Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santo André visita o Juventus com a mão na vaga à terceira fase

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ramalhão pode ser derrotado por até um gol que ainda assim supera o desempenho obtido na temporada 2018


Anderson Fattori

21/09/2019 | 07:00


O Santo André chega à última rodada da segunda fase da Copa Paulista em condição muito mais favorável do que se imaginava no início da disputa. Líder do Grupo 7, com oito pontos, o time desafia o Juventus, lanterna, com cinco, às 15h, na Rua Javari, podendo perder por um gol de diferença que ainda assim se classifica. O outro jogo do grupo, também hoje, às 15h, é entre Comercial, vice-líder, com oito, e Inter de Limeira, com seis.

Diferentemente do ano passado, quando parou na segunda fase, desta vez o Santo André tem tudo para ir mais longe. O time do técnico José Carlos Palhavam vem tendo atuações consistentes, principalmente defensivamente e sofreu só dois gols nesta fase. É justamente da defesa que a equipe precisa para avançar.

Para essa partida, Palhavam não terá o meia Alex Nagib, em compensação conta com retorno de Matheus Santiago, que cumpriu suspensão. O treinador, no entanto, não definiu se mantém o time com três atacantes ou opta por Gabriel Santana no meio para fortalecer o sistema defensivo neste jogo.

Independentemente de quem joga, Palhavam projeta partida complicada hoje. “Jogos têm sido difíceis. Vai ser uma guerra na Javari, com certeza. Aquele que tiver mais tranquilidade, mais preparo emocional vai conseguir o resultado. Quem classificar vai ter mérito, porque são times qualificados. Tivemos pouco tempo para nos preparar, mas isso é para todo mundo, não dá para reclamar”, avaliou.

O treinador lamentou não ter conquistado a vaga antecipada na última rodada, quando empatou por 0 a 0 com o Comercial, em casa, mas ressaltou o fato de não ficar na expectativa de outros resultados. “Classificação está nas nossas mãos, mas os adversários também só dependem deles. Temos de fazer um grande jogo para conseguir a classificação”, finalizou Palhavam.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Santo André visita o Juventus com a mão na vaga à terceira fase

Ramalhão pode ser derrotado por até um gol que ainda assim supera o desempenho obtido na temporada 2018

Anderson Fattori

21/09/2019 | 07:00


O Santo André chega à última rodada da segunda fase da Copa Paulista em condição muito mais favorável do que se imaginava no início da disputa. Líder do Grupo 7, com oito pontos, o time desafia o Juventus, lanterna, com cinco, às 15h, na Rua Javari, podendo perder por um gol de diferença que ainda assim se classifica. O outro jogo do grupo, também hoje, às 15h, é entre Comercial, vice-líder, com oito, e Inter de Limeira, com seis.

Diferentemente do ano passado, quando parou na segunda fase, desta vez o Santo André tem tudo para ir mais longe. O time do técnico José Carlos Palhavam vem tendo atuações consistentes, principalmente defensivamente e sofreu só dois gols nesta fase. É justamente da defesa que a equipe precisa para avançar.

Para essa partida, Palhavam não terá o meia Alex Nagib, em compensação conta com retorno de Matheus Santiago, que cumpriu suspensão. O treinador, no entanto, não definiu se mantém o time com três atacantes ou opta por Gabriel Santana no meio para fortalecer o sistema defensivo neste jogo.

Independentemente de quem joga, Palhavam projeta partida complicada hoje. “Jogos têm sido difíceis. Vai ser uma guerra na Javari, com certeza. Aquele que tiver mais tranquilidade, mais preparo emocional vai conseguir o resultado. Quem classificar vai ter mérito, porque são times qualificados. Tivemos pouco tempo para nos preparar, mas isso é para todo mundo, não dá para reclamar”, avaliou.

O treinador lamentou não ter conquistado a vaga antecipada na última rodada, quando empatou por 0 a 0 com o Comercial, em casa, mas ressaltou o fato de não ficar na expectativa de outros resultados. “Classificação está nas nossas mãos, mas os adversários também só dependem deles. Temos de fazer um grande jogo para conseguir a classificação”, finalizou Palhavam.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;