Fechar
Publicidade

Domingo, 25 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

EUA/Kudlow: Não há razão para não termos um novo pacote fiscal, direcionado



24/09/2020 | 17:43


Diretor do Conselho Econômico da Casa Branca, Larry Kudlow afirmou nesta quinta-feira, 24, que pode haver um novo pacote de estímulos para a economia dos Estados Unidos, mas defendeu que seja aprovado algo "direcionado, a um custo menor". Durante entrevista à Fox Business, ele criticou a oposição democrata por almejar um "pacote gigante de US$ 3 trilhões" que, segundo ele, o governo não considera "necessário, nem valioso".

Kudlow disse que pode haver verba específica para, por exemplo, garantir a volta das crianças à escola, testes para covid-19, máscaras para conter a doença, além de mais estímulos a pequenas empresas.

Na entrevista, Kudlow ainda afirmou que Trump não aceitaria "de jeito nenhum" novas paralisações (shutdowns) da economia por causa da covid-19. "Não é necessário, estamos em muito melhor forma", argumentou, ao comparar a situação com o auge da pandemia no país.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

EUA/Kudlow: Não há razão para não termos um novo pacote fiscal, direcionado


24/09/2020 | 17:43


Diretor do Conselho Econômico da Casa Branca, Larry Kudlow afirmou nesta quinta-feira, 24, que pode haver um novo pacote de estímulos para a economia dos Estados Unidos, mas defendeu que seja aprovado algo "direcionado, a um custo menor". Durante entrevista à Fox Business, ele criticou a oposição democrata por almejar um "pacote gigante de US$ 3 trilhões" que, segundo ele, o governo não considera "necessário, nem valioso".

Kudlow disse que pode haver verba específica para, por exemplo, garantir a volta das crianças à escola, testes para covid-19, máscaras para conter a doença, além de mais estímulos a pequenas empresas.

Na entrevista, Kudlow ainda afirmou que Trump não aceitaria "de jeito nenhum" novas paralisações (shutdowns) da economia por causa da covid-19. "Não é necessário, estamos em muito melhor forma", argumentou, ao comparar a situação com o auge da pandemia no país.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;