Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Renato prevê times ofensivos e revela torcida pelo Fla se o Grêmio cair na semi



01/10/2019 | 19:38


O técnico Renato Gaúcho afirmou nesta terça-feira, em entrevista coletiva, que prevê dois times ofensivos em campo no duelo de ida entre Grêmio e Flamengo pela semifinal da Copa Libertadores, nesta quarta, às 21h30, na arena gremista. E o treinador garantiu que não vai mudar a forma de a sua equipe jogar pelo fato de ter pela frente um rival com atacantes como Bruno Henrique e Gabriel Barbosa, assim como a perigosa dupla de meias formada por Everton Ribeiro e De Arrascaeta.

"Acima de tudo, a virtude do Grêmio é acima de tudo o fato de ser um time comprometido com a vitória", destacou o comandante, que depois completou: "Se os gols vão sair eu não sei, mas sei que as oportunidades vão aparecer. São duas equipes que têm os seus cuidados defensivos, mas que buscam o gol. E cabe aos jogadores aproveitarem as oportunidades. São as duas equipes do futebol brasileiro que buscam o gol o tempo todo e tem tudo para ter uma belíssima partida".

E Renato chamou a atenção pelo fato de ter dito que considera o Flamengo favorito a avançar à final e ainda ao revelar que torcerá pelo adversário na decisão se o Grêmio for eliminado nas semifinais. O clássico entre Boca Juniors e River Plate, cujo duelo de ida do mata-mata será nesta terça-feira, no Monumental de Núñez, definirá o outro finalista do torneio.

"O Flamengo tem a característica de um time com jogadores difíceis de serem marcados, jogadores de seleção brasileira, mas nós também temos. O Flamengo gastou e montou um grupo para ganhar, mas se você me perguntar: 'O Flamengo vai passar?' Aí é outra história. O Flamengo é o favorito, mas isso não o credencia para ir à final", ressaltou.

Já ao explicar os motivos para apontar o Flamengo como favorito na semifinal, o treinador exaltou o grande investimento feito pelo clube carioca, que, para ele, "montou uma seleção". "O Flamengo é favorito justamente por isso. Se tem para gastar, tem mais é que gastar. E formaram um grupo forte. Lógico que a obrigação de ganhar é do Flamengo, por tudo isso. Eu tenho que treinar meu time. Por isso dou méritos para meu clube... O Grêmio hoje tem jogadores jovens a nível de seleção que podem ser vendidos a qualquer momento por 30, 40, 50 milhões de euros. O Flamengo é favorito por causa disso", disse Renato, para depois exaltar o peso de Jorge Jesus para o sucesso atual dos flamenguistas.

"Tem um grande elenco, mas muitas vezes não chegaria na semi. Por isso destaco o trabalho de Jesus. Chegou pela competência. Às vezes você põe um treinador que não tem a competência e o time não chega mesmo com o elenco todo (forte)", completou.

SEM POLÊMICA - Renato ainda evitou apimentar a polêmica criada pelas suas declarações e pelas de Jesus, que no fim de agosto, após o seu time eliminar o Internacional nas quartas de final da Libertadores, defendeu que a sua equipe é a que joga o futebol mais bonito de ser visto no Brasil atualmente. O treinador gremista, porém, apontou que considera o seu clube como o dono deste status, apesar do fato de os rubro-negros estarem há um bom tempo na liderança do Brasileirão.

"Embate normal, ninguém está menosprezando ninguém, tenho maior respeito pelo Jesus. A única coisa que falei que está fazendo um trabalho de quatro meses, tem um grande elenco, caríssimo. Um excelente trabalho, mas o Flamengo não ganhou nada até então. Pode comparar Renato com Jesus, mas o Grêmio está ganhando há três anos", ponderou o treinador, se referindo ao fato de que nesta sua passagem à frente do time gaúcho conquistou os título da Libertadores, em 2017, da Copa do Brasil, em 2016, e os de duas edições do Campeonato Gaúcho, em 2018 e 2019, além de ainda erguer um troféu da Recopa Sul-Americana no ano passado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Renato prevê times ofensivos e revela torcida pelo Fla se o Grêmio cair na semi


01/10/2019 | 19:38


O técnico Renato Gaúcho afirmou nesta terça-feira, em entrevista coletiva, que prevê dois times ofensivos em campo no duelo de ida entre Grêmio e Flamengo pela semifinal da Copa Libertadores, nesta quarta, às 21h30, na arena gremista. E o treinador garantiu que não vai mudar a forma de a sua equipe jogar pelo fato de ter pela frente um rival com atacantes como Bruno Henrique e Gabriel Barbosa, assim como a perigosa dupla de meias formada por Everton Ribeiro e De Arrascaeta.

"Acima de tudo, a virtude do Grêmio é acima de tudo o fato de ser um time comprometido com a vitória", destacou o comandante, que depois completou: "Se os gols vão sair eu não sei, mas sei que as oportunidades vão aparecer. São duas equipes que têm os seus cuidados defensivos, mas que buscam o gol. E cabe aos jogadores aproveitarem as oportunidades. São as duas equipes do futebol brasileiro que buscam o gol o tempo todo e tem tudo para ter uma belíssima partida".

E Renato chamou a atenção pelo fato de ter dito que considera o Flamengo favorito a avançar à final e ainda ao revelar que torcerá pelo adversário na decisão se o Grêmio for eliminado nas semifinais. O clássico entre Boca Juniors e River Plate, cujo duelo de ida do mata-mata será nesta terça-feira, no Monumental de Núñez, definirá o outro finalista do torneio.

"O Flamengo tem a característica de um time com jogadores difíceis de serem marcados, jogadores de seleção brasileira, mas nós também temos. O Flamengo gastou e montou um grupo para ganhar, mas se você me perguntar: 'O Flamengo vai passar?' Aí é outra história. O Flamengo é o favorito, mas isso não o credencia para ir à final", ressaltou.

Já ao explicar os motivos para apontar o Flamengo como favorito na semifinal, o treinador exaltou o grande investimento feito pelo clube carioca, que, para ele, "montou uma seleção". "O Flamengo é favorito justamente por isso. Se tem para gastar, tem mais é que gastar. E formaram um grupo forte. Lógico que a obrigação de ganhar é do Flamengo, por tudo isso. Eu tenho que treinar meu time. Por isso dou méritos para meu clube... O Grêmio hoje tem jogadores jovens a nível de seleção que podem ser vendidos a qualquer momento por 30, 40, 50 milhões de euros. O Flamengo é favorito por causa disso", disse Renato, para depois exaltar o peso de Jorge Jesus para o sucesso atual dos flamenguistas.

"Tem um grande elenco, mas muitas vezes não chegaria na semi. Por isso destaco o trabalho de Jesus. Chegou pela competência. Às vezes você põe um treinador que não tem a competência e o time não chega mesmo com o elenco todo (forte)", completou.

SEM POLÊMICA - Renato ainda evitou apimentar a polêmica criada pelas suas declarações e pelas de Jesus, que no fim de agosto, após o seu time eliminar o Internacional nas quartas de final da Libertadores, defendeu que a sua equipe é a que joga o futebol mais bonito de ser visto no Brasil atualmente. O treinador gremista, porém, apontou que considera o seu clube como o dono deste status, apesar do fato de os rubro-negros estarem há um bom tempo na liderança do Brasileirão.

"Embate normal, ninguém está menosprezando ninguém, tenho maior respeito pelo Jesus. A única coisa que falei que está fazendo um trabalho de quatro meses, tem um grande elenco, caríssimo. Um excelente trabalho, mas o Flamengo não ganhou nada até então. Pode comparar Renato com Jesus, mas o Grêmio está ganhando há três anos", ponderou o treinador, se referindo ao fato de que nesta sua passagem à frente do time gaúcho conquistou os título da Libertadores, em 2017, da Copa do Brasil, em 2016, e os de duas edições do Campeonato Gaúcho, em 2018 e 2019, além de ainda erguer um troféu da Recopa Sul-Americana no ano passado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;