Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Republicanos de ontem e de hoje


Ademir Medici

15/11/2016 | 07:00


Liberdade! Liberdade!

Abre as asas sobre nós!

Refrão do Hino da Proclamação da República.

 

“Proclamada numa aventura audaciosa, que a dissolução do Império permitiu e facilitou, a República veio encontrar o nosso povo em estado de incapacidade para o livre exercício das instituições democráticas.”

Cf. O Estado de S. Paulo, O Dia da República, Vinte e Sete Anos, edição de 15-11-1916

 

 

Hoje muitos políticos se dizem republicanos. Bonito? Simpático? Ou expressão tirada do fundo do coração, com emoção, sensatez e espírito público? Seja qual for a resposta, o certo é que, antigamente, a data da Proclamação da República era comemorada com mais ardor e patriotismo. Hoje o é? Ou apenas motivação para uma esticada até a praia?

Voltemos 100 anos no tempo. Em 1916, informam os jornais da época, pelo menos três solenidades foram realizadas no então município geral de São Bernardo em 15 de novembro:

1 – Alvorada no quartel do Tiro de Guerra 34 pela banda de tambores e cornetas, num total de 16 figuras.

2 – Festa no 1º Grupo Escolar de Santo André.

3 – Retreta da banda de música, com peças escolhidas do seu vasto repertório.

Na festa do grupo escolar, a presença do diretor, José Augusto Leite Franco, do corpo docente, alunos e populares. Coube à professora Jocely na Couto ler um discurso. Foi executado o Hino Nacional.

Alunos recitaram peças e poesias:

Luiz da Costa Furtado o monólogo República.

José Scarpelli, o poema A Proclamação da República.

Américo Pezzolo, a redação A República.

O Hino da Proclamação da República foi entoado por um coro de alunos. E o diretor Leite Franco fez uma preleção sobre o tema.

 

Hoje não se celebra o Dia da Proclamação da República. Antigamente, sim. Mesmo assim, mesmo na República Velha, havia problemas, como se destaca no tópico extraído do Estadão de 1916; o mesmo Estadão republicano, liberal, de convicções firmes e que até trocou de nome quando da proclamação: de Província para Estado.

 

Hoje
Dia da Proclamação da República (127º ano)

 

Municípios Brasileiros
Celebram seus aniversários em 15 de novembro:

No Ceará, Acarape, General Sampaio

Na Paraíba, Bonito de Santa Fé.

Em Goiás, Cabeceiras e Urutaí.

No Maranhão, Cajari.

Em Alagoas, Coqueiro Seco e Marechal Deodoro.

No Paraná, Honório Serpa, Inajá, Jaboti, Palmital, Rio Negro e Uniflor.

No Piauí, Novo Oriente do Piauí.

Em Minas Gerais, Prata.

No Rio de Janeiro, Tanguá.

 

Santos do Dia

Alberto Magno (Baviera, Alemanha, 1193 ou 1206 – Colônia, Alemanha, 1280). Santo Alberto representou a primeira grande expressão filosófica e científica do impacto de Aristóteles sobre a cultura ocidental latina. Ele foi um dos mais universais pensadores da Idade Média. Seus interesses iam das ciências naturais à teologia. Deixou contribuições à lógica, psicologia, metafísica, meteorologia, mineralogia, botânica e zoologia. É considerado o santo padroeiro das ciências naturais.

Pesquisa e estampa:

Dicionário dos Filósofos, Denis Huisman, Martins Fontes, 2001

João Licci

Fidenciano

 

Diário há 30 anos
Sábado, 15 de novembro de 1986 – ano 29, edição 6291

Manchete – Equilíbrio marca a eleição para o governo de São Paulo

As chances de vitória de Paulo Maluf (PDS), Antonio Ermírio (PTB) e Orestes Quércia (PMDB) são praticamente iguais. Eduardo Suplicy (PT) tem poucas possibilidades. Teotônio Simões (PH) só está concorrendo.

Instrução do TSE libera trabalho de boca de urna.

Ministro da Justiça adverte que pleito não é guerra.

Grande ABC tem 105 candidatos à Câmara Federal e Assembleia Legislativa.

Editorial –Constituinte, a órfã das eleições de hoje

 

Em 15 de novembro de...
1916 – Circula o nº 4 da <CF160>Revista de São Bernardo, que passa a ser publicada quinzenalmente.

A guerra. Do noticiário do Estadão: protesto dos polacos contra a criação do reino da Polônia pela Alemanha e Áustria.

1951 – Fundada a Sociedade Amigos de Vila Gerty, em São Caetano.

1956 – Inaugurado o Estádio Felício Laurito, em Ribeirão Pires.

1971 – Fundada a creche João XXIII, na Vila Palmares, em Santo André, iniciativa do padre Emílio Rubens Chasserax.

1976 – Grande ABC elege seis prefeitos do MDB: Lincoln Grillo (Santo André), Tito Costa (São Bernardo), Raimundo da Cunha Leite (São Caetano), Lauro Michels (Diadema), Dorival Rezende (Mauá) e Aarão Teixeira (Rio Grande da Serra); e um prefeito da Arena: Luiz Carlos Grecco (Ribeirão Pires).

 

Feriado de gala na Vila Baeta

Maria Auxiliadora Scarabelli completa hoje 80 anos de idade. Ela nasceu nesta data em Caruaru (Pernambuco), em 1936, e mora em São Bernardo desde 1966, depois de ter vivido vários anos no Interior de São Paulo e Paraná.

Na Vila Baeta Neves, dona Maria Auxiliadora mantém uma linda família e muitas histórias de vida de uma experiência migrante que têm servido de inspiração ao historiador dos Scarabelli, seu neto Thiago.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Republicanos de ontem e de hoje

Ademir Medici

15/11/2016 | 07:00


Liberdade! Liberdade!

Abre as asas sobre nós!

Refrão do Hino da Proclamação da República.

 

“Proclamada numa aventura audaciosa, que a dissolução do Império permitiu e facilitou, a República veio encontrar o nosso povo em estado de incapacidade para o livre exercício das instituições democráticas.”

Cf. O Estado de S. Paulo, O Dia da República, Vinte e Sete Anos, edição de 15-11-1916

 

 

Hoje muitos políticos se dizem republicanos. Bonito? Simpático? Ou expressão tirada do fundo do coração, com emoção, sensatez e espírito público? Seja qual for a resposta, o certo é que, antigamente, a data da Proclamação da República era comemorada com mais ardor e patriotismo. Hoje o é? Ou apenas motivação para uma esticada até a praia?

Voltemos 100 anos no tempo. Em 1916, informam os jornais da época, pelo menos três solenidades foram realizadas no então município geral de São Bernardo em 15 de novembro:

1 – Alvorada no quartel do Tiro de Guerra 34 pela banda de tambores e cornetas, num total de 16 figuras.

2 – Festa no 1º Grupo Escolar de Santo André.

3 – Retreta da banda de música, com peças escolhidas do seu vasto repertório.

Na festa do grupo escolar, a presença do diretor, José Augusto Leite Franco, do corpo docente, alunos e populares. Coube à professora Jocely na Couto ler um discurso. Foi executado o Hino Nacional.

Alunos recitaram peças e poesias:

Luiz da Costa Furtado o monólogo República.

José Scarpelli, o poema A Proclamação da República.

Américo Pezzolo, a redação A República.

O Hino da Proclamação da República foi entoado por um coro de alunos. E o diretor Leite Franco fez uma preleção sobre o tema.

 

Hoje não se celebra o Dia da Proclamação da República. Antigamente, sim. Mesmo assim, mesmo na República Velha, havia problemas, como se destaca no tópico extraído do Estadão de 1916; o mesmo Estadão republicano, liberal, de convicções firmes e que até trocou de nome quando da proclamação: de Província para Estado.

 

Hoje
Dia da Proclamação da República (127º ano)

 

Municípios Brasileiros
Celebram seus aniversários em 15 de novembro:

No Ceará, Acarape, General Sampaio

Na Paraíba, Bonito de Santa Fé.

Em Goiás, Cabeceiras e Urutaí.

No Maranhão, Cajari.

Em Alagoas, Coqueiro Seco e Marechal Deodoro.

No Paraná, Honório Serpa, Inajá, Jaboti, Palmital, Rio Negro e Uniflor.

No Piauí, Novo Oriente do Piauí.

Em Minas Gerais, Prata.

No Rio de Janeiro, Tanguá.

 

Santos do Dia

Alberto Magno (Baviera, Alemanha, 1193 ou 1206 – Colônia, Alemanha, 1280). Santo Alberto representou a primeira grande expressão filosófica e científica do impacto de Aristóteles sobre a cultura ocidental latina. Ele foi um dos mais universais pensadores da Idade Média. Seus interesses iam das ciências naturais à teologia. Deixou contribuições à lógica, psicologia, metafísica, meteorologia, mineralogia, botânica e zoologia. É considerado o santo padroeiro das ciências naturais.

Pesquisa e estampa:

Dicionário dos Filósofos, Denis Huisman, Martins Fontes, 2001

João Licci

Fidenciano

 

Diário há 30 anos
Sábado, 15 de novembro de 1986 – ano 29, edição 6291

Manchete – Equilíbrio marca a eleição para o governo de São Paulo

As chances de vitória de Paulo Maluf (PDS), Antonio Ermírio (PTB) e Orestes Quércia (PMDB) são praticamente iguais. Eduardo Suplicy (PT) tem poucas possibilidades. Teotônio Simões (PH) só está concorrendo.

Instrução do TSE libera trabalho de boca de urna.

Ministro da Justiça adverte que pleito não é guerra.

Grande ABC tem 105 candidatos à Câmara Federal e Assembleia Legislativa.

Editorial –Constituinte, a órfã das eleições de hoje

 

Em 15 de novembro de...
1916 – Circula o nº 4 da <CF160>Revista de São Bernardo, que passa a ser publicada quinzenalmente.

A guerra. Do noticiário do Estadão: protesto dos polacos contra a criação do reino da Polônia pela Alemanha e Áustria.

1951 – Fundada a Sociedade Amigos de Vila Gerty, em São Caetano.

1956 – Inaugurado o Estádio Felício Laurito, em Ribeirão Pires.

1971 – Fundada a creche João XXIII, na Vila Palmares, em Santo André, iniciativa do padre Emílio Rubens Chasserax.

1976 – Grande ABC elege seis prefeitos do MDB: Lincoln Grillo (Santo André), Tito Costa (São Bernardo), Raimundo da Cunha Leite (São Caetano), Lauro Michels (Diadema), Dorival Rezende (Mauá) e Aarão Teixeira (Rio Grande da Serra); e um prefeito da Arena: Luiz Carlos Grecco (Ribeirão Pires).

 

Feriado de gala na Vila Baeta

Maria Auxiliadora Scarabelli completa hoje 80 anos de idade. Ela nasceu nesta data em Caruaru (Pernambuco), em 1936, e mora em São Bernardo desde 1966, depois de ter vivido vários anos no Interior de São Paulo e Paraná.

Na Vila Baeta Neves, dona Maria Auxiliadora mantém uma linda família e muitas histórias de vida de uma experiência migrante que têm servido de inspiração ao historiador dos Scarabelli, seu neto Thiago.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;