Pedimos sábado à tarde porque o público aceita melhor e fugimos da concorrência do Campeonato Brasileiro”, explicou o dirigente.

Sobre a Ferroviária, Nairo foi sucinto, mas exaltou a qualidade da Ferrinha – bem como dos outros semifinalistas (XV de Piracicaba e Rio Claro). “A gente acompanhou. Faz boas campanhas desde o ano passado. Ficaram os quatro melhores. Equipes que fizeram as melhores campanhas”, concluiu o presidente são-caetanense. DB
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presidentes de times da região divergem sobre nova Série A-2

S.Caetano preferia pontos corridos; Água Santa
aprova mata-mata; torneio inicia em 29 de janeiro

Dérek Bittencourt

01/11/2016 | 07:00


Presidentes e representantes dos 20 clubes que participarão do Campeonato Paulista da Série A-2 de 2017 se reuniram nesta segunda-feira, na sede da Federação Paulista de Futebol, para definir regras e fórmula de disputa. E haverá pequenas mudanças no regulamento que não foram aprovadas por unanimidade e causaram divergências entre os dirigentes, incluindo dos dois representantes do Grande ABC, São Caetano e Água Santa.

Por aquilo que a maioria votou, o torneio será disputado em três fases – 22 datas entre 29 de janeiro e 7 de maio. Na primeira, jogam todos contra todos e os quatro primeiros se enfrentam nas semifinais, em confrontos de ida e volta, com final em partida única.

Este formato não agradou ao presidente do Azulão, Nairo Ferreira de Souza. “A Federação apresentou cinco tipos de competição. São Caetano, Guarani, Bragantino e Oeste votaram em outra proposta. Para mim, o mais correto seria pontos corridos e sobem o primeiro e segundo. Premia quem faz uma campanha como fizemos neste ano”, declarou o mandatário, relembrando que os são-caetanenses terminaram a primeira fase como líderes na Série A-2, mas foram eliminados pelo arquirrival Santo André (que foi oitavo colocado) nas quartas de final.

Entretanto, para o presidente do Netuno, Paulo Sirqueira, a regra determinada foi a “mais justa”. “Entre as propostas apresentadas era a que mais agradava de modo geral”, comentou o presidente, que previu um torneio um tanto quanto complicado aos participantes. “Acredito que dos últimos 20 anos vai ser a Série A-2 mais disputada por conta dos clubes que lá estão: São Caetano, Guarani, Bragantino, XV de Piracicaba, Oeste, todos times tradicionais da Série A-1. Então vai ser disputado, dificuldade por subirem só dois, mas é assim que tem de ser e vamos à luta”, destacou.

Além dos clubes citados, estarão na disputa Barretos, Batatais, Capivariano, Juventus, Penapolense, Portuguesa, Rio Claro, Rio Preto, Sertãozinho, Taubaté, União Barbarense, Velo Clube e Votuporanguense.

Netuno não renova com Fahel e busca técnico para voltar à elite

Após a reunião na sede da Federação Paulista de Futebol, o presidente do Água Santa, Paulo Sirqueira, confirmou que Fahel Júnior não renovou com o clube para a disputa da Série A-2. E a diretoria do Netuno se mexe para encontrar o quanto antes um profissional para realizar o planejamento de retorno à elite estadual.

“O Fahel acabou não ficando. Veio para cumprir a segunda fase. Pegou time de garotos montado pelo Edinho”, afirmou o mandatário da equipe diademense. “Estamos reformulando. Procuramos um técnico, temos alguns nomes que estão sendo discutidos para montar um elenco forte”, emendou.

A ideia, segundo Sirqueira, é que o Netuno não só efetue contratações para a competição de acesso como aproveite as pratas da casa. “Queremos utilizar pelo menos quatro garotos da base. Essa é a ideia”, explicou o presidente, que revelou o perfil dos jogadores que estão sendo procurados pela diretoria. “Por se tratar de um campeonato muito disputado, queremos trazer atletas acostumados à divisão.” 

O Netuno iniciará as atividades para a A-2 no fim de novembro ou começo de dezembro. DB


Com base já formada, time são-caetanense contratará pouco

A grande aposta do São Caetano para, enfim, voltar à Série A-1 do Campeonato Paulista no ano que vem é uma receita que o clube já utiliza há algum tempo: manter a base do time. A maior parte do elenco que está disputando a Copa Paulista – a equipe está na semifinal – permanecerá sob o comando do técnico Luís Carlos Martins, outro que segue no cargo, para a próxima temporada.

De acordo com o presidente Nairo Ferreira de Souza, haverá apenas algumas contratações pontuais para fechar o grupo. “Estamos utilizando a Copa Paulista como preparação e vamos contratar uns dois, três ou quatro jogadores”, apontou o mandatário azulino. DB

Definidas datas e horários das semifinais da Copa Paulista

O dia foi agitado na sede da Federação Paulista. Isso porque, além das diretrizes da Série A-2, a entidade definiu datas e horários das semifinais da Copa Paulista. Único representante da região vivo no torneio, o São Caetano terá pela frente a Ferroviária. O primeiro confronto será sábado, às 16h, no Anacleto Campanella, e o duelo de volta está programado para o dia 12, às 18h, na Fonte Luminosa, em Araraquara.

De acordo com o presidente Nairo Ferreira de Souza, a entidade inicialmente queria que o primeiro jogo, no Grande ABC, fosse no domingo, mas o Azulão solicitou mudança na data. “Pedimos sábado à tarde porque o público aceita melhor e fugimos da concorrência do Campeonato Brasileiro”, explicou o dirigente.

Sobre a Ferroviária, Nairo foi sucinto, mas exaltou a qualidade da Ferrinha – bem como dos outros semifinalistas (XV de Piracicaba e Rio Claro). “A gente acompanhou. Faz boas campanhas desde o ano passado. Ficaram os quatro melhores. Equipes que fizeram as melhores campanhas”, concluiu o presidente são-caetanense. DB
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;