Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 19 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Após suspensão, Gonzalo Carneiro solicita contraprova do exame antidoping



25/04/2019 | 21:59


Gonzalo Carneiro solicitou a avaliação da contraprova de seu exame antidoping que deu positivo. O atacante uruguaio do São Paulo foi suspenso preventivamente por ter dado positivo em teste feito após o jogo contra o Palmeiras, no Pacaembu, na primeira fase do Campeonato Paulista, em 16 de março. A suspeita é de que o uruguaio tenha feito uso de cocaína.

A contraprova é realizada com uma amostra colhida no mesmo dia do primeiro exame. Se esse teste confirmar o primeiro resultado, Carneiro será encaminhado a julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem. Se for comprovado o doping, a punição deve ser rigorosa. O atacante Diogo Vítor, do Santos, foi suspenso por dois anos em situação semelhante, em 2018.

O empresário do jogador, Pablo Bentacur, afirmou que o jogador cometeu um erro, mas não sabia o que estava consumindo. De acordo com o empresário, o jogador estaria com depressão.

"O garoto cometeu um erro. A depressão é um assunto complicado. Não sabia o que ele consumia. Pensava que era um cigarro", afirmou Bentacur à rádio Sport 890, do Uruguai.

Suspenso, Carneiro não tem treinado. O São Paulo afirmou que vai se manifestar quando receber uma notificação oficial. "É um tema delicado que a gente não pode hoje fazer qualquer julgamento sem antes saber o que aconteceu. Eu já estava sabendo na semana passada antes do jogador. Eu tenho filhos, ele tem 23 anos e ele está aqui em São Paulo no primeiro grande clube dele", afirmou o técnico Cuca.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Após suspensão, Gonzalo Carneiro solicita contraprova do exame antidoping


25/04/2019 | 21:59


Gonzalo Carneiro solicitou a avaliação da contraprova de seu exame antidoping que deu positivo. O atacante uruguaio do São Paulo foi suspenso preventivamente por ter dado positivo em teste feito após o jogo contra o Palmeiras, no Pacaembu, na primeira fase do Campeonato Paulista, em 16 de março. A suspeita é de que o uruguaio tenha feito uso de cocaína.

A contraprova é realizada com uma amostra colhida no mesmo dia do primeiro exame. Se esse teste confirmar o primeiro resultado, Carneiro será encaminhado a julgamento no Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem. Se for comprovado o doping, a punição deve ser rigorosa. O atacante Diogo Vítor, do Santos, foi suspenso por dois anos em situação semelhante, em 2018.

O empresário do jogador, Pablo Bentacur, afirmou que o jogador cometeu um erro, mas não sabia o que estava consumindo. De acordo com o empresário, o jogador estaria com depressão.

"O garoto cometeu um erro. A depressão é um assunto complicado. Não sabia o que ele consumia. Pensava que era um cigarro", afirmou Bentacur à rádio Sport 890, do Uruguai.

Suspenso, Carneiro não tem treinado. O São Paulo afirmou que vai se manifestar quando receber uma notificação oficial. "É um tema delicado que a gente não pode hoje fazer qualquer julgamento sem antes saber o que aconteceu. Eu já estava sabendo na semana passada antes do jogador. Eu tenho filhos, ele tem 23 anos e ele está aqui em São Paulo no primeiro grande clube dele", afirmou o técnico Cuca.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;