Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 30 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Três empresas dividem contrato recorde do governo americano


Da AFP

30/03/2007 | 10:24


As empresas AT&T, Verizon e Qwest vão dividir um contrato recorde do governo americano, no valor de US$ 20 bilhões, para modernizar redes de telecomunicações.

O contrato, que tem duração de dez anos, inclui a atualização das comunicações de voz, dados, sem-fio e por satélite de 135 órgãos federais em 191 países, informou nesta quinta-feira a GSA (Administração de Serviços Gerais).

"Este projeto, chamado de Networx Universal, transformará o sistema atual de telecomunicações federal em uma rede segura, de alcance mundial, baseada no protocolo da internet", informou a GSA.

Analistas acreditam que, com o passar do tempo, o contrato poderá chegar a US$ 48 bilhões.

"Este importante acordo equivale na realidade a muitos serviços pequenos durante dez anos, avaliados em entre US$ 20 bilhões e US$ 48 bilhões, que os contratados disputarão entre si", destacou o analista em telecomunicações Jeff Kagan.

Segundo a Verizon, o novo sistema "ajudará o governo federal a transitar na nova era dos serviços avançados de comunicação, proporcionando um sistema de voz, de dados, de rádio e de serviços de Internet às agências do governo no mundo inteiro”.

O presidente e chefe executivo da Qwest, Richard Notebaert, garantiu que este contrato "é uma grande vitória para sua empresa, que complementa nosso progresso durante os últimos cinco anos e é um testemunho do estado da Qwest como um importante provedor nacional em comunicações".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Três empresas dividem contrato recorde do governo americano

Da AFP

30/03/2007 | 10:24


As empresas AT&T, Verizon e Qwest vão dividir um contrato recorde do governo americano, no valor de US$ 20 bilhões, para modernizar redes de telecomunicações.

O contrato, que tem duração de dez anos, inclui a atualização das comunicações de voz, dados, sem-fio e por satélite de 135 órgãos federais em 191 países, informou nesta quinta-feira a GSA (Administração de Serviços Gerais).

"Este projeto, chamado de Networx Universal, transformará o sistema atual de telecomunicações federal em uma rede segura, de alcance mundial, baseada no protocolo da internet", informou a GSA.

Analistas acreditam que, com o passar do tempo, o contrato poderá chegar a US$ 48 bilhões.

"Este importante acordo equivale na realidade a muitos serviços pequenos durante dez anos, avaliados em entre US$ 20 bilhões e US$ 48 bilhões, que os contratados disputarão entre si", destacou o analista em telecomunicações Jeff Kagan.

Segundo a Verizon, o novo sistema "ajudará o governo federal a transitar na nova era dos serviços avançados de comunicação, proporcionando um sistema de voz, de dados, de rádio e de serviços de Internet às agências do governo no mundo inteiro”.

O presidente e chefe executivo da Qwest, Richard Notebaert, garantiu que este contrato "é uma grande vitória para sua empresa, que complementa nosso progresso durante os últimos cinco anos e é um testemunho do estado da Qwest como um importante provedor nacional em comunicações".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;