Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Polícia tentará identificar agressores de 'emos'


Bruno Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

30/07/2008 | 07:09


A Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância) da Polícia Civil de São Paulo tentará identificar os responsáveis pelas agressões contra emos ocorridas nas imediações do Shopping ABC, em Santo André, no último sábado.

Pelos menos três adolescentes ficaram feridos após o ataque de um grupo de 30 pessoas.

A delegada-assistente Daniela Branco, disse que um relatório do incidente, elaborado pela ONG (Organização Não-Governamental) ABCD'S (Ação Brotar pela Cidadania e Diversidade Sexual), foi encaminhado ao setor de investigação da Decradi. A equipe analisará os documentos e decidirá, juntamente com a direção da delegacia, se há elementos suficientes para a instalação de um inquérito criminal.

O Decradi é uma delegacia especializada em investigações desse tipo. É o setor da polícia acionado, por exemplo, em casos de brigas entre punks e skinheads ou em confrontos entre torcidas organizadas. Há pelo menos 3.000 pessoas cadastradas como ‘violentos' na delegacia.

GANGUES
O relatório elaborado pela ABCD'S contém páginas do site Orkut que identifica alguns dos supostos agressores dos emos. Seriam um grupo que já teria agido nas imediações do Shopping ABC contra esses adolescentes. Diferentemente do que haviam informado ontem, o grupo não é o Carecas do ABC.

O Diário tentou contato com esses supostos agressores por meio de e-mail, mas nenhum deles retornou as mensagens.

Entre os emos, o principal temor é de que eles fiquem impossibilitados de freqüentar a calçada em frente ao Shopping ABC aos sábados - principal ponto de encontro da tribo no Grande ABC há quase dois anos.

O comando da Polícia Militar informou ontem que chegou a socorrer um dos agredidos na briga de sábado. O menor de 16 anos foi encaminhado ao Pronto Atendimento Central de Santo André, mas não registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil.

A Polícia Militar informou ainda que o comando da área que engloba o Shopping ABC será notificado a adotar as medidas preventivas necessárias para impedir que novos confrontos desse tipo tornem a ocorrer.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;