Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 23 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Vázquez pede a uruguaios que participem de projeto para o país


Da AFP

01/05/2005 | 22:10


O presidente do Uruguai, o esquerdista Tabaré Vázquez, convocou neste domingo seus compatriotas a participarem da elaboração de um projeto de país produtivo que gere trabalho, reafirmando o compromisso de seu governo nesta tarefa.

Falando em rede nacional de rádio e televisão no Dia dos Trabalhadores, o presidente promoveu o início, na terça-feira, das negociações do Conselho de Salários, entre trabalhadores, empregadores e governo, uma forma de relacionamento que caiu em desuso no Uruguai há mais de uma década.

Vázquez classificou o trabalho como "uma questão ética, uma atividade de dignidade, responsabilidade e solidariedade perante a vida". "Este é um valor social que inspira confiança, alimenta a auto-estima, o respeito e a coesão necessária para o crescimento individual e a prosperidade coletiva", declarou o presidente.

Na tarde de hoje, Vázquez participou ao lado de seus ministros de um ato convocado pela central sindical única dos trabalhadores (PIT-CNT), tornando-se assim o primeiro presidente uruguaio a assistir à tradicional comemoração do Dia dos Trabalhadores.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vázquez pede a uruguaios que participem de projeto para o país

Da AFP

01/05/2005 | 22:10


O presidente do Uruguai, o esquerdista Tabaré Vázquez, convocou neste domingo seus compatriotas a participarem da elaboração de um projeto de país produtivo que gere trabalho, reafirmando o compromisso de seu governo nesta tarefa.

Falando em rede nacional de rádio e televisão no Dia dos Trabalhadores, o presidente promoveu o início, na terça-feira, das negociações do Conselho de Salários, entre trabalhadores, empregadores e governo, uma forma de relacionamento que caiu em desuso no Uruguai há mais de uma década.

Vázquez classificou o trabalho como "uma questão ética, uma atividade de dignidade, responsabilidade e solidariedade perante a vida". "Este é um valor social que inspira confiança, alimenta a auto-estima, o respeito e a coesão necessária para o crescimento individual e a prosperidade coletiva", declarou o presidente.

Na tarde de hoje, Vázquez participou ao lado de seus ministros de um ato convocado pela central sindical única dos trabalhadores (PIT-CNT), tornando-se assim o primeiro presidente uruguaio a assistir à tradicional comemoração do Dia dos Trabalhadores.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;