Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

China testará imposto imobiliário em parte do país para conter especulação



23/10/2021 | 16:29


A China afirmou que conduzirá um projeto-piloto de imposto imobiliário por cinco anos em algumas regiões do país. Pequim busca formas de limitar a especulação imobiliária e distribuir riqueza de modo menos desigual. O principal órgão legislativo do país aprovou o programa neste sábado, 23, de acordo com a agência de notícias oficial Xinhua. O Conselho de Estado deve divulgar detalhes nos próximos meses, como as regiões em que a iniciativa ocorrerá e como a taxa de imposto será decidida, de acordo com fontes a par da situação.

Há algum tempo o líder chinês, Xi Jinping, queria impor um imposto imobiliário em todo o país para inibir a especulação, reduzir preços e diminuir o peso econômico de famílias já afetadas pela alta de custos de educação, saúde e outros setores.

Xi vê o imposto, que seria aplicado anualmente sobre o valor de uma propriedade, como parte chave de sua agenda, que busca distribuir riqueza de maneira mais equilibrada entre o 1,4 bilhão de pessoas do país. No entanto, sua proposta enfrentou forte resistência no Partido Comunista, tanto da elite quanto de membros comuns.

Uma proposta inicial de fazer o teste em 30 cidades foi reduzida para cerca de dez cidades, segundo pessoas com conhecimento das discussões. Uma nova lei para instituir o imposto em todo o país não deve ser finalizada até cerca de 2025, o último ano do atual plano de desenvolvimento, de acordo com essas pessoas. Fonte: Dow Jones Newswires.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;