Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Termomecanica dá início a operações de expansão

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Com investimento de R$ 300 milhões, empresa amplia em 45% a produção


Leone Farias
Do Diário do Grande ABC

13/08/2014 | 07:07


Líder no mercado nacional de produtos de cobre e suas ligas, a Termomecanica iniciou, há poucos dias, as operações de duas fábricas dentro de seu complexo fabril em São Bernardo. A expansão envolveu investimentos de R$ 300 milhões ao longo dos últimos três anos para aumentar em 45% a produção de tubos, chapas e laminados.

O objetivo da empresa, que conta com cerca de 2.000 empregados na região, é melhorar a eficiência e competitividade diante de seus principais concorrentes e também fortalecer sua atuação no mercado externo. A companhia tem ganhado participação nas vendas a outros países, como parte de estratégia de reposicionamento da marca lá fora. Nos últimos quatro anos, o volume exportado pela companhia passou de 1,7% para 13,8% do total do faturamento. A meta é que até 2016 esse índice alcance a média anual de até 30%.

A mudança no campo externo foi impulsionada em 2011, quando a Termomecanica adquiriu a chilena Cembrass, que detinha fábricas de barras e perfis de cobre no Chile e na Argentina e que passou a ser usada como canal de distribuição de produtos da companhia brasileira na América Latina.

Na expansão – para a qual contou com o apoio da Investe São Paulo, agência estadual de promoções de investimentos e que presta assessoria ambiental, tributária e de infraestrutura –, a empresa incluiu uma nova unidade de negócios na área de tubos, com tecnologia de produção contínua, que oferece maior agilidade – chamada cast & roll. Assim, a capacidade instalada desse maquinário alcança já 40 mil toneladas por ano, melhorando a qualidade dos produtos e reduzindo os prazos de entrega.

No caso da nova linha de produção de laminados, que demandou investimentos de R$ 100 milhões, a tecnologia embarcada dos novos equipamentos adquiridos permitirão não só aumentar a produtividade e a capacidade instalada, mas também agregar valor ao produto final, segundo a fabricante.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;