Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 30 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Construção de escolas atrasará ainda mais

Prefeitura adiou data para abertura de propostas para obras em cinco unidades


Fábio Munhoz
Do Diário do Grande ABC

10/05/2014 | 07:00


A Prefeitura de São Bernardo adiou em uma semana a abertura dos envelopes com as propostas para construção de cinco escolas de Educação Infantil. Três dessas unidades foram licitadas em 2012 e deveriam ser entregues no ano passado, mas sequer começaram a ser construídas. A empresa que vencer o certame irá assumir as obras e erguerá outras duas.

A previsão era que as propostas das empreiteiras participantes fossem conhecidas no dia 11 de junho. Ontem, entretanto, a administração municipal anunciou que os envelopes serão abertos somente no dia 18. Até o fechamento desta edição, a Prefeitura não havia informado ao Diário o motivo do adiamento. Também não há previsão de quando os trabalhos serão iniciados de fato.

As três escolas que haviam sido contratadas em 2012 – Jardim Nazareth, Riacho Grande e Jardim Represa – oferecerão vagas para 1.263 crianças. O investimento necessário será de aproximadamente R$ 9,1 milhões. O contrato com a empresa Impacto Gouvêa, responsável pelos serviços, foi rescindido em fevereiro. A firma foi multada no mês anterior em R$ 1,6 milhão. Já havia sido paga quantia de R$ 784,5 à empreiteira – valor referente aos custos de terraplanagem.

O contrato atual prevê a construção de outras duas unidades, nos bairros Jardim Silvina e Jardim Farina. Serão necessários aproximadamente R$ 14 milhões para as obras. Não há, entretanto, informação de quantas vagas serão oferecidas nesses dois locais. Atualmente, a cidade possui deficit de cerca de 4.100 vagas para creches (zero a 3 anos) e 1.000 na pré-escola, serviço que atende alunos com idade entre 4 e 5 anos.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;