Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Bolsonaro promete zerar impostos de Zinco e vitamina "D" para combater Covid-19

Antônio Cruz/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Não há evidências da eficácia dessas substâncias na cura da doença



04/04/2020 | 11:51


O presidente Jair Bolsonaro prometeu zerar nos próximos dias os impostos federais para o zinco e a vitamina "D", produtos que estão sendo usados por portadores do novo coronavírus. Não há evidências, porém, da eficácia dessas substâncias na cura da covid-19.

O governo já decretou isenção tributária para a importação de hidroxicloroquina e azitromicina. Nos últimos dias, Bolsonaro tem reforçado a defesa pelo uso desses medicamentos no combate à disseminação do vírus no País. Sem, porém, evidências da eficácia na doença.

"Medicamentos (entre outros) que tiveram todos seus impostos zerados pelo Governo Federal: Hidroxicloroquina e Azitromicina. Outros que serão "zerados" nos próximos dias: Zinco e vitamina ''''''''D''''''''. Todos usados no tratamento de pacientes portadores da COVID-19", escreveu Bolsonaro.

No caso da vitamina, embora estudos tenham apontado os benefícios para doenças respiratórias, especialistas dizem que a eficácia foi notada em pacientes que tinham um déficit muito acentuado do nutriente. Além disso, suplementos devem ser tomados com prescrição de um médico ou nutricionista, de acordo com a autoridades. Há riscos para o uso da vitamina D em excesso.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bolsonaro promete zerar impostos de Zinco e vitamina "D" para combater Covid-19

Não há evidências da eficácia dessas substâncias na cura da doença


04/04/2020 | 11:51


O presidente Jair Bolsonaro prometeu zerar nos próximos dias os impostos federais para o zinco e a vitamina "D", produtos que estão sendo usados por portadores do novo coronavírus. Não há evidências, porém, da eficácia dessas substâncias na cura da covid-19.

O governo já decretou isenção tributária para a importação de hidroxicloroquina e azitromicina. Nos últimos dias, Bolsonaro tem reforçado a defesa pelo uso desses medicamentos no combate à disseminação do vírus no País. Sem, porém, evidências da eficácia na doença.

"Medicamentos (entre outros) que tiveram todos seus impostos zerados pelo Governo Federal: Hidroxicloroquina e Azitromicina. Outros que serão "zerados" nos próximos dias: Zinco e vitamina ''''''''D''''''''. Todos usados no tratamento de pacientes portadores da COVID-19", escreveu Bolsonaro.

No caso da vitamina, embora estudos tenham apontado os benefícios para doenças respiratórias, especialistas dizem que a eficácia foi notada em pacientes que tinham um déficit muito acentuado do nutriente. Além disso, suplementos devem ser tomados com prescrição de um médico ou nutricionista, de acordo com a autoridades. Há riscos para o uso da vitamina D em excesso.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;