Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Bolsonaro pede desbloqueio de insumos para cloroquina ao 1º ministro da Índia



04/04/2020 | 12:22


O presidente Jair Bolsonaro conversou, neste sábado, 4, com primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, e pediu o desbloqueio da exportação de insumos farmacêuticos para a produção da hidroxicloroquina, medicamento testado no combate ao novo coronavírus.

A Índia é produtora de insumos para medicamentos e havia paralisado a exportação. O governo brasileiro fez um apelo ao país para a liberação de ao menos 31,6 toneladas de ingredientes usados na fabricação de remédios pela indústria farmacêutica no Brasil.

"Brasil e Índia continuarão grandes parceiros pós-crise do coronavírus, e não mediremos esforços na luta para salvar vidas", disse Bolsonaro em uma publicação no Facebook, reforçando que a intenção é a produção da hidroxicloroquina. O medicamento, porém, não tem eficácia comprovada contra a doença.

Bolsonaro recebeu no Palácio da Alvorada o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, que também participou da conversa com o indiano. Pelo Twitter, Narendra Modi anunciou que conversou com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e falou em união entre os dois países para conbater a covid-19.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bolsonaro pede desbloqueio de insumos para cloroquina ao 1º ministro da Índia


04/04/2020 | 12:22


O presidente Jair Bolsonaro conversou, neste sábado, 4, com primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, e pediu o desbloqueio da exportação de insumos farmacêuticos para a produção da hidroxicloroquina, medicamento testado no combate ao novo coronavírus.

A Índia é produtora de insumos para medicamentos e havia paralisado a exportação. O governo brasileiro fez um apelo ao país para a liberação de ao menos 31,6 toneladas de ingredientes usados na fabricação de remédios pela indústria farmacêutica no Brasil.

"Brasil e Índia continuarão grandes parceiros pós-crise do coronavírus, e não mediremos esforços na luta para salvar vidas", disse Bolsonaro em uma publicação no Facebook, reforçando que a intenção é a produção da hidroxicloroquina. O medicamento, porém, não tem eficácia comprovada contra a doença.

Bolsonaro recebeu no Palácio da Alvorada o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, que também participou da conversa com o indiano. Pelo Twitter, Narendra Modi anunciou que conversou com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e falou em união entre os dois países para conbater a covid-19.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;