Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Tiro de Guerra ajuda mutirão de combate à dengue em S.Caetano

Divulgação/PMSCS Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ação será realizada sábado, nos bairros São José e Jd. São Caetano


da Redação

17/07/2018 | 07:00


Antes que o calor retorne, favorecendo a proliferação de mosquitos, a Prefeitura de São Caetano já realiza ações de combate à dengue. No próximo sábado, o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) do município promove mutirão de eliminação de possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus. O mutirão ocorre nos bairros São José e Jardim São Caetano, a partir das 9h, e contará com a colaboração voluntária de cerca de 50 integrantes do Tiro de Guerra (TG 02-069).

Os agentes do CCZ, acompanhados dos voluntários do Tiro de Guerra, todos devidamente identificados, solicitarão aos moradores permissão para inspecionar áreas externas da casa, à procura de focos do mosquito, e darão orientações sobre as medidas de prevenção à dengue. 

A participação dos jovens do Tiro de Guerra trará mais segurança e tranquilidade aos moradores, que muitas vezes ficam temerosos em abrir suas casas à inspeção dos agentes de controle.

A realização do mutirão numa manhã de sábado também visa a alcançar o maior número possível de residências, pois muitas casas são encontradas fechadas entre segunda e sexta-feiras, dificultando o trabalho dos agentes. Segundo o médico veterinário Fábio Agostini Bertola, coordenador do CCZ, a experiência dessa parceria poderá ser replicada em outros bairros, conforme a disponibilidade dos voluntários.

No entanto, ele ressalta que o combate à dengue em São Caetano só será efetivo com o engajamento dos moradores. “Este é o momento de prevenir. A população tem que ser protagonista junto com o poder público no combate aos criadouros do mosquito”, diz. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Tiro de Guerra ajuda mutirão de combate à dengue em S.Caetano

Ação será realizada sábado, nos bairros São José e Jd. São Caetano

da Redação

17/07/2018 | 07:00


Antes que o calor retorne, favorecendo a proliferação de mosquitos, a Prefeitura de São Caetano já realiza ações de combate à dengue. No próximo sábado, o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) do município promove mutirão de eliminação de possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor do vírus. O mutirão ocorre nos bairros São José e Jardim São Caetano, a partir das 9h, e contará com a colaboração voluntária de cerca de 50 integrantes do Tiro de Guerra (TG 02-069).

Os agentes do CCZ, acompanhados dos voluntários do Tiro de Guerra, todos devidamente identificados, solicitarão aos moradores permissão para inspecionar áreas externas da casa, à procura de focos do mosquito, e darão orientações sobre as medidas de prevenção à dengue. 

A participação dos jovens do Tiro de Guerra trará mais segurança e tranquilidade aos moradores, que muitas vezes ficam temerosos em abrir suas casas à inspeção dos agentes de controle.

A realização do mutirão numa manhã de sábado também visa a alcançar o maior número possível de residências, pois muitas casas são encontradas fechadas entre segunda e sexta-feiras, dificultando o trabalho dos agentes. Segundo o médico veterinário Fábio Agostini Bertola, coordenador do CCZ, a experiência dessa parceria poderá ser replicada em outros bairros, conforme a disponibilidade dos voluntários.

No entanto, ele ressalta que o combate à dengue em São Caetano só será efetivo com o engajamento dos moradores. “Este é o momento de prevenir. A população tem que ser protagonista junto com o poder público no combate aos criadouros do mosquito”, diz. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;