Fechar
Publicidade

Domingo, 28 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Apenas um acusado de castrar meninos é julgado no Pará


Do Diário OnLine

02/09/2003 | 16:02


O juiz da 15ª Vara Penal de Belém Ronaldo Valle, responsável pelo julgamento dos acusados de matar meninos e retirar seus órgãos sexuais durante um ritual de magia negra no Pará, desmembrou o julgamento que seria feito nesta terça-feira. Os crimes aconteceram entre os anos de 1989 e 1993 em Altamira, a 777 quilômetros de Belém.

Pela decisão, começou nesta manhã apenas o julgamento do médico Anísio Ferreira de Souza, acusado de castrar os meninos. A data do julgamento do outro médico supostamente envolvido na ação, Césio Brandão, não foi definida. Também seria julgada nesta terça a vidente Valentina de Andrade, 72 anos, apontada como líder da seita Lineamento Universal Superior.

Ao contrário de Césio, porém, Valentina não compareceu à sessão desta terça. O advogado Américo Leal, defensor dela, alegou que sua cliente estava doente. Ao ser notificado, o juiz chegou a anunciar que decretaria a prisão dela, mas concordou em mudar a data.

Na primeira etapa Anísio Souza negou a autoria dos crimes, bem como as mutilações. Interrogado por 2h, ele disse que "jurou salvar vidas quando recebeu o diploma de médico". Na segunda etapa, que começou à tarde, os jurados ouvem a leitura das peças do processo, e as manifestações da defesa e acusação.

Na semana passada, o Tribunal do Júri condenou o comerciante Amailton Madeira Gomes e o ex-policial militar Carlos Alberto dos Santos Lima, respectivamente, a 57 e 35 anos de prisão.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;