Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Maranhão terá menos aliados do que Kiko

Prefeito de Rio Grande não conseguirá transferir todos os seus apoiadores ao sucessor


Cynthia Tavares
do Diário do Grande ABC

07/04/2012 | 07:13


O prefeito de Rio Grande da Serra, Adler Kiko Teixeira (PSDB), admite que não conseguirá transferir toda a base de apoio ao seu governo ao arco de aliados à pré-candidatura de Gabriel Maranhão (PSDB), seu escolhido para a sucessão.

O chefe do Executivo é o principal articulador da pré-campanha do ex-secretário de Obras. A expectativa é a de que 16 legendas estejam no grupo de Maranhão. "Temos uma situação diferente porque tivemos um número bastante elevado de apoio na outra eleição. Eram 23 partidos", lembrou.

Segundo Kiko, a queda no número de aliados ocorre porque diretórios municipais foram extintos da política municipal. "Outros partidos deixaram de existir em Rio Grande e não tem mais direção. Um ou dois deixaram (o grupo), mas são pequenos, não têm candidato a vereador. Não estão mais conosco", afirmou o tucano.

O PMDB é um dos partidos que saiu do grupo para tentar projeto próprio. Valmir Copina (PMDB) garante sua pré-candidatura ao Paço. O peemedebista tem apoio incondicional da deputada estadual Vanessa Damo (PMDB-Mauá), que não mantém boa relação com Kiko. "A gente conversou com ele lá atrás, mas pelo que parece, ele quer ser candidato mesmo. Então deixa ele seguir seu caminho."

Nos bastidores, especula-se que o PT já teria se colocado à disposição para contribuir na campanha de Copina. Na avaliação dos petistas, a candidatura peemedebista enfraquece Maranhão e, consequentemente, ajuda Claudinho da Geladeira, o nome do PT para a disputa.

O prefeito destacou que este é o momento para realizar as conversas de alianças, pois a campanha eleitoral só terá início no dia 7 de julho.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;