Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Ex-BBB, Maria será candidata a deputada estadual

Ari Paleta/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Nascida em S.Bernardo e criada em Sto.André, vencedora do reality fará dobrada com Dr. Rey


Fábio MartinsDo Diário do Grande ABC

03/07/2014 | 07:00


Vencedora da 11ª edição do BBB (Big Brother Brasil), Maria Melilo efetivou candidatura a deputada estadual pelo PSC (Partido Social Cristão). Nascida em São Bernardo e criada em Santo André, a atriz resolveu pleitear vaga na Assembleia Legislativa sob a justificativa de “engajar luta por melhorias no atendimento contra o câncer”. Recém-operada de delicada cirurgia, na qual retirou parte do fígado devido a um tumor, ela estipula a Saúde pública como principal bandeira. “Quero emplacar projeto que acelere o tratamento.”

No fim do ano passado, período limite de filiação para concorrer ao páreo, Maria, 30 anos, participou da campanha Outubro Rosa, do partido, no sentido de conscientizar as mulheres sobre a importância do diagnóstico precoce e exames preventivos. “Pretendo servir de referência (para propostas) neste sentido. As pessoas (durante a participação no reality show) puderam comprovar meu caráter. Política precisa de pessoas do bem”, alegou a ex-BBB, que estudou no colégio Coração de Jesus, na juventude, em solo andreense.

Maria tem a expectativa de receber nas urnas a “mesma confiança” que obteve na votação do programa global – no ‘paredão’ final atingiu 51 milhões de votos favoráveis para a conquista do prêmio. Será a primeira vez que ela se candidatará a cargo público. Segundo a atriz, a campanha englobará principalmente o Grande ABC, onde mantém domicílio eleitoral, e a Capital, sem receio de se apresentar como ex-BBB. “Não tenho vergonha disso. O programa me projetou, deu exposição no País. Só abriu portas.”

A linha de corte estimada no lado social-cristão é de 50 mil votos para a Assembleia. A atriz tenta repetir o histórico de Jean Wyllys, campeão da quinta edição do reality e que serviu de trampolim para conquistar uma das 513 cadeiras na Câmara Federal – o professor universitário elegeu-se deputado pelo Psol do Rio de Janeiro ao mandato de 2011-2014. Para seguir essa trajetória ao cenário eleitoral, a principal dobrada de Maria será formada com o cirurgião plástico Robert Rey, conhecido como médico das estrelas de Hollywood, também recém-filiado ao PSC.

O presidente paulista do PSC, Gilberto Nascimento, afirmou que a aliança não é casuística por conta da fama dos dois novos filiados. Para o dirigente, as figuras representaram vitória de vida ao lembrar o tratamento de dois anos de Maria contra o câncer e a reviravolta de Rey, que “era menino de rua, espancado pelo pai quando criança” e, posteriormente, tornou-se cirurgião mundialmente famoso. “Não estamos nos aproveitando do momento. A dupla é exemplo (na biografia) e comprometida com os nossos ideais, de família.”

CAMPANHA
A legenda lançará candidatura própria à Presidência da República, com Pastor Everaldo Pereira. Na última pesquisa Datafolha, de junho, o religioso aparece com 3% das intenções de voto, na quarta posição, atrás da presidente Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). No âmbito estadual, em convenção, a sigla confirmou apoio à reeleição do governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Para a esfera proporcional, o PSC de São Paulo projeta obter votos suficientes para garantir cinco cadeiras na Assembleia. Hoje, o partido tem apenas um representante: Rodrigo Moraes.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ex-BBB, Maria será candidata a deputada estadual

Nascida em S.Bernardo e criada em Sto.André, vencedora do reality fará dobrada com Dr. Rey

Fábio MartinsDo Diário do Grande ABC

03/07/2014 | 07:00


Vencedora da 11ª edição do BBB (Big Brother Brasil), Maria Melilo efetivou candidatura a deputada estadual pelo PSC (Partido Social Cristão). Nascida em São Bernardo e criada em Santo André, a atriz resolveu pleitear vaga na Assembleia Legislativa sob a justificativa de “engajar luta por melhorias no atendimento contra o câncer”. Recém-operada de delicada cirurgia, na qual retirou parte do fígado devido a um tumor, ela estipula a Saúde pública como principal bandeira. “Quero emplacar projeto que acelere o tratamento.”

No fim do ano passado, período limite de filiação para concorrer ao páreo, Maria, 30 anos, participou da campanha Outubro Rosa, do partido, no sentido de conscientizar as mulheres sobre a importância do diagnóstico precoce e exames preventivos. “Pretendo servir de referência (para propostas) neste sentido. As pessoas (durante a participação no reality show) puderam comprovar meu caráter. Política precisa de pessoas do bem”, alegou a ex-BBB, que estudou no colégio Coração de Jesus, na juventude, em solo andreense.

Maria tem a expectativa de receber nas urnas a “mesma confiança” que obteve na votação do programa global – no ‘paredão’ final atingiu 51 milhões de votos favoráveis para a conquista do prêmio. Será a primeira vez que ela se candidatará a cargo público. Segundo a atriz, a campanha englobará principalmente o Grande ABC, onde mantém domicílio eleitoral, e a Capital, sem receio de se apresentar como ex-BBB. “Não tenho vergonha disso. O programa me projetou, deu exposição no País. Só abriu portas.”

A linha de corte estimada no lado social-cristão é de 50 mil votos para a Assembleia. A atriz tenta repetir o histórico de Jean Wyllys, campeão da quinta edição do reality e que serviu de trampolim para conquistar uma das 513 cadeiras na Câmara Federal – o professor universitário elegeu-se deputado pelo Psol do Rio de Janeiro ao mandato de 2011-2014. Para seguir essa trajetória ao cenário eleitoral, a principal dobrada de Maria será formada com o cirurgião plástico Robert Rey, conhecido como médico das estrelas de Hollywood, também recém-filiado ao PSC.

O presidente paulista do PSC, Gilberto Nascimento, afirmou que a aliança não é casuística por conta da fama dos dois novos filiados. Para o dirigente, as figuras representaram vitória de vida ao lembrar o tratamento de dois anos de Maria contra o câncer e a reviravolta de Rey, que “era menino de rua, espancado pelo pai quando criança” e, posteriormente, tornou-se cirurgião mundialmente famoso. “Não estamos nos aproveitando do momento. A dupla é exemplo (na biografia) e comprometida com os nossos ideais, de família.”

CAMPANHA
A legenda lançará candidatura própria à Presidência da República, com Pastor Everaldo Pereira. Na última pesquisa Datafolha, de junho, o religioso aparece com 3% das intenções de voto, na quarta posição, atrás da presidente Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB). No âmbito estadual, em convenção, a sigla confirmou apoio à reeleição do governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Para a esfera proporcional, o PSC de São Paulo projeta obter votos suficientes para garantir cinco cadeiras na Assembleia. Hoje, o partido tem apenas um representante: Rodrigo Moraes.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;