Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 26 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com golaço de Dembélé, França bate fácil a Itália e ganha moral para a Copa

Reprodução / Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


01/06/2018 | 17:58


A seleção francesa recebeu a Itália nesta sexta-feira, em Nice, e venceu com extrema facilidade. O placar de 3 a 1, em mais um amistoso preparatório para a Copa do Mundo, não representa o tamanho da superioridade exercida pelos donos da casa, que contaram com um golaço de Dembélé para levar a melhor.

Apontada como uma das seleções mais talentosas da Copa, mas também criticada pela falta de um conjunto, a França teve uma atuação quase impecável nesta sexta. Com muita velocidade pelos lados do campo, sufocou o adversário no campo de defesa e poderia até ter marcado mais gols.

O início de jogo francês já foi fulminante, e os anfitriões demoraram apenas sete minutos para abrir o placar. Pavard cruzou da direita, Mbappé finalizou à queima-roupa e Sirigu fez grande defesa. Mas Umtiti aproveitou a sobra para marcar. Aos 19, Kanté arriscou de fora da área, firme, e acertou a trave direita do goleiro.

A pressão francesa seguiu com as chances de Mbappé, aos 20 e aos 25 minutos, mas o jovem atacante errou a finalização em ambas. Aos 27, porém, Lucas Hernández invadiu a área pela esquerda, foi levemente tocado por Mandragora e desabou. O árbitro marcou pênalti, o auxiliar de vídeo confirmou e Griezmann cobrou para ampliar.

Sete minutos depois, nova polêmica com a arbitragem. Balotelli cortou a marcação e armou o chute, quando foi tocado dentro da área. O juiz marcou falta e o auxiliar de vídeo não corrigiu. Mas na cobrança do mesmo Balotelli, Lloris falhou feio e soltou no pé de Bonucci, que diminuiu.

Nem o gol italiano mudou a postura francesa para o segundo tempo. Com apenas um minuto, Dembélé arrancou do próprio campo, ganhou na velocidade de Jorginho, deixou o brasileiro e Chiesa para trás com um lindo corte e finalizou firme, no travessão. Tolisso, pouco depois, também desperdiçou boa chance.

Mas o segundo tempo era mesmo de Dembélé, que selaria o placar com um golaço aos 17 minutos. Mbappé arrancou pelo meio e foi desarmado, mas o atacante do Barcelona aproveitou a sobra e bateu de primeira por cobertura, cruzado, sem dar chances para o goleiro.

A Itália, então, se lançou para o ataque na tentativa de diminuir o prejuízo e viu Cristante perder boa chance, aos 24. Mas o último grande momento foi da França. Aos 39, Mendy foi lançado pela esquerda e cruzou no pé de Thauvin, que bateu com estilo. Sirigu fez grande defesa e impediu a goleada.

Antes de embarcar para a Rússia, a França encara os Estados Unidos em amistoso no dia 9 de junho, em Lyon. A equipe está no Grupo C da Copa, ao lado de Peru, Dinamarca e Austrália, adversária da estreia dia 16, em Kazan. Fora do Mundial, a Itália faz amistoso com a Holanda na próxima segunda-feira, em Turim.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com golaço de Dembélé, França bate fácil a Itália e ganha moral para a Copa


01/06/2018 | 17:58


A seleção francesa recebeu a Itália nesta sexta-feira, em Nice, e venceu com extrema facilidade. O placar de 3 a 1, em mais um amistoso preparatório para a Copa do Mundo, não representa o tamanho da superioridade exercida pelos donos da casa, que contaram com um golaço de Dembélé para levar a melhor.

Apontada como uma das seleções mais talentosas da Copa, mas também criticada pela falta de um conjunto, a França teve uma atuação quase impecável nesta sexta. Com muita velocidade pelos lados do campo, sufocou o adversário no campo de defesa e poderia até ter marcado mais gols.

O início de jogo francês já foi fulminante, e os anfitriões demoraram apenas sete minutos para abrir o placar. Pavard cruzou da direita, Mbappé finalizou à queima-roupa e Sirigu fez grande defesa. Mas Umtiti aproveitou a sobra para marcar. Aos 19, Kanté arriscou de fora da área, firme, e acertou a trave direita do goleiro.

A pressão francesa seguiu com as chances de Mbappé, aos 20 e aos 25 minutos, mas o jovem atacante errou a finalização em ambas. Aos 27, porém, Lucas Hernández invadiu a área pela esquerda, foi levemente tocado por Mandragora e desabou. O árbitro marcou pênalti, o auxiliar de vídeo confirmou e Griezmann cobrou para ampliar.

Sete minutos depois, nova polêmica com a arbitragem. Balotelli cortou a marcação e armou o chute, quando foi tocado dentro da área. O juiz marcou falta e o auxiliar de vídeo não corrigiu. Mas na cobrança do mesmo Balotelli, Lloris falhou feio e soltou no pé de Bonucci, que diminuiu.

Nem o gol italiano mudou a postura francesa para o segundo tempo. Com apenas um minuto, Dembélé arrancou do próprio campo, ganhou na velocidade de Jorginho, deixou o brasileiro e Chiesa para trás com um lindo corte e finalizou firme, no travessão. Tolisso, pouco depois, também desperdiçou boa chance.

Mas o segundo tempo era mesmo de Dembélé, que selaria o placar com um golaço aos 17 minutos. Mbappé arrancou pelo meio e foi desarmado, mas o atacante do Barcelona aproveitou a sobra e bateu de primeira por cobertura, cruzado, sem dar chances para o goleiro.

A Itália, então, se lançou para o ataque na tentativa de diminuir o prejuízo e viu Cristante perder boa chance, aos 24. Mas o último grande momento foi da França. Aos 39, Mendy foi lançado pela esquerda e cruzou no pé de Thauvin, que bateu com estilo. Sirigu fez grande defesa e impediu a goleada.

Antes de embarcar para a Rússia, a França encara os Estados Unidos em amistoso no dia 9 de junho, em Lyon. A equipe está no Grupo C da Copa, ao lado de Peru, Dinamarca e Austrália, adversária da estreia dia 16, em Kazan. Fora do Mundial, a Itália faz amistoso com a Holanda na próxima segunda-feira, em Turim.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;