Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Ex-gala da TV Tupi sofre com esclerose


Do Diário do Grande ABC

22/05/1999 | 12:39


O ator Fausto Rocha Júnior completou 56 anos esta semana, no pior momento de sua existência. Com uma doença conhecida por esclerose lateral amiotrófica (ELA), já nao consegue administrar a própria vida. Esquecido pelos amigos, conta apenas com a atual mulher, Dircéia Cordeiro, 48 anos, com quem vive no município de Barra Velha, litoral norte de Santa Catarina, a 130 quilômetros de Florianópolis. Perdeu a mobilidade das pernas e braços e fala com dificuldade. Já nao tem mais o glamour dos tempos em que atuava em telenovelas, era capa de revista, participava de festas de arromba no eixo Rio-Sao Paulo e vivia acompanhado de belas mulheres.

Rocha nasceu em Joinville no dia 19 de maio de 1943, e começou sua carreira profissional como operador de estúdio numa rádio local aos 12 anos. Levado para Sao Paulo pelo cantor Agnaldo Rayol, apresentou-se com o conjunto catarinense Os Dinâmicos no programa Dia D, comandado por Cidinha Campos, na TV Record. Acabou convidado para fazer parte do elenco de A Gordinha, novela da TV Tupi, com Nicete Bruno.

O sucesso veio rápido. Em Meu Pé de Laranja Lima, em 71, fez par romântico com Bete Mendes, e consolidou-se como ator e gala. Foram 17 novelas no decorrer de sua carreira. Com destaque para as quatro que fez na Globo: Super Manoela (74) com Marília Pêra, em que interpretava um nordestino que chegava a Sao Paulo; Corrida do Ouro (75), com José Wilker, Sandra Bréa, Aracy Balabanian e Walmor Chagas; Senhora (76), de Gilberto Braga, com Cláudio Marzo e Osmar Prado; e Te Contei (79), de Cassiano Gabus Mendes, estrelada por Luiz Gustavo e Maria Cláudia.

O auge nas novelas surgiu com Os Imigrantes, na rede Bandeirantes. Atuando ao lado de Paulo Autran, Rocha despertou a cobiça da Globo e também da TVS, hoje SBT. Apesar do sucesso na televisao, o que Fausto mais gostava de fazer era teatro. Atuou em Oh, Calcutá! , peça que ficou em cartaz por cinco anos e com a qual viajou por todo país. Já no final da carreira fez o monólogo "Lá".

Hoje, o sucesso é apenas uma fraca lembrança para o ator que conheceu o doce da glória e o amargo do esquecimento. Sao raros os amigos que aparecem para saber como está sua saúde. Com dificuldades financeiras, o ator teve que se desfazer de patrimônios adquiridos durante a carreira. Para comprar o remédio que garante a sua sobrevivência, vendeu uma casa em Barra Velha e um automóvel. O forte medicamento Rilutek 50 mg custa R$ 1.157,00. Muito dinheiro para quem nao tem mais nenhuma renda fixa. Depois que descobriu a doença, Rocha afastou-se do cargo de secretário de Turismo, que mantinha em Barra Velha.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;