Fechar
Publicidade

Sábado, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Santo André avança no mapeamento do perfil de turista que vem à cidade

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Estudo vai investigar origem, padrão de gastos e atrações preferidas


Da Redação

28/06/2022 | 00:01


Para nortear políticas públicas para o setor do turismo, Santo André vai pesquisar o perfil e as necessidades dos turistas que vêm à cidade. O termo de cooperação técnica para a realização de um novo Estudo de Demanda Turística foi assinado na sexta-feira pela Prefeitura, representada pelo Secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato, e a Strong Business School, representada pelo diretor Eduardo Becker.

Os questionários, que são a primeira etapa do processo, deverão ser aplicados nos pontos de maior circulação de turistas da cidade, como os grandes hotéis, a Sabina Escola Parque do Conhecimento, a vila de Paranapiacaba e o Santuário Nacional da Umbanda. O relatório final do estudo está previsto para novembro.

A ferramenta proporcionará a identificação do perfil do turista que visita Santo André. A pesquisa traz questões sobre a origem do turista, qual o padrão de gastos, quais os atrativos que lhe interessa e também o que sentiu falta. “Com esse extrato poderemos desenvolver e implementar políticas públicas que façam sentido para o visitante. Nosso objetivo é atrair cada vez mais turistas, movimentando vários segmentos, como a rede hoteleira, locação de veículos, bares, restaurantes e eventos. O nosso principal objetivo é atrair investimentos para gerar de emprego e renda “, disse Banzato. 

Becker destacou que a parceria entre a instituição e o município vai proporcionar ganhos para todos os envolvidos. “A Prefeitura ganha um serviço de qualidade, os alunos ganham com treino, colocando em prática aquilo que eles aprenderam, e a faculdade tem a oportunidade de cumprir com a sua responsabilidade de levar o nosso conhecimento para a sociedade, além de contribuir com o desenvolvimento econômico e social da região”, declarou.

O diretor explica que o projeto está vinculado ao Centro de Inteligência de Mercado da instituição, responsável pela realização de pesquisas aplicadas, voltadas a indicadores e índices. Esses índices fazem parte do programa de extensão da faculdade que atua com base em três pilares: ensino, pesquisa e extensão.

"Vamos orientar os alunos durante toda a elaboração desse trabalho, na execução, análise dos resultados e elaboração do relatório. Os alunos vão poder trabalhar e aprender na prática como se realiza uma pesquisa e como os dados são analisados. Isso é muito rico para a formação deles”, explicou o coordenador de programas acadêmicos da instituição, Luciano Schmitz.

Os alunos do curso de economia terão prioridade na composição da equipe que irá participar da formulação do Estudo, mas também poderão participar os alunos de todas as graduações (administração de empresas, ciências contábeis, direito e publicidade e propaganda). 

A Strong já foi parceira da Prefeitura no primeiro Estudo de Demanda Turística, realizado no segundo semestre de 2020, período em que a pandemia de Covid-19 começava a desacelerar. “Agora estamos em um momento melhor, portanto é possível que tenhamos resultados diferentes. O turismo foi um dos setores mais atingidos pela pandemia”, lembrou Banzato.

O primeiro Estudo de Demanda Turística, segundo o secretário, fez parte do material enviado à secretaria de Turismo do Estado para o processo pelo qual Santo André pleiteia o selo de MIT (Município de Interesse Turístico). As cidades que possuem esse selo têm acesso a recursos do Governo do Estado específicos para serem investidos no setor.

“Apostar no turismo é apostar no desenvolvimento sustentável, integrando nossa cidade, região e País, em um movimento gerador de emprego e renda. E isso é o que estamos fazendo com ações que já estão em andamento, como o programa Empreender no Turismo em Paranapiacaba, que proporciona capacitação e consultoria para que os empreendedores da Vila possam melhorar a gestão de seus negócios e oferecer serviços mais qualificados aos visitantes”, destacou Banzato.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;