Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 26 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Marinho orienta petistas antes da campanha


Rita Donato
Do Diário do Grande ABC

06/07/2008 | 07:03


O candidato petista a prefeito de São Bernardo, o sindicalista Luiz Marinho, reuniu ontem os 252 pleiteantes a vereador da coligação São Bernardo de Todos (42 só do PT) para detalhar a estratégia da frente durante o período eleitoral e esclarecer as novas regras que conduzirão as disputas municipais.

Ao lado do coordenador político, o ex-prefeito Maurício Soares (PSB), e dos presidentes das 11 siglas do arco de aliança, o prefeiturável apelou aos militantes que respeitassem as restrições para evitar problemas judiciais. Desde os pleitos estaduais e nacional de 2006, a legislação eleitoral proíbe brindes, pintura em muros e showmícios.

O principal temor do sindicalista é ter alguma campanha impugnada por falhas cometidas por iniciantes, como a distribuição de material de divulgação antes da abertura do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do comitê financeiro, exigido pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para registrar todos os gastos. "Orientamos nossos candidatos (a vereador) para que não comentam erros primários, capazes de comprometer nosso futuro", afirmou.

APOIO FEDERAL - Marinho, ex-ministro da Previdência, reafirmou que contará com o presidente Lula no palanque e voltou a alegar que terá mais possibilidade que os demais candidatos de negociar com a esfera federal. "A cidade, governada por mim, terá um potencial de diálogo com a União para trazer investimento em áreas abandonadas", disse, já em clima de campanha, embora pela lei o ano eleitoral só comece hoje.

MOBILIZAÇÃO - O petista pediu apoio para a exposição do plano de governo - que será lançado no próximo domingo. "Precisamos da ajuda de todos para levar à população desta cidade nossas propostas alternativas. Inicialmente, isso será feito com o material que temos: bandeiras dos partidos e camisetas de eleições passadas. Não vamos ficar parados", avisou, convocando os militantes para a caminhada de hoje.

A programação do sindicalista inclui também um ato na Praça dos Trabalhadores e visitas em centros comerciais dos bairros Silvinia, Ferrazópolis, Baeta e Riacho Grande. Estão previstas a presença do candidato a vice, o cantor-forrozeiro e deputado federal Frank Aguiar (PTB), e dos petistas considerados por Marinho como "principais puxadores de votos": o deputado federal Vicente Paulo da Silva, o Vicentinho, e a deputada estadual Ana do Carmo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Marinho orienta petistas antes da campanha

Rita Donato
Do Diário do Grande ABC

06/07/2008 | 07:03


O candidato petista a prefeito de São Bernardo, o sindicalista Luiz Marinho, reuniu ontem os 252 pleiteantes a vereador da coligação São Bernardo de Todos (42 só do PT) para detalhar a estratégia da frente durante o período eleitoral e esclarecer as novas regras que conduzirão as disputas municipais.

Ao lado do coordenador político, o ex-prefeito Maurício Soares (PSB), e dos presidentes das 11 siglas do arco de aliança, o prefeiturável apelou aos militantes que respeitassem as restrições para evitar problemas judiciais. Desde os pleitos estaduais e nacional de 2006, a legislação eleitoral proíbe brindes, pintura em muros e showmícios.

O principal temor do sindicalista é ter alguma campanha impugnada por falhas cometidas por iniciantes, como a distribuição de material de divulgação antes da abertura do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do comitê financeiro, exigido pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para registrar todos os gastos. "Orientamos nossos candidatos (a vereador) para que não comentam erros primários, capazes de comprometer nosso futuro", afirmou.

APOIO FEDERAL - Marinho, ex-ministro da Previdência, reafirmou que contará com o presidente Lula no palanque e voltou a alegar que terá mais possibilidade que os demais candidatos de negociar com a esfera federal. "A cidade, governada por mim, terá um potencial de diálogo com a União para trazer investimento em áreas abandonadas", disse, já em clima de campanha, embora pela lei o ano eleitoral só comece hoje.

MOBILIZAÇÃO - O petista pediu apoio para a exposição do plano de governo - que será lançado no próximo domingo. "Precisamos da ajuda de todos para levar à população desta cidade nossas propostas alternativas. Inicialmente, isso será feito com o material que temos: bandeiras dos partidos e camisetas de eleições passadas. Não vamos ficar parados", avisou, convocando os militantes para a caminhada de hoje.

A programação do sindicalista inclui também um ato na Praça dos Trabalhadores e visitas em centros comerciais dos bairros Silvinia, Ferrazópolis, Baeta e Riacho Grande. Estão previstas a presença do candidato a vice, o cantor-forrozeiro e deputado federal Frank Aguiar (PTB), e dos petistas considerados por Marinho como "principais puxadores de votos": o deputado federal Vicente Paulo da Silva, o Vicentinho, e a deputada estadual Ana do Carmo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;