Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Trump e presidente chinês falam por telefone e demonstram "respeito mútuo"



14/11/2016 | 05:42


O presidente eleito dos EUA, Donald Trump, falou por telefone com o presidente da China, Xi Jinping, na noite de ontem, numa conversa em que os líderes estabeleceram uma "clara percepção de respeito mútuo", segundo o escritório do republicano.

A ligação foi confirmada em comunicado do escritório de Trump nesta segunda-feira.

Já de acordo com a emissora estatal chinesa CCTV, Xi também afirmou durante a conversa que a cooperação é a "única escolha correta" para os dois países e que esforços desse gênero no passado trouxeram benefícios para ambas as nações.

"Como o maior país em desenvolvimento e o maior país desenvolvido, e como as duas maiores economia do mundo, China e EUA devem cooperar e são muitas as questões que exigem cooperação", disse o presidente chinês, segundo a emissora.

Durante a campanha eleitoral, Trump acusou a China de manipular sua taxa de câmbio e propôs impor tarifas de 45% sobre produtos chineses. O republicano também ameaçou retirar os EUA do acordo que visa frear o aquecimento global, que o atual presidente americano, Barack Obama, ajudou a promover ao lado de Xi, em Paris, no ano passado.

Ainda no comunicado, o escritório de Trump disse que o republicano espera que ele e o presidente chinês tenham "um dos relacionamentos mais fortes para ambos os países de agora em diante".

Em entrevista concedida ao The Wall Street Journal após sua eleição, na semana passada, Trump comentou que havia recebido manifestações da maioria dos líderes, mas que ainda não havia falado com Xi. Segundo a mídia estatal chinesa, porém, Xi parabenizou Trump por meio de telegrama logo após a eleição do republicano. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Trump e presidente chinês falam por telefone e demonstram "respeito mútuo"


14/11/2016 | 05:42


O presidente eleito dos EUA, Donald Trump, falou por telefone com o presidente da China, Xi Jinping, na noite de ontem, numa conversa em que os líderes estabeleceram uma "clara percepção de respeito mútuo", segundo o escritório do republicano.

A ligação foi confirmada em comunicado do escritório de Trump nesta segunda-feira.

Já de acordo com a emissora estatal chinesa CCTV, Xi também afirmou durante a conversa que a cooperação é a "única escolha correta" para os dois países e que esforços desse gênero no passado trouxeram benefícios para ambas as nações.

"Como o maior país em desenvolvimento e o maior país desenvolvido, e como as duas maiores economia do mundo, China e EUA devem cooperar e são muitas as questões que exigem cooperação", disse o presidente chinês, segundo a emissora.

Durante a campanha eleitoral, Trump acusou a China de manipular sua taxa de câmbio e propôs impor tarifas de 45% sobre produtos chineses. O republicano também ameaçou retirar os EUA do acordo que visa frear o aquecimento global, que o atual presidente americano, Barack Obama, ajudou a promover ao lado de Xi, em Paris, no ano passado.

Ainda no comunicado, o escritório de Trump disse que o republicano espera que ele e o presidente chinês tenham "um dos relacionamentos mais fortes para ambos os países de agora em diante".

Em entrevista concedida ao The Wall Street Journal após sua eleição, na semana passada, Trump comentou que havia recebido manifestações da maioria dos líderes, mas que ainda não havia falado com Xi. Segundo a mídia estatal chinesa, porém, Xi parabenizou Trump por meio de telegrama logo após a eleição do republicano. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;