Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 10 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Câmara de Rio Grande cassa mandato do prefeito Claudinho da Geladeira

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Agora, quem assume o Executivo é a vice-prefeita, Penha Fumagalli


Daniel Tossato

01/07/2022 | 09:36


Por 9 votos a 4, a Câmara de Rio Grande da Serra cassou o mandato do prefeito Claudinho da Geladeira. A sessão durou mais de 20 horas.

Com a decisão, ao menos na esfera política, quem assume o Executivo da cidade agora é a atual vice-prefeita, Penha Fumagalli (PTB).

Claudinho da Geladeira se torna o primeiro prefeito a ser cassado na cidade. Coube ao presidente da casa, Charles Fumagalli (PTB), proferir a decisão de cassação do tucano.

Com o impeachment, Claudinho da Geladeira também deverá ficar inelegível por oito anos, conforme a Lei da Ficha Limpa.

MARATONA

A sessão, que teve início às 13h de ontem, se arrastou por 20 horas e atravessou a madrugada de quinta para sexta-feira.

Isso porque o relatório final apresentado pela comissão processante tinha mais de 600 páginas. Os parlamentares se revezaram para realizar a leitura do documento.

Ao fim da leitura, coube aos advogados de Claudinho da Geladeira sustentarem a defesa.

Durante as alegações da defesa, o advogado Carlos Callado até elogiou os advogados sobre a leitura das mais de 600 páginas.

O advogado, entretanto, declarou que Claudinho da Geladeira não teve acesso aos documentos e que esse fato prejudicava a atuação da defesa.

VOTAÇÃO

Somente após as alegações da defesa que os vereadores puderam votar pela admissão ou rejeição do relatório que pedia a cassação do prefeito.
Cada parlamentar teve 15 minutos para discursar e fazer seu voto.


NA PREFEITURA

O Diário apurou que Claudinho da Geladeira, junto do secretário de governo, Admir Ferro, acompanharam grande parte da sessão do prédio da Prefeitura. O prefeito lamenta o ocorrido, especialmente pelo trabalho que sua gestão vinha fazendo na cidade. Seus advogados vão tentar reverter essa decisão na Justiça.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;