Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Felício Laurito, prefeito...

A Revolução de Getúlio nomeou para a região um nome local como prefeito, Armando Setti, sucedido pelos forasteiros Estácio Pessoa e Justino Paixão. O quarto prefeito voltava a ser da região, o médico Felício Laurito


Ademir Medici

26/11/2020 | 07:00


NOMES LOCAIS

A indicação do médico de Ribeirão Pires foi vitória da classe política da região, desgostosa com as administrações de Pessoa e Paixão.

Uma reunião foi realizada em 23 de agosto de 1933, no Clube do Xadrez de Santo André, quando 32 integrantes da Frente Única indicaram o nome de Felício Laurito.

Nome aprovado, Laurito presta compromisso perante o Departamento de Administração Municipal e toma posse a 28 de setembro de 1933.

Festa em Ribeirão Pires
Agências da Prefeitura reabertas
Quadrinha satiriza o prefeito

101 – Entre os nomes que assinaram a lista indicando Felício Laurito estavam quatro jovens que, anos depois, pelo voto direto, seriam eleitos prefeitos: Fioravante Zampol, Pedro Dell’Antonia e Antonio Pezzolo (os três em Santo André) e Hygino de Lima (em São Bernardo ‘do Campo’).

102 –  O entusiasmo daquele momento pode ser sentido em artigo publicado pela Folha do Povo: “(...) o dia dessa posse foi o dia da redenção do povo de São Bernardo, porque libertou-se dos adventícios, forasteiros e facciosos, como o foram os três prefeitos que transitaram por aqui desde 1930”.

103 – No caso, nem o são-bernardense Armando Setti se salvava, ficando claro a rivalidade entre Santo André e São Bernardo (vila).

104 – O dia da posse de Felício Laurito – 28 de setembro de 1933 – foi de festas em Ribeirão Pires, onde ele nascera e morava. O comércio fechou as portas às 14h para que os empregados pudessem acompanhar o prefeito nomeado até Santo André, onde seria empossado.

105 – O povo compareceu à estação ferroviária de Ribeirão e rompeu em palmas quando do embarque do médico. À noite, após a posse, quem não foi a Santo André retornou à estação para aguardá-lo. Do trem desembarcou a caravana popular. Laurito chegou logo em seguida, de automóvel, que o conduziu ao Ribeirão Pires FC, onde discursou.

106 – Uma das primeiras medidas do prefeito Laurito foi reabrir as agências da Prefeitura na sede, em São Caetano e, é claro, em Ribeirão Pires. A supressão das agências havia sido determinada pelo prefeito anterior, Justino Paixão.

107 – O ‘forasteiro’ Justino Paixão utilizava a imprensa para criticar a nomeação do seu sucessor. Dois jornais o apoiavam, O São Bernardo e O Imparcial. A <CF160>Folha do Povo ficara ao lado de Felício Laurito.

108 – A oposição defendia outro nome para prefeito, Armando de Arruda Pereira, diretor da Cerâmica São Caetano. Laurito tinha a seu lado muitos dos quadros do antigo PRP – leia-se Franco (do prefeito Saladino) e Flaquer (de Alfredo Flaquer e do saudoso senador).

109 – Uma das críticas lançadas contra Felício Laurito foi a compra de um automóvel Chevrolet, último tipo, por 4 contos de réis. O Código de Contabilidade Municipal determinava que todas as aquisições superiores a 2 contos de réis deveriam ser submetidas a concorrência pública. O prefeito justificou seu ato dizendo que, sendo fixo o preço do automóvel, não podia abrir concorrência “e que à Prefeitura só convinha automóvel marca Chevrolet”.

110 – Uma afronta, dizia-se. E as críticas podem ser sintetizadas numa quadrinha publicada pelo O São Bernardo: “Roda, roda Felício, porque em breve você roda duma vez; depois ficar-te-á a lembrança de um automóvel de joelho”.

Em 26 de novembro de...

1920 – Transfere residência para São Paulo a família de Benedicto Firmo de Lima, ex-funcionário da Câmara Municipal de São Bernardo.
- A Câmara Federal se manifesta contrária ao voto secreto. Já o Senado, pela Comissão de Justiça e Legislação, sustenta a ideia do voto secreto.
- O IV Centenário da descoberta do Estreito de Magalhães é comemorado pelo Centro Espanhol de São Paulo, com palestra do historiador Eugênio Egas: Fernão de Magalhães, Sua Vida e Viagens.
1955 – Pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu: Portuguesa 5, São Bento, de São Caetano, 1. O São Bento jogou com Arlindo, Pascoal e Lamparina; Maurinho, Savério e Diogo; Haroldo, Zé Carlos, Tantos, Dema e Varca.
1970 – O governador do Estado, Abreu Sodré, assina decreto dando o nome de Wallace Cockrane Simonsen ao I Ginásio Estadual de São Bernardo, que funcionava junto ao Grupo Escolar Maria Iracema Munhoz.

1920 – Transfere residência para São Paulo a família de Benedicto Firmo de Lima, ex-funcionário da Câmara Municipal de São Bernardo.
- A Câmara Federal se manifesta contrária ao voto secreto. Já o Senado, pela Comissão de Justiça e Legislação, sustenta a ideia do voto secreto.
- O IV Centenário da descoberta do Estreito de Magalhães é comemorado pelo Centro Espanhol de São Paulo, com palestra do historiador Eugênio Egas: Fernão de Magalhães, Sua Vida e Viagens.
1955 – Pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu: Portuguesa 5, São Bento, de São Caetano, 1. O São Bento jogou com Arlindo, Pascoal e Lamparina; Maurinho, Savério e Diogo; Haroldo, Zé Carlos, Tantos, Dema e Varca.
1970 – O governador do Estado, Abreu Sodré, assina decreto dando o nome de Wallace Cockrane Simonsen ao I Ginásio Estadual de São Bernardo, que funcionava junto ao Grupo Escolar Maria Iracema Munhoz.

Diário há meio século

Quinta-feira, 26 de novembro de 1970 – ano 13, edição 1394

Manchete – Presidente Medici falou da Arena (o partido oficial do regime militar) e foi ao Salão do Automóvel
Santo André – Filas da Loteria Esportiva atrapalham o comércio da Rua Coronel Oliveira Lima.
Queixas são contra uma casa lotérica localizada na Galeria Nova Oliveira Lima. Filas vão até o Largo da Estátua.
Comerciantes organizam um abaixo-assinado, com adesão de estabelecimentos como a Casa Helena, Casa Pérola, Gurilândia, Calçados Bata e Joalheiro Lucchi.
São Bernardo – Regina Serigato eleita rainha da Sociedade Amigos de Vila Pauliceia.

Município Paulista

- Hoje é o aniversário de Tremembé. Elevado a município em 26 de novembro de 1896, quando se separa de Taubaté.

Santos do Dia

- Silvestre Guzzolini. Abade (Itália, Osimo, 1177 – Ermo de Montefano, 1267)
- Bv. Tiago Alberione
- Humilde de Bisignano Charles-Martial Allemand Lavigerie
- Santos: Alípio, Basle, Belino, Domingos Doan Xuyen, Fausto, Dídio, Amônio, Filéias, Hesíquio, Pacômio, Teodoro e companheiros (660 pessoas martirizadas no Egito, em 311), Kurt (Conrado), Marcelo, Martinho de Arades, Nícon e Sirício.
- Beatos: Alberto de Haigerloch, Gualtério de Aulne, Pôncio de Faucigny, Tiago Benfatti e Vacz.

TÍTULOS. Leonardo de Porto Mauricio (Itália 1676-1751): Santo da Via Sacra, Santo da Imaculada Conceição, Salvador do Coliseu, Pregador da Paixão de Cristo



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Felício Laurito, prefeito...

A Revolução de Getúlio nomeou para a região um nome local como prefeito, Armando Setti, sucedido pelos forasteiros Estácio Pessoa e Justino Paixão. O quarto prefeito voltava a ser da região, o médico Felício Laurito

Ademir Medici

26/11/2020 | 07:00


NOMES LOCAIS

A indicação do médico de Ribeirão Pires foi vitória da classe política da região, desgostosa com as administrações de Pessoa e Paixão.

Uma reunião foi realizada em 23 de agosto de 1933, no Clube do Xadrez de Santo André, quando 32 integrantes da Frente Única indicaram o nome de Felício Laurito.

Nome aprovado, Laurito presta compromisso perante o Departamento de Administração Municipal e toma posse a 28 de setembro de 1933.

Festa em Ribeirão Pires
Agências da Prefeitura reabertas
Quadrinha satiriza o prefeito

101 – Entre os nomes que assinaram a lista indicando Felício Laurito estavam quatro jovens que, anos depois, pelo voto direto, seriam eleitos prefeitos: Fioravante Zampol, Pedro Dell’Antonia e Antonio Pezzolo (os três em Santo André) e Hygino de Lima (em São Bernardo ‘do Campo’).

102 –  O entusiasmo daquele momento pode ser sentido em artigo publicado pela Folha do Povo: “(...) o dia dessa posse foi o dia da redenção do povo de São Bernardo, porque libertou-se dos adventícios, forasteiros e facciosos, como o foram os três prefeitos que transitaram por aqui desde 1930”.

103 – No caso, nem o são-bernardense Armando Setti se salvava, ficando claro a rivalidade entre Santo André e São Bernardo (vila).

104 – O dia da posse de Felício Laurito – 28 de setembro de 1933 – foi de festas em Ribeirão Pires, onde ele nascera e morava. O comércio fechou as portas às 14h para que os empregados pudessem acompanhar o prefeito nomeado até Santo André, onde seria empossado.

105 – O povo compareceu à estação ferroviária de Ribeirão e rompeu em palmas quando do embarque do médico. À noite, após a posse, quem não foi a Santo André retornou à estação para aguardá-lo. Do trem desembarcou a caravana popular. Laurito chegou logo em seguida, de automóvel, que o conduziu ao Ribeirão Pires FC, onde discursou.

106 – Uma das primeiras medidas do prefeito Laurito foi reabrir as agências da Prefeitura na sede, em São Caetano e, é claro, em Ribeirão Pires. A supressão das agências havia sido determinada pelo prefeito anterior, Justino Paixão.

107 – O ‘forasteiro’ Justino Paixão utilizava a imprensa para criticar a nomeação do seu sucessor. Dois jornais o apoiavam, O São Bernardo e O Imparcial. A <CF160>Folha do Povo ficara ao lado de Felício Laurito.

108 – A oposição defendia outro nome para prefeito, Armando de Arruda Pereira, diretor da Cerâmica São Caetano. Laurito tinha a seu lado muitos dos quadros do antigo PRP – leia-se Franco (do prefeito Saladino) e Flaquer (de Alfredo Flaquer e do saudoso senador).

109 – Uma das críticas lançadas contra Felício Laurito foi a compra de um automóvel Chevrolet, último tipo, por 4 contos de réis. O Código de Contabilidade Municipal determinava que todas as aquisições superiores a 2 contos de réis deveriam ser submetidas a concorrência pública. O prefeito justificou seu ato dizendo que, sendo fixo o preço do automóvel, não podia abrir concorrência “e que à Prefeitura só convinha automóvel marca Chevrolet”.

110 – Uma afronta, dizia-se. E as críticas podem ser sintetizadas numa quadrinha publicada pelo O São Bernardo: “Roda, roda Felício, porque em breve você roda duma vez; depois ficar-te-á a lembrança de um automóvel de joelho”.

Em 26 de novembro de...

1920 – Transfere residência para São Paulo a família de Benedicto Firmo de Lima, ex-funcionário da Câmara Municipal de São Bernardo.
- A Câmara Federal se manifesta contrária ao voto secreto. Já o Senado, pela Comissão de Justiça e Legislação, sustenta a ideia do voto secreto.
- O IV Centenário da descoberta do Estreito de Magalhães é comemorado pelo Centro Espanhol de São Paulo, com palestra do historiador Eugênio Egas: Fernão de Magalhães, Sua Vida e Viagens.
1955 – Pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu: Portuguesa 5, São Bento, de São Caetano, 1. O São Bento jogou com Arlindo, Pascoal e Lamparina; Maurinho, Savério e Diogo; Haroldo, Zé Carlos, Tantos, Dema e Varca.
1970 – O governador do Estado, Abreu Sodré, assina decreto dando o nome de Wallace Cockrane Simonsen ao I Ginásio Estadual de São Bernardo, que funcionava junto ao Grupo Escolar Maria Iracema Munhoz.

1920 – Transfere residência para São Paulo a família de Benedicto Firmo de Lima, ex-funcionário da Câmara Municipal de São Bernardo.
- A Câmara Federal se manifesta contrária ao voto secreto. Já o Senado, pela Comissão de Justiça e Legislação, sustenta a ideia do voto secreto.
- O IV Centenário da descoberta do Estreito de Magalhães é comemorado pelo Centro Espanhol de São Paulo, com palestra do historiador Eugênio Egas: Fernão de Magalhães, Sua Vida e Viagens.
1955 – Pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu: Portuguesa 5, São Bento, de São Caetano, 1. O São Bento jogou com Arlindo, Pascoal e Lamparina; Maurinho, Savério e Diogo; Haroldo, Zé Carlos, Tantos, Dema e Varca.
1970 – O governador do Estado, Abreu Sodré, assina decreto dando o nome de Wallace Cockrane Simonsen ao I Ginásio Estadual de São Bernardo, que funcionava junto ao Grupo Escolar Maria Iracema Munhoz.

Diário há meio século

Quinta-feira, 26 de novembro de 1970 – ano 13, edição 1394

Manchete – Presidente Medici falou da Arena (o partido oficial do regime militar) e foi ao Salão do Automóvel
Santo André – Filas da Loteria Esportiva atrapalham o comércio da Rua Coronel Oliveira Lima.
Queixas são contra uma casa lotérica localizada na Galeria Nova Oliveira Lima. Filas vão até o Largo da Estátua.
Comerciantes organizam um abaixo-assinado, com adesão de estabelecimentos como a Casa Helena, Casa Pérola, Gurilândia, Calçados Bata e Joalheiro Lucchi.
São Bernardo – Regina Serigato eleita rainha da Sociedade Amigos de Vila Pauliceia.

Município Paulista

- Hoje é o aniversário de Tremembé. Elevado a município em 26 de novembro de 1896, quando se separa de Taubaté.

Santos do Dia

- Silvestre Guzzolini. Abade (Itália, Osimo, 1177 – Ermo de Montefano, 1267)
- Bv. Tiago Alberione
- Humilde de Bisignano Charles-Martial Allemand Lavigerie
- Santos: Alípio, Basle, Belino, Domingos Doan Xuyen, Fausto, Dídio, Amônio, Filéias, Hesíquio, Pacômio, Teodoro e companheiros (660 pessoas martirizadas no Egito, em 311), Kurt (Conrado), Marcelo, Martinho de Arades, Nícon e Sirício.
- Beatos: Alberto de Haigerloch, Gualtério de Aulne, Pôncio de Faucigny, Tiago Benfatti e Vacz.

TÍTULOS. Leonardo de Porto Mauricio (Itália 1676-1751): Santo da Via Sacra, Santo da Imaculada Conceição, Salvador do Coliseu, Pregador da Paixão de Cristo

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;