Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 21 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Unipar investirá R$ 100 milhões para ampliar produção em Santo André

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Aporte vai para instalação de eletrolisador à produção de cloro e soda cáustica e implantação de forno de ácido clorídrico


WilsoN Moço
Diário do Grande ABC

18/11/2021 | 16:52


Líder na produção de cloro, soda e PVC na América do Sul, a Unipar anunciou ontem que investirá cerca de R$ 100 milhões para ampliar sua capacidade de produção na unidade de Santo André, instalada no Polo Petroquímico de Capuava, divisa com Mauá. O aporte será destinado à instalação de um novo eletrolisador para produção de cloro e soda cáustica e também implantação de um forno de ácido clorídrico.


Com início estimado da operação no segundo semestre de 2023, o projeto de expansão prevê aumentar a capacidade produtiva de cloro e soda cáustica em aproximadamente 15%, mesmo índice na fabricação de ácido clorídrico. A capacidade instalada da companhia para produção destes insumos no País chegará, respectivamente, a 545 mil toneladas, 615 mil toneladas e 755 mil toneladas por ano.


"Este é um projeto de expansão de capacidade sustentável com captura de carbono. Usará energia renovável limpa para produzir cloro, soda cáustica e gerar hidrogênio verde que, por sua vez, será usado como insumo na produção de ácido clorídrico" explica Rodrigo Cannaval, diretor executivo de operações da Unipar.


A nova produção de cloro será direcionada para o processo de transformação para ácido clorídrico, viabilizando a entrada de mais 90 mil toneladas para o mercado. Esse produto é utilizado para atender, principalmente, os segmentos de saneamento (tratamento de água), com importante dimensão social, além de outros, como siderurgia e mineração, indústria de alimentos, biodiesel, química e petroquímica, mas também em novas aplicações, como no setor sucroenergético, para a produção de açúcar e álcool.


O ácido clorídrico é essencial para eliminar a presença de microrganismos que surgem e são prejudiciais ao processo de fermentação do mosto, uma mistura açucarada destinada à levedação alcoólica feita com o resultado da moenda da cana. A etapa é necessária para toda a cadeia produtiva, também responsável por derivados, como biogás e biometano (ambos concorrentes do gás natural), plásticos e princípios extraídos da cana-de-açúcar, usados como base na produção de cosméticos.


A Unipar também reforçará a oferta de soda vendendo o produto diretamente ao mercado, atendendo indústrias como as de produtos de limpeza e higienização, papel e celulose, entre outras. Outro benefício do investimento para expansão da produção e novos equipamentos em Santo André será em ganho de eficiência operacional nas manutenções da unidade de VC na mesma planta industrial. Ela passa a operar mais dias no ano, tendo impacto positivo na produtividade.


"Além do uso de energia renovável limpa em todo o processo de produção, este projeto tem mais um benefício ambiental, que é o calor gerado pela reação na produção de ácido clorídrico e será aproveitado para a produção de vapor para uso na unidade. Substituindo o consumo de gás natural e reduzindo em mais de 2.000 toneladas por ano a emissão de carbono", complementa Cannaval.  



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;