Economia Titulo Gastronomia
Dia da Pizza: São Bernardo é a terceira cidade com mais pizzarias no Estado

O estudo apresenta o crescimento de 11,5% do setor no Brasil, que produz 1,9 milhões de redondas diariamente

Lays Bento
10/07/2024 | 19:17
Compartilhar notícia
FOTO: Freepik


Segundo dados da Apubra (Associação Pizzarias Unidas do Brasil), São Bernardo se destaca como o município com mais estabelecimentos voltados à comercialização de pizzas em toda São Paulo. Na estimativa até o final do ano passado, no Estado, funcionavam 11.608 pizzarias: 37,97% das lojas atuando na Capital, além de 3,13% em Guarulhos e 2,19% em São Bernardo. 

Entre as dez cidades mais engajadas nas vendas da redonda está também Santo André. Na 5ª posição da terceira edição do estudo, a segunda cidade do Grande ABC classificada pela entidade nacional concentra 1,98% das operações. 

De acordo com a pesquisa, o fenômeno é constante em todo sudeste e atesta paulistanos como os mais apaixonados pela massa, já que 52% dos comércios do setor se concentram nos quatro Estados. 

"Temos observado que as pizzarias que se dedicam em melhorar a experiência do cliente alcançam destaque no mercado. Os índices de crescimento de estabelecimentos ativos na Capital e do Estado confirmam as oportunidades a serem aproveitadas, em busca de praticidade e novas experiências gastronômicas", comenta Leandro Goulart, presidente da Apubra, que, para a análise, apura fontes oficiais do governo federal e empresas cadastradas na Receita Federal.

SABORES MAIS PEDIDOS

A título de curiosidade, segundo outro levantamento da associação, o "Perfil Profissional, Pizza e Panorama do Mercado", a calabresa é o pedido preferido das pizzarias (38,2%). A seguir acompanham os sabores muçarela (16,2%), margherita (13,2%), portuguesa (10,3%) e frango (4,9%). 

Além disto, a pesquisa aponta que avançam as demandas no mercado para opções vegetarianas e veganas, que já marcam presença em 55% dos estabelecimentos abordados. 

SÃO BERNARDO NO TOPO

Enquanto a Apubra aponta que a maioria dos estabelecimentos nacionais operam com menos de 10 colaboradores e sob regime de microempresa, uma das pizzarias na terceira cidade mais bem posicionada no ranking funciona com 80 colaboradores apenas na função de motoboy aos finais de semana. 

Foram 15 anos de investimento para que o estabelecimento na Av. Imperatriz Leopoldina, no bairro Nova Petrópolis, conquistasse 50 mil clientes cadastrados.

"A demanda é tanta que, fornecedores nossos costumam dizer que estamos entre os três maiores players no País com uma loja só. São 75 funcionários para dar conta das 31 mil pizzas pedidas no mês", aponta Ricardo de Oliveira Silva, proprietário da são-bernardense Pizzaria Nova Bella Napoli. 

Segundo ele, o interesse brasileiro entorno da pizza pode ser explicado pelo custo-benefício. "Acredito que é tão popular porque o valor proporciona a refeição de várias pessoas da família, com recheios fartos e presente em momentos de confraternização. Não se esquecer disto é segredo para tocar o negócio com sabedoria", finaliza.  




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;