Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Chile, 1962. Inglaterra, 1966. O rádio mantém aquelas emoções


Ademir Medici

21/04/2018 | 07:00


Texto: Milton Parron

O quinto de uma série de 12 programas sobre Copas do Mundo abordará, inicialmente, o bicampeonato brasileiro conquistado em 1962 no Chile. 

Histórias curiosíssimas contadas pelos próprios personagens, uma delas, muito comentada à época, envolveu o narrador da Rádio Record Geraldo José de Almeida, que havia perdido a condução que transportava os jornalistas do campo de treinamento da Seleção até o centro de Viña Del Mar. 

Local ermo e distante, Geraldo caminhava a pé quando viu à distância o ônibus que levava nossos jogadores de volta para a cidade. Deu sinal, o ônibus parou, na porta apareceu o chefe da delegação e dono da Record, portanto, chefe direto de Geraldo, Dr. Paulo Machado de Carvalho. O próprio ‘Marechal da Vitória’ vai contar no programa como foi o desfecho. 

Outro fato inusitado quem revela é o saudoso goleiro daquela Seleção Gilmar dos Santos Neves. Desconfiado com a enorme paixão dos jogadores pelo cinema, a ponto de exigirem a repetição do filme do dia anterior por não ter um novo para ser projetado, Carlos Nascimento, braço direito do Dr. Paulo Machado, certa noite mandou parar a projeção, acendeu as luzes da sala de cinema do hotel e o que viu foi surpreendente. 

Fiori Gigliotti revelará como é que teve início, às escondidas, o romance Mané Garrincha/Elza Soares ainda na fase de preparação da Seleção aqui no Brasil e ele, Fiori, indiretamente teve participação naquele affaire exaustivamente explorado pela imprensa. 

Em destaque, ainda, os gols da Copa de 1962, o momento da contusão que tirou Pelé do restante do campeonato, a estrela de Amarildo que substituiu o rei e deu conta do recado com sobra. 

Também será abordado o fracasso de 1966 na Inglaterra. Nossa desclassificação prematura e a curiosa justificativa de Garrincha no desembarque da Seleção em São Paulo. 

Paralelamente ao futebol, os episódios marcantes de época, especialmente a queda de João Goulart, as cassações de mandados, as torturas e assassinatos em nome do novo regime de governo, as passeatas estudantis contra o governo militar, o nascimento do programa e do movimento Jovem Guarda, os festivais de música popular e a censura aos artistas e à imprensa. 

Essas são algumas das emoções do programa Memória na série reminiscente sobre Copas do Mundo.


Rádio Bandeirantes AM (840) e FM (90,9) 

Memória

Em cartaz, Copas do Mundo – quinto de uma série de 12 programas.

Produção e apresentação: Milton Parron 

Hoje, às 23h, com reprise às 5h

Diário há 30 anos

Quinta-feira, 21 de abril de 1988 – ano 30, edição 6732

Manchete – Sarney (presidente da República) não teme a CPI da corrupção e nem o Congresso Constituinte, diz chefe da Casa Civil, Ronaldo Costa Couto

São Bernardo – Aprovado o trem da alegria em benefício dos servidores que ocupam cargos em comissão.

Economia – Disparam os preços de roupas de inverno.

Educação – Sai cartilha para cálculo das mensalidades escolares; unidades particulares refutam índice.

Memória – 1 - Há três anos (1985) o País perdia Tancredo Neves.

Memória – 2 – Jubileu de ouro das instituições educacionais Senador Flaquer, em Santo André.

Em 21 de abril de...

1918 – Fundada a Corporação Musical Lyra de Santo André, que está ganhando uma linda reportagem especial aqui no Diário assinada pela jornalista Miriam Gimenez.

1973 – O programa Os Grandes Mestres da Música, pela Rádio Diário 1530, apresenta Aida, música de ballet e Verdi, com a Orquestra Filarmônia de Roma, regida por Massimo Freccia.

Nota – As músicas do programa eram escolhidas pelo diretor-presidente do Diário, Edson Danillo Dotto. O programa foi a raiz, alguns anos depois, da FM Scala, de tanto sucesso no radio nacional e iniciativa do Grupo Diário.

1978 – Aos 88 anos, falece Antonio Polesi, de Santo André, que durante 68 anos trabalhou na Kowarick – um recorde.

Santos do Dia

Anselmo de Cantuária (Itália, 1033 – Inglaterra, 1109). Arcebispo na França e doutor da Igreja.

Conrado de Parzão

Hoje

Dia de Tiradentes (Joaquim José da Silva, executado em 1792)

Dia do Metalúrgico

Dia da Latinidade

Dia Mundial do Café

Dia do Policial Civil e Militar

Municípios Brasileiros

Celebram aniversários em 21 de abril:

Em São Paulo, Bofete (1880), Colina (1925) e Lins (1920)

Em Brasília, Brasília (Distrito Federal)

Em Tocantins, Colinas do Tocantins

No Rio Grande do Sul, Estação

No Pará, Floresta do Araguaia e Marituba

Em Santa Catarina, Itapema e Vargeão

No Paraná, Porto Rico

Fonte: IBGE



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Chile, 1962. Inglaterra, 1966. O rádio mantém aquelas emoções

Ademir Medici

21/04/2018 | 07:00


Texto: Milton Parron

O quinto de uma série de 12 programas sobre Copas do Mundo abordará, inicialmente, o bicampeonato brasileiro conquistado em 1962 no Chile. 

Histórias curiosíssimas contadas pelos próprios personagens, uma delas, muito comentada à época, envolveu o narrador da Rádio Record Geraldo José de Almeida, que havia perdido a condução que transportava os jornalistas do campo de treinamento da Seleção até o centro de Viña Del Mar. 

Local ermo e distante, Geraldo caminhava a pé quando viu à distância o ônibus que levava nossos jogadores de volta para a cidade. Deu sinal, o ônibus parou, na porta apareceu o chefe da delegação e dono da Record, portanto, chefe direto de Geraldo, Dr. Paulo Machado de Carvalho. O próprio ‘Marechal da Vitória’ vai contar no programa como foi o desfecho. 

Outro fato inusitado quem revela é o saudoso goleiro daquela Seleção Gilmar dos Santos Neves. Desconfiado com a enorme paixão dos jogadores pelo cinema, a ponto de exigirem a repetição do filme do dia anterior por não ter um novo para ser projetado, Carlos Nascimento, braço direito do Dr. Paulo Machado, certa noite mandou parar a projeção, acendeu as luzes da sala de cinema do hotel e o que viu foi surpreendente. 

Fiori Gigliotti revelará como é que teve início, às escondidas, o romance Mané Garrincha/Elza Soares ainda na fase de preparação da Seleção aqui no Brasil e ele, Fiori, indiretamente teve participação naquele affaire exaustivamente explorado pela imprensa. 

Em destaque, ainda, os gols da Copa de 1962, o momento da contusão que tirou Pelé do restante do campeonato, a estrela de Amarildo que substituiu o rei e deu conta do recado com sobra. 

Também será abordado o fracasso de 1966 na Inglaterra. Nossa desclassificação prematura e a curiosa justificativa de Garrincha no desembarque da Seleção em São Paulo. 

Paralelamente ao futebol, os episódios marcantes de época, especialmente a queda de João Goulart, as cassações de mandados, as torturas e assassinatos em nome do novo regime de governo, as passeatas estudantis contra o governo militar, o nascimento do programa e do movimento Jovem Guarda, os festivais de música popular e a censura aos artistas e à imprensa. 

Essas são algumas das emoções do programa Memória na série reminiscente sobre Copas do Mundo.


Rádio Bandeirantes AM (840) e FM (90,9) 

Memória

Em cartaz, Copas do Mundo – quinto de uma série de 12 programas.

Produção e apresentação: Milton Parron 

Hoje, às 23h, com reprise às 5h

Diário há 30 anos

Quinta-feira, 21 de abril de 1988 – ano 30, edição 6732

Manchete – Sarney (presidente da República) não teme a CPI da corrupção e nem o Congresso Constituinte, diz chefe da Casa Civil, Ronaldo Costa Couto

São Bernardo – Aprovado o trem da alegria em benefício dos servidores que ocupam cargos em comissão.

Economia – Disparam os preços de roupas de inverno.

Educação – Sai cartilha para cálculo das mensalidades escolares; unidades particulares refutam índice.

Memória – 1 - Há três anos (1985) o País perdia Tancredo Neves.

Memória – 2 – Jubileu de ouro das instituições educacionais Senador Flaquer, em Santo André.

Em 21 de abril de...

1918 – Fundada a Corporação Musical Lyra de Santo André, que está ganhando uma linda reportagem especial aqui no Diário assinada pela jornalista Miriam Gimenez.

1973 – O programa Os Grandes Mestres da Música, pela Rádio Diário 1530, apresenta Aida, música de ballet e Verdi, com a Orquestra Filarmônia de Roma, regida por Massimo Freccia.

Nota – As músicas do programa eram escolhidas pelo diretor-presidente do Diário, Edson Danillo Dotto. O programa foi a raiz, alguns anos depois, da FM Scala, de tanto sucesso no radio nacional e iniciativa do Grupo Diário.

1978 – Aos 88 anos, falece Antonio Polesi, de Santo André, que durante 68 anos trabalhou na Kowarick – um recorde.

Santos do Dia

Anselmo de Cantuária (Itália, 1033 – Inglaterra, 1109). Arcebispo na França e doutor da Igreja.

Conrado de Parzão

Hoje

Dia de Tiradentes (Joaquim José da Silva, executado em 1792)

Dia do Metalúrgico

Dia da Latinidade

Dia Mundial do Café

Dia do Policial Civil e Militar

Municípios Brasileiros

Celebram aniversários em 21 de abril:

Em São Paulo, Bofete (1880), Colina (1925) e Lins (1920)

Em Brasília, Brasília (Distrito Federal)

Em Tocantins, Colinas do Tocantins

No Rio Grande do Sul, Estação

No Pará, Floresta do Araguaia e Marituba

Em Santa Catarina, Itapema e Vargeão

No Paraná, Porto Rico

Fonte: IBGE

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;