Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Luiz Marinho lidera com folga

Com 27 pontos de vantagem sobre segundo colocado, Alex
Manente (PPS), prefeito levaria esta eleição no primeiro turno


Evaldo Novelini
Do Diário do Grande ABC

06/10/2012 | 09:44


Um dia antes da eleição, o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), lidera a corrida pelo Paço com 55,4% das intenções de voto, de acordo com a quarta rodada de pesquisa do Diário, cujos dados foram coletados ontem. A persistir o quadro, o petista estará reeleito amanhã sem necessidade de segundo turno.

O deputado estadual Alex Manente (PPS) é o segundo colocado no levantamento estimulado, quando os nomes dos candidatos são apresentados ao eleitor em um círculo, com 27,8% das preferências. A pesquisa tem margem de erro estimada em três pontos percentuais.

Em relação ao último levantamento do jornal, em setembro, Marinho oscilou negativamente 1,5 ponto percentual. Alex Manente cresceu 4,8. Ademir Silvestre (PSC) caiu de 1,4% para 1,1%. O professor Aldo Santos (Psol) passou de 0,8% para 0,7%. Lígia Gomes (PSTU) manteve o 0,5%.

O número de eleitores que declararam voto nulo ou branco caiu de 13,1% para 9,3%. O percentual de pesquisados que disseram não saber quem escolher cresceu de 4,3% para 5,2%.

Em cidades com mais de 200 mil eleitores, como São Bernardo, a eleição deve ser definida em dois turnos. O segundo, todavia, é desnecessário se um dos candidatos atingir 50% dos votos válidos mais um. Marinho tem 64,8%. Manente aparece com 32,5%.

Em uma hipotética disputa de segundo turno entre Marinho e Alex Manente, o prefeito derrotaria o deputado estadual por 57,4% dos votos contra 30,9%. Votariam em branco 8,8% dos eleitores. Não souberam responder 2,9%.

ESPONTÂNEA - Marinho também lidera a pesquisa espontânea do Diário. Nessa modalidade, o pesquisador pede em quem o eleitor votaria se a eleição fosse hoje, mas não apresenta nenhum nome. O prefeito acumula 48,7% das intenções de voto, contra 23,5% de Alex Manente.

Ademir Silvestre tem 0,8%; Aldo Santos, 0,3%; e Lígia Gomes, 0,2%. Outros nomes que não concorrem foram lembrados por 0,4% - 0,1% citou o deputado estadual Orlando Morando (PSDB). Disseram não saber em quem votar, 16,8% dos entrevistados. E 9,3% afirmaram que votariam em branco, anulariam ou não escolheriam nenhum candidato.

DIB - Marinho ainda está distante de quebrar o recorde de votação em São Bernardo estabelecido na eleição de 2004 pelo hoje deputado federal William Dib (PSDB). A coordenação do petista sonha em superar o percentual de 76,37% dos votos válidos obtido pelo então prefeiturável do PSB.

Principal oponente tem maior rejeição

O deputado estadual Alex Manente (PPS), principal oponente do prefeito Luiz Marinho (PT) na busca pela reeleição em São Bernardo, tem a maior rejeição entre os candidatos. De acordo com a quarta rodada da pesquisa do Diário, 19,6% dos eleitores disseram que não votariam no popular-socialista de jeito nenhum.

Em relação ao último levantamento, em setembro, Alex Manente aumentou a rejeição em mais de dois pontos percentuais - ele tinha 17,1%. Também cresceu o número de eleitores que repudiam Marinho. Eles eram 16,1% no mês passado e são 18,4% atualmente.

A candidata do PSTU assumiu a terceira posição entre os candidatos mais rejeitados, passando de 5,3% para 7%. Dois prefeituráveis diminuíram seus índices de recusa junto ao eleitorado. Aldo Santos (Psol) caiu de 6,1% para 6%, enquanto Ademir Silvestre (PSC) foi de 6% para 5,3%.

São 20,1% os eleitores são-bernardenses que disseram que votariam em qualquer um dos cinco candidatos a prefeito e 8,9% os que rejeitam todos eles. Outros 14,7% dos entrevistados não souberam responder.

AVALIAÇÃO - A maioria da população de São Bernardo aprova o governo do prefeito Luiz Marinho, que teve início em janeiro de 2009. A pesquisa mostra que 58,7% dos entrevistados consideram a atual gestão ótima (15,5%) ou boa (43,2%).

Já os eleitores que classificam o governo como regular são 22,8%: 7,8% acham mais para bom, 8,2% nem para bom nem para ruim e 6,8% mais para ruim.

A administração Marinho é desaprovada por 16,3% dos entrevistados. Disseram que ela é ruim 7,9% dos eleitores, enquanto 8,4% a classificaram como péssima. Não souberam responder à pergunta 2,2% dos são-bernardenses entrevistados.

REGISTRO - A quarta rodada de pesquisa do Diário ouviu ontem 1.070 eleitores a partir de 16 anos em São Bernardo. Como determina a lei, o levantamento está registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o código SP-01781/2012.

 

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Luiz Marinho lidera com folga

Com 27 pontos de vantagem sobre segundo colocado, Alex
Manente (PPS), prefeito levaria esta eleição no primeiro turno

Evaldo Novelini
Do Diário do Grande ABC

06/10/2012 | 09:44


Um dia antes da eleição, o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), lidera a corrida pelo Paço com 55,4% das intenções de voto, de acordo com a quarta rodada de pesquisa do Diário, cujos dados foram coletados ontem. A persistir o quadro, o petista estará reeleito amanhã sem necessidade de segundo turno.

O deputado estadual Alex Manente (PPS) é o segundo colocado no levantamento estimulado, quando os nomes dos candidatos são apresentados ao eleitor em um círculo, com 27,8% das preferências. A pesquisa tem margem de erro estimada em três pontos percentuais.

Em relação ao último levantamento do jornal, em setembro, Marinho oscilou negativamente 1,5 ponto percentual. Alex Manente cresceu 4,8. Ademir Silvestre (PSC) caiu de 1,4% para 1,1%. O professor Aldo Santos (Psol) passou de 0,8% para 0,7%. Lígia Gomes (PSTU) manteve o 0,5%.

O número de eleitores que declararam voto nulo ou branco caiu de 13,1% para 9,3%. O percentual de pesquisados que disseram não saber quem escolher cresceu de 4,3% para 5,2%.

Em cidades com mais de 200 mil eleitores, como São Bernardo, a eleição deve ser definida em dois turnos. O segundo, todavia, é desnecessário se um dos candidatos atingir 50% dos votos válidos mais um. Marinho tem 64,8%. Manente aparece com 32,5%.

Em uma hipotética disputa de segundo turno entre Marinho e Alex Manente, o prefeito derrotaria o deputado estadual por 57,4% dos votos contra 30,9%. Votariam em branco 8,8% dos eleitores. Não souberam responder 2,9%.

ESPONTÂNEA - Marinho também lidera a pesquisa espontânea do Diário. Nessa modalidade, o pesquisador pede em quem o eleitor votaria se a eleição fosse hoje, mas não apresenta nenhum nome. O prefeito acumula 48,7% das intenções de voto, contra 23,5% de Alex Manente.

Ademir Silvestre tem 0,8%; Aldo Santos, 0,3%; e Lígia Gomes, 0,2%. Outros nomes que não concorrem foram lembrados por 0,4% - 0,1% citou o deputado estadual Orlando Morando (PSDB). Disseram não saber em quem votar, 16,8% dos entrevistados. E 9,3% afirmaram que votariam em branco, anulariam ou não escolheriam nenhum candidato.

DIB - Marinho ainda está distante de quebrar o recorde de votação em São Bernardo estabelecido na eleição de 2004 pelo hoje deputado federal William Dib (PSDB). A coordenação do petista sonha em superar o percentual de 76,37% dos votos válidos obtido pelo então prefeiturável do PSB.

Principal oponente tem maior rejeição

O deputado estadual Alex Manente (PPS), principal oponente do prefeito Luiz Marinho (PT) na busca pela reeleição em São Bernardo, tem a maior rejeição entre os candidatos. De acordo com a quarta rodada da pesquisa do Diário, 19,6% dos eleitores disseram que não votariam no popular-socialista de jeito nenhum.

Em relação ao último levantamento, em setembro, Alex Manente aumentou a rejeição em mais de dois pontos percentuais - ele tinha 17,1%. Também cresceu o número de eleitores que repudiam Marinho. Eles eram 16,1% no mês passado e são 18,4% atualmente.

A candidata do PSTU assumiu a terceira posição entre os candidatos mais rejeitados, passando de 5,3% para 7%. Dois prefeituráveis diminuíram seus índices de recusa junto ao eleitorado. Aldo Santos (Psol) caiu de 6,1% para 6%, enquanto Ademir Silvestre (PSC) foi de 6% para 5,3%.

São 20,1% os eleitores são-bernardenses que disseram que votariam em qualquer um dos cinco candidatos a prefeito e 8,9% os que rejeitam todos eles. Outros 14,7% dos entrevistados não souberam responder.

AVALIAÇÃO - A maioria da população de São Bernardo aprova o governo do prefeito Luiz Marinho, que teve início em janeiro de 2009. A pesquisa mostra que 58,7% dos entrevistados consideram a atual gestão ótima (15,5%) ou boa (43,2%).

Já os eleitores que classificam o governo como regular são 22,8%: 7,8% acham mais para bom, 8,2% nem para bom nem para ruim e 6,8% mais para ruim.

A administração Marinho é desaprovada por 16,3% dos entrevistados. Disseram que ela é ruim 7,9% dos eleitores, enquanto 8,4% a classificaram como péssima. Não souberam responder à pergunta 2,2% dos são-bernardenses entrevistados.

REGISTRO - A quarta rodada de pesquisa do Diário ouviu ontem 1.070 eleitores a partir de 16 anos em São Bernardo. Como determina a lei, o levantamento está registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o código SP-01781/2012.

 

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;