Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Marinho é apontado como interlocutor de Lewandowski

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

27/08/2019 | 06:37


Ex-prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT) foi citado em depoimento de Marcelo Odebrecht, do grupo Odebrecht, como possível interlocutor do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski em ação que a PF (Polícia Federal) tem tratado suspeita de obstrução de Justiça.

Segundo o site Migalhas, que veiculou diálogo de Odebrecht com a PF, o empreiteiro questiona um diretor da empresa se haveria possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) “acionar” ministro do STF. Neste momento, Odebrecht diz que “a informação que a gente tinha é que quem era o interlocutor do Lewandowski não era Lula diretamente, era o Luiz Marinho”. Porém, o presidente da empreiteira diz não saber se há ilicitude nesse fato.

“O senhor sabe se houve sucesso nisso aqui? Ou se houve ilicitude?”, questiona a PF. “Não... Não fui eu quem tratou”, responde.

O depoimento de Marcelo Odebrecht desencadeou a 64ª fase da Operação Lava Jato, denominada Pentiti, cujos principais alvos eram o empresário André Esteves, do banco BTG Pactual, e a ex-presidente da Petrobras Graça Foster, que atuou à frente da estatal entre 2012 e 2015. Os pedidos de busca e apreensão foram emitidos pela juíza Gabriela Hardt.

Em 2016, no dia 6 de março, a PF interceptou conversa de Marinho com o advogado Roberto Teixeira, compadre e defensor do ex-presidente Lula. Na conversa, Marinho expõe preocupação com a possibilidade de outra ação policial naquela data e citou Lewandowski.

Procurado pelo Diário, Luiz Marinho não se pronunciou sobre o caso. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Marinho é apontado como interlocutor de Lewandowski

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

27/08/2019 | 06:37


Ex-prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT) foi citado em depoimento de Marcelo Odebrecht, do grupo Odebrecht, como possível interlocutor do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski em ação que a PF (Polícia Federal) tem tratado suspeita de obstrução de Justiça.

Segundo o site Migalhas, que veiculou diálogo de Odebrecht com a PF, o empreiteiro questiona um diretor da empresa se haveria possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) “acionar” ministro do STF. Neste momento, Odebrecht diz que “a informação que a gente tinha é que quem era o interlocutor do Lewandowski não era Lula diretamente, era o Luiz Marinho”. Porém, o presidente da empreiteira diz não saber se há ilicitude nesse fato.

“O senhor sabe se houve sucesso nisso aqui? Ou se houve ilicitude?”, questiona a PF. “Não... Não fui eu quem tratou”, responde.

O depoimento de Marcelo Odebrecht desencadeou a 64ª fase da Operação Lava Jato, denominada Pentiti, cujos principais alvos eram o empresário André Esteves, do banco BTG Pactual, e a ex-presidente da Petrobras Graça Foster, que atuou à frente da estatal entre 2012 e 2015. Os pedidos de busca e apreensão foram emitidos pela juíza Gabriela Hardt.

Em 2016, no dia 6 de março, a PF interceptou conversa de Marinho com o advogado Roberto Teixeira, compadre e defensor do ex-presidente Lula. Na conversa, Marinho expõe preocupação com a possibilidade de outra ação policial naquela data e citou Lewandowski.

Procurado pelo Diário, Luiz Marinho não se pronunciou sobre o caso. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;